O que um Big Mac faz com seu corpo depois de 1 hora

Se sua “praia” são os fast foods, com certeza você faz parte do time dos que adoram um Big Mac, não é mesmo? Isso, claro, se confirma se você souber de cor a letra daquela música do McDonald’s: dois hambúrgueres, alface, queijo, molho especial, cebola, picles e um pão com gergelim. E aí, cantou ou não?

O problema é que esse tipo de alimento, apesar de saboroso, é pobre em nutrientes bons e rico em gordura e açúcares. Isso tudo faz com que a Big Mac, quando dentro de nosso estômago, se torne uma verdadeira bomba atômica para o corpo.

E olha que isso não é conversa de grupos naturebas e, muito menos, teorias da conspiração contra o McDonald’s. A verdade é que o Big Mac e outros tipos de fast food são desastrosos para todo nosso organismo e seus efeitos negativos no corpo podem se prolongar por mais de 1 mês. Acredita?

Mas, como você vai ter oportunidade de conferir hoje, os desastres são ainda maiores na primeira hora depois do consumo de um grande e completo Big Mac. A ilustração desenvolvida pelo site americano Fast Food Menu Price, e a lista que reações que destacamos abaixo, são provas incontestáveis disso.

6

Da mesma forma que você já teve oportunidade de conferir os estragos que a Coca-Cola faz em seu corpo até 1 hora depois do consumo, você está prestes a descobrir que tem muito mais com o que se preocupar além das 540 calorias de um Big Mac. A pergunta é: você está preparado para isso?

Veja, abaixo, o um Big Mac faz com seu corpo depois de 1 hora:

10 minutos

1

Assim que você termina de devorar seu Big Mac, o corpo começa a interpretar as “informações” que essa sua extravagância começa a dar. Nesses primeiros 10 minutos, por exemplo, o que você experimenta é uma sensação de prazer bem parecida com a causada pela cocaína.

Isso porque seu corpo libera o hormônio da dopamina, responsável pela sensação de recompensa. Esse processo é estimulado pelas grandes quantidades de açúcares e gorduras presentes nesse alimento.

20 minutos

2

Passados 20 minutos depois que você comeu um Big Mac inteiro, a enorme quantidade de frutose, presente no famosos xarope de milho; e de sódio (970 miligramas) ingeridos dão início a uma espécie de crise de abstinência em seu corpo. Nesse momento você quer mais uma dose cavalar desses dois nutrientes altamente viciantes.

30 minutos

3

Meia hora depois de mandar para dentro o Big Mac, todo o sódio presente no sanduíche começa a se manifestar de uma maneira ruim. Seu corpo começa a ficar desidratado, o que deixa o cérebro confuso, sem entender se é foma ou sede. Aí, como sua ânsia ainda é grande, batatas fritas e até mesmo outro Big Mac enorme parecem uma opção muito mais atraente que um corpo de água.

Juntamente a tudo isso, os rins passam por um dificuldade enorme na tentativa de expulsar o sal do corpo. O coração, então, começa a bombear mais rápido e a pressão arterial aumenta.

40 minutos

4

Nessa etapa já não é mais o sódio a grande preocupação. Depois de 40 minutos que você comeu um Big Mac os níveis de açúcar do sangue ficam descontrolados. A sensação de fome, então, se intensifica e tudo o que seu corpo ordena é mais uma dose de comida gordurosa.

1 hora

E, se você acha que escapou vivo depois de 1 hora, você está completamente enganado. Só depois de 60 minutos que você comeu um Big Mac é que o corpo começa o processo de digestão, que nesse caso é longo e árduo. Estudos mostram que é possível levar até 3 dias para digerir completamente um Big Mac, devido à quantidade de gordura presente nele.

E não é só de gordura simples que estamos falando. A infografia mostra, por exemplo, que a gordura trans presente no Big Mac (cerca de 1,5 gramas por unidade), demora até 51 dias para ser devidamente digerida.

Essa lentidão no processamento dos nutrientes gordurosos, por sua vez, aumentam os riscos complicações no coração, especialmente se você tem o hábito de comer e repetir esse tipo de alimento em pouco dias.

E agora fica a pergunta: ainda compensa comer um Big Mac?

Fonte: Fast Food Menu Price