Cachorros lambem as feridas por um motivo bem inteligente

Se você já teve um cãozinho ou se já observou o comportamento de um, sabe que é comum quando cachorros lambem as feridas. Eles fazem isso de uma forma instintiva, obviamente, mas, segundo a ciência, existe um motivo bem inteligente por trás disso.

Conforme especialistas, quando eles lambem as feridas estão, na verdade, colaborando para a cicatrização dos ferimentos. O hábito também ajuda na vascularização do tecido ferido e a acabar com a bactéria no machucado, acelerando assim o processo de recuperação da pele.

Por que eles lambem as feridas

Agora, se você ainda não entende porque a lambida dos cães pode fazer isso tudo, a resposta é bem simples: os segredo está na saliva desses bichinhos. Estudos mostraram que a grande responsável por esse efeito curativo é uma substância chamada histatina 5 e que está presente na babinha dos cães.

Mas, claro, dependendo do ferimento a saliva não pode ser considerada a única forma de cura. Se o seu cachorro estiver com uma ferida profunda ou que não fecha, o mais indicado é procurar um veterinário para que o problema receba o tratamento adequado.

E as feridas das pessoas?

Ainda sobre as propriedades curativas da saliva dos cachorros, se eles lambem as feridas compulsivamente esse pode não ser um fator positivo e é preciso interferir. Isso porque, se ao mesmo tempo aquela substância que mencionamos ajuda a curar, a saliva dos cães também contam com um monte de outras bactérias que podem acabar contaminando o machucado, já que eles costumam lamber também as coisas mais impróprias possíveis.

É por esse mesmo motivo que a lambida dos cachorros em feridas humanas não é indicado. Isso pode acabar infeccionando o ferimento e causando transtornos bem graves às pessoas.

E aí, sabia desse pequeno detalhe sobre aquela lambidinha do seu amiguinho? Agora, falando em cães, pode ser que essa matéria também seja bem útil para você: Como ensinar seu cachorro a fazer xixi e cocô no lugar certo.

Fonte: Vix, UmComo