Não adianta nada forrar o vaso com papel higiênico, segundo a Ciência

Quem nunca deu aquela olhadela desconfiada para o vaso sanitário, em um banheiro público; e, para aliviar a consciência, decidiu forrar o vaso com papel higiênico para evitar contaminações? Embora essa seja uma tática mais usada pelas mulheres que pelos homens, a verdade é que todo mundo se sente melhor quando tem um tipo de isolamento entre o assento da privada e o próprio traseiro. Não é mesmo?

Mas, para todo mundo que um dia confiou nessa tática para se proteger das nojeiras dos banheiros públicos, aí vai uma notícia desoladora: segundo a Ciência, não adianta NADA forrar o vaso com papel higiênico. Aliás, conforme os pesquisadores, a verdade é que o papel higiênico pode piorar a situação nesses casos.

Ficou sem entender como isso é possível, não é mesmo? A gente explica para você, caro leitor (espantado).

2

Porque não forrar o vaso com papel higiênico

Conforme o responsável pelo estudo, o microbiólogo Jason Tetro, é muito pior quando você usa o papel higiênico para forrar o vaso sanitário. Isso porque, embora a privada tenha milhares de germes, bactérias e outras sujeiras, as chances de infecções por se sentar nela são muito remotas. Aliás, o especialista acrescenta que você só vai estar exposto a contaminações se, literalmente, lamber o assento.

5

Por outro lado, o papel foi desenvolvido para absorver e é exatamente o que ele faz. Quando você decide forrar o vaso com papel higiênico, ao invés de criar uma barreira isolante, ele aumenta suas chances de contaminação, já que suga todas as bactérias e outras coisas nocivas à sua saúde e cria um ambiente propício para a proliferação desses micro-organismos.

Outros perigos

O especialista explica ainda que há maiores chances de contaminação devido a outras superfícies dentro de um banheiro público e que, ao contrário do vaso sanitário, você não pensa em manter distância.

A válvula da descarga, a maçaneta da porta e o próprio papel higiênico, dependendo das condições em que estiver disponível; têm mais bactérias que o assento da privada. Chocante, não?

6

O que fazer

Então, a melhor forma de se proteger contra os perigos dos banheiros que todo mundo usa é lavando aos mãos. Fora isso, o microbiólogo aconselha que se preste atenção a alguns outros detalhes, como:

. Evitar sabonetes em barra;

. Não usar o papel higiênico se o rolo estiver molhado, sujo, apoiado no chão ou em alguma parte do vaso sanitário;

. Evitar contato direto com as maçanetas e descargas;

. Só usar toalhas descartáveis, se estiver em banheiros públicos;

. E, novamente, lavar as mãos;

Sem título

Agora, se você não conseguir evitar o impulso de forrar o vaso com papel higiênico ou se proporcionar qualquer tipo de proteção, a dica é: use lenços umedecidos antissépticos, ou menos álcool em gel, para limpar o assento antes de se sentar.

E, por falar em banheiros e suas “nojeiras”, você deveria ler também: 17 segredos sobre banheiros que você deveria saber.

Fonte: Mundo Conectado