Curiosidades

Bruce Lee – Origem, história, artes marciais, carreira no cinema e filmes

Famoso por filmes de artes marciais que exaltavam a cultura e o povo chinês, Bruce Lee morreu no auge de sua carreira mas deixou um legado.

Atualizado em 22/05/2020

Bruce Lee foi um artista de origem chinesa, famoso pelas habilidades em artes marciais e por seus filmes em Hollywood. Por meio de sua arte, Lee conseguiu destaque no cinema e, assim, tronou-se um dos lutadores mais influentes do século.

Além disso, o artista se tornou referência para o povo chinês. Isso porque utilizou a luta e sua fama para representar a China e seu orgulho nacional.

Graças à sua popularidade, por exemplo, filmes de artes marciais típicos de Hong Kong conseguiram alcançar um novo patamar, incluindo mais espaço em Hollywood.

Antes da fama

Bruce Lee - história, artes marciais, carreira no cinema e principais filmes
All That Is Interesting

Bruce Lee nasceu em 27 de novembro de 1940, em São Francisco (Califórnia). Filho do chinês Lee Hoi-Chuen com a chinesa-alemã Grace Ho, Lee nasceu enquanto os pais estavam viajando com uma companhia de ópera. Aos três meses, então, eles voltaram para Hong Kong.

Em cantonês, seu nome era Jun Fan (São Francisco revigorado), mas ele recebeu o nome ocidental durante o nascimento.

Quando tinha 14 anos, durante a escola secundária, Lee passou a representar a instituição em competições de boxe interescolar.

Mais tarde, aos 19 anos, ele acabou se envolvendo em uma briga com um filho de um integrante da Tríade, perigosa gangue local. Assim, para garantir a segurança de Bruce, seu pai o enviou para viver nos Estados Unidos.

Vida na América

Bruce Lee - história, artes marciais, carreira no cinema e principais filmes
All That Is Interesting

Bruce Lee chegou nos EUA para morar com um amigo de seu pai, com US$ 100 no bolso. Depois de um tempo morando em São Francisco, acabou se mudando para Seattle, onde completou o ensino médio.

Formado, Lee passou a estudar filosofia na Universidade de Washington. Foi lá, inclusive, que ele conheceu sua futura esposa. Lee se casou com Linda Emery em 1964 e teve dois filhos (Brandon Lee, em 1965, e Shannon Lee, em 1969).

Foi também durante a década de 60 que Bruce Lee começou a sua carreira de ator nos EUA. Ele ganhou muito destaque por interpretar Kato, na série Besouro Verde. A série foi ao ar entre 1966 e 1967 e chegou a ser exibida em Hong Kong, com o nome The Kato Show, em homenagem a Lee.

Logo após a estreia na TV, o ator começou a ganhar espaço em mais produções, mas não ia muito além de papéis secundários. Dessa maneira, se frustrou com a falta de espaço e decidiu voltar para Hong Kong. Graças à fama conquistada com Besouro Verde, Lee começou a fazer filmes e viu sua carreira decolar.

Artes marciais

Bruce Lee - história, artes marciais, carreira no cinema e principais filmes
All That Is Interesting

Fora das câmeras, Bruce Lee enxergava as artes marciais como um meio de desenvolver a saúde moral e espiritual. Desde cedo, ele aprendeu fundamentos de Tai Chi Chuan com seu pai e carregou consigo os princípios aprendidos.

Durante a adolescência, Lee começou a treinar no Wing Chun com o mestre Yip Man. No entanto, sua maior influência foi o mestre Wong Shun-leung.

Depois que aprendeu todo o Wing Chun e já estava nos EUA, Lee começou a criar um sistema próprio de artes marciais.

Novo Estilo

Bruce Lee - história, artes marciais, carreira no cinema e principais filmes
All That Is Interesting

A princípio, a arte marcial de Bruce Lee misturava elementos de Wing Chun com boxe e esgrima. Ele começou ensinando amigos de Seattle, incluindo o judoca Jesse Glover.

Para Bruce Lee, a arte marcial tradicional tinha regras muito rígidas para que funcionassem em lutas reais, de rua. Sendo assim, ele decidiu focar em elementos de praticidade, flexibilidade, agilidade e eficiência. Foi assim que ele inseriu no treinamento de luta outras técnicas, como uso de peso, corrida e alongamentos.

Primeiramente, suas técnicas eram conhecidas como “estilo sem estilo”, mas ganharam o nome Jeet Kune Do, ou Caminho do Punho Interceptado.

Entretanto, Lee acabou se arrependendo da criação do estilo, porque determinava um conjunto de regras, sendo que ele queria exatamente a quebra delas. Essa crítica de Bruce às artes marciais tradicionais, por exemplo, é considerada o primeiro passo para o desenvolvimento das artes marciais mistas, ou MMA.

Morte

Bruce Lee - história, artes marciais, carreira no cinema e principais filmes
All That Is Interesting

Bruce Lee morreu em 20 de julho de 1973, por edema cerebral. Ele estava em Hong Kong, discutindo planos para seu novo filme, quando começou a sofrer com dores de cabeça e tomou um analgésico. Algumas horas depois, foi tirar uma soneca e não apareceu para o jantar.

Um médico chegou a ser chamado, mas nem mesmo dez minutos de tentativa de reanimação foram suficientes para recuperar Lee. Quando o artista chegou ao hospital, já estava morto. O cérebro de Bruce Lee chegou a inchar de 1.400 para 1.575 gramas.

Existem teorias que apostam que Lee teria sido morto pela Tríade. Além disso, existe quem acredita que o edema tenha sido resultado de uma relação alérgica à maconha. Ainda que a alegação seja controversa, é fato que vestígios da planta foram encontradas em seu corpo na autópsia.

Principais filmes de Bruce Lee

The Big Boss (1971)

Em 1971, Bruce Lee apareceu no mercado de filmes de Hong Kong com The Big Boss. Na história, Ele viaja para a Tailândia, onde sua família está sendo vítima do dono de uma fábrica de gelo local. Com os familiares assassinados, Bruce inicia um caminho de vingança num filme obrigatório para os fãs do artista.

A Fúria do Dragão (1972)

Logo após o sucesso de The Big Boss, Bruce veio para uma nova história focada em vingança. Mas além disso, tratava da opressão sofrida por chineses por forças japonesas. Sendo assim, a principal mensagem era de orgulho nacionalista para o povo chinês.

O Voo do Dragão (1972)

O terceiro filme de Lee elevou as coisas para um outro nível mais uma vez. Além de atuar, Bruce escreveu, dirigiu e co-produziu o longa. Além disso, colocou alguns toques de humor, em contraste com os tons mais sérios dos filmes anteriores. O filme tem uma das lutas mais icônicas do cinema: Bruce Lee contra Chuck Norris, antes da fama.

Operação Dragão (1973)

https://www.youtube.com/watch?v=MdHCz2KexCs

Depois dos sucessos dos filmes em Hong Kong, Bruce Lee finalmente ganhou uma produção em Hollywood. Produzido pela Warner Bros, o filme focava numa audiência ocidental, diferente dos anteriores. Apesar do grande sucesso que o filme teve ao redor do mundo, Bruce Lee morreu três semanas antes do lançamento do longa nos cinemas.

Jogo da Morte (1978)

Ainda que Bruce Lee já estivesse morto, tinha cenas gravadas para  seu quinto filme. Dessa maneira, os produtores decidiram utilizar parte do material para contar uma nova história com o ator. Entretanto, Bruce só aparece nos minutos finais do filme, editado de uma forma controversa e é bem criticado.

Fontes: Escola Educação, Aficionados, Peça Hoje, Terceiro Tempo

Imagens: All That Is Interesting