Quem são as únicas 7 mulheres do mundo que podem usar branco na frente do Papa?

Você sabia que apenas 7 mulheres em todo o mundo tem o privilégio de usar branco na presença de um Papa?

Entenda o “privilégio do branco”

O direito de usar branco em encontros e audiências com o Papa é chamado de “privilégio do branco”. Esse direito está reservado a princesas e rainhas católicas e especialmente em encontros importantes no Vaticano, como audiências privadas, canonizações, beatificações ou missas especiais.

O protocolo diz ainda que qualquer outra mulher que não tenha o “privilégio do branco” deve usar um vestido preto sem decote e com mangas compridas e uma mantilha preta na cabeça ao se encontrar com o Papa.

Durante visita do presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, ao papa, por exemplo, suas filhas Melanie Trump e de Ivanka usavam vestidos preto de mangas longas e véus cobrindo a cabeça.

Quem são as mulheres com o privilégio do branco?

Princesa Charlene do Mônaco

Rainha Letizia da Espanha

Rainha emérita Sofia da Espanha

Rainha Matilde da Bélgica

Rainha Paola da Bélgica

Grã-duquesa Maria Teresa do Luxemburgo

Princesa Marina de Nápoles

Papa Francisco

Apesar de ser um protocolo do Vaticano, fotos recentes revelam que o atual Papa Francisco é mais flexível que seus antecessores. Em 2014 a a rainha Elizabeth, da Inglaterra, “visitou” o Papa usando um vestido lilás, e não preto como manda a regra.

 

Fonte: DN
Imagens: Reprodução