3 “poderes especiais” que pessoas ansiosas apresentam

Pessoas ansiosas não são ansiosas por que querem. Embora pouca gente leve isso a sério, a ansiedade se trata de um transtorno real, que pode afetar negativamente vários aspectos da vida de quem sofre com o problema.

Nessa outra matéria (clique aqui), você conheceu um pouco mais sobre o transtorno e entendeu o que as pessoas realmente sentem quando estão no meio de uma crise de ansiedade. Aliás, se você se identificou com os sintomas, não deixe de procurar ajuda profissional!

Mas, mesmo com todos com contratempos que o transtorno pode trazer à vida, ao que tudo indica, nem tudo é ruim sobre a ansiedade crônica. Conforme estudos científicos realizados em partes diferentes do mundo, pessoas ansiosas também contam com características diferenciadas, quase como “poderes especiais”; que as distinguem dos demais.

A percepção elevada das situações ao redor é um bom exemplo dessas características especiais com as quais as pessoas com ansiedade contam. No entanto, esse não é o único poder exclusivo dos ansiosos, como você confere abaixo.

Conheça os “poderes especiais” que pessoas ansiosas apresentam:

1. Reconhecimento do perigo

Pesquisas das Universidades Paris Sciences et Lettres e Pierre et Marie Curie, na França, usaram uma técnica chamada eletroencefalografia para registrar a resposta cerebral dos voluntárias, enquanto eles examinavam expressões faciais de raiva e de medo. Eles perceberam que as emoções que sinalizavam uma ameaça para o observador eram representadas de uma forma melhor em determinadas regiões do cérebro, dentro de uma fração de segundo depois que a expressão facial foi mostrada.

O mais interessante de tudo é que a resposta das regiões cerebrais que controlam essas ações foi maior em voluntários com níveis mais altos de ansiedade. Para os pesquisadores, isso indica que pessoas ansiosas tendem a reagir mais rapidamente às ameaças sociais no ambiente.

2. QI Elevado

Pesquisadores americanos descobriram que existem uma relação direta entre inteligência e ansiedade, pelo menos  no caso do Transtorno de Ansiedade Generalizada (TAG). Em voluntários sem a condição, por outro lado, não ouve o mesmo sucesso.

Mas, voltando às pessoas ansiosas com TAG, não só o QI elevado foi percebido, mas também um maior grau de preocupação.

3. Grau elevado de empatia

Conforme pesquisas do Departamento de Psicologia da Universidade de Haifa, em Israel, pessoas com alto nível de ansiedade social apresentam tendências elevadas de empatia. Os pesquisadores observaram que as pessoas ansiosas conseguem perceber mais facilmente e com alto nível de precisão as emoções dos demais. Essa habilidade, aliás, está diretamente ligada com o primeiro tópico e a região do cérebro mais aguçada nessas pessoas.

Interessante, não? Conhece alguém com essas características especiais? Não deixe de nos contar nos comentários.

E, falando em habilidades e características especiais, você pode gostar de conferir também essa outra matéria: 9 coisas que só mutantes conseguem fazer com o corpo.

Fonte: Awebic