Filho do meio é, cientificamente, o mais problemático da família

Se você tem mais de um irmão, provavelmente, conhece a fama do filho do meio, não é verdade?

A não ser que você esteja nessa posição em sua família e viva na pele o drama de ser o irmão “sanduíche”, você já percebeu que seu irmão do meio é mais brigão, encrenqueiro e que adora chamar atenção, não é mesmo?

O que muita gente achava ser apenas um clichê, foi comprovado recentemente pela Ciência: o filho do meio realmente o mais problemático dos filhos.

Segundo uma pesquisa desenvolvida pelo Instituto de Tecnologia de Massachusetts, nos Estados Unidos, a ordem de nascimento é um determinante nesse caso e pode, inclusive, interferir no futuro dos filhos.

Filhos do meio x falta de atenção

Para chegar a essa conclusão, os cientistas responsáveis pelo estudo analisaram dados de irmãos americanos e dinamarqueses e registraram até que o filho do meio, na maior parte das vezes, tem entre 25% e 40% mais chances de terem problemas na escola. Eles também têm maior tendência à delinquência e a terem complicações com a lei no futuro.

O grande problema nisso tudo, conforme observaram os pesquisadores, é a educação dada pelos pais. Isso porque, enquanto o primeiro filho recebe atenção absoluta como a única criança da casa, o filho do meio acaba não recebendo tanta atenção assim.

Influências

Os pesquisadores observaram também que, por causa disso, o filho mais velho se espelha mais no pais, já o filho do meio, por outro lado, tem o irmão mais velho como espelho.

Ainda sobre isso, os responsáveis pela pesquisaram afirmam que o investimento dos pais nos filhos mudam bastante, sendo que a influência dos irmãos costuma contribuir para essas diferenças no futuro, especialmente quanto ao mercado de trabalho e à questão da delinquência.

Conforme o condutor do estudo, o pesquisador Joseph Doyle afirma que é muito difícil separar essas duas coisas, uma vez que elas acontecem ao mesmo tempo.

Interessante, não? Pelo menos agora você se justificar para os seus pais se for o filho do meio, ou pode provar para o seu irmão que ele é cientificamente problemático!

Agora, falando em ordem de nascimento nas famílias, você precisa ver também: Irmão mais velho é mais inteligente, afirma a Ciência.

Fonte: Minha Vida