Viagem

Cidade mais fria do mundo, qual é? Características e outros lugares frios

Na cidade mais fria do mundo é quase impossível cultivar vegetais e a temperatura é tão extrema que as queimaduras de frio são comuns.

Atualizado em 23/09/2020

Na maior parte do Brasil, as temperaturas permanecem altas ou amenas durante boa parte do ano. Por se tratar de um país predominantemente tropical, até mesmo nosso inverno pode ser quente. Mas, não é assim no resto do mundo. A cidade mais fria do mundo já registrou – 50° Celsius.

Trata-se de Yakutsk, na Rússia, atualmente considerada a cidade mais fria do mundo fora da Antártica. Por isso, a vida nesse local é totalmente determinada pelo frio, a começar pelo acesso ao local. Isso porque, chegar a esse município implica em atravessar rios e lagos congelados e carros adaptados com correntes nas rodas.

Além disso, para que suprimentos cheguem a Yakutsk, os caminhoneiros precisam viajar em comboios. Isso se deve ao fato de que, além do perigo das estradas, há o risco de que os motores dos caminhões congelem e os motoristas fiquem presos nas rodovias devido ao frio. Assim, eles costumam deixar os veículos ligados por semanas inteiras para evitar o congelamento.

Mas, nem só de frio vivem os habitantes de Yakutsk. Durante cerca de três semanas, os moradores da cidade mais fria do mundo, têm uma trégua no frio e os termômetros podem chegar a até 30°C. Desse modo, as pessoas aproveitam para abastecer seus reservatórios de suprimentos e fazer compras em locais próximos.

A vida em Yakutsk, a cidade mais fria do mundo

Fonte: Uol Noticias

Yakutsk é uma cidade de 3,1 milhões de quilômetros quadrados situada na Sibéria. Também chamada de República da Iacútia, a cidade pode atingir temperaturas entre 40°C e 50°C negativos durante o rigoroso inverno. Andar nesse local significa se deparar com neve, névoa e gelo por todo lado.

Por causa do frio extremo que dura a maior parte do tempo, a vida na cidade teve que ser adaptada. Por isso, alguns hábitos são bem diferentes dos que estamos acostumados:

  • Nas feiras, por exemplo, quase não há verduras, mas predominam peixes frescos;
  • Por causa da grande quantidade de gelo, é preciso adaptar as rodas dos veículos;
  • Além disso, o gelo faz com que seja praticamente construir alicerces ou cavar covas;
  • Queimaduras de gelo são muito comuns nessa cidade e em outras localidades frias;
  • As pessoas são orientadas a usarem óculos ao andarem nas ruas, pois o gelo pode congelar até mesmo os cílios;
  • Os principais pratos da culinária local são a base de peixe, porque o frio não impede a pesca no local.

Além da cidade mais fria do mundo: 10 cidades congelantes

1- Astana (Cazaquistão)

Fonte: Bol

A capital do Cazaquistão é conhecida por ser uma cidade planejada e também por suas temperaturas baixíssimas. Além disso, o clima atinge extremos no local: no verão a temperatura pode chegar aos 35°C enquanto, no inverno, os termômetros já chegaram  à marca de -51.6°C.

2 – Whitehorse (Canadá)

Fonte: Bol

O Canadá, de modo geral, é um país bastante frio. Whitehorse, especificamente, é uma das cidades mais frias do país… e do mundo! Além disso, a cidade figura entre um dos lugares com o ar mais puro.

A cidade faz parte da província de Yukon, onde a média no inverno é de -15.2°C.

3 – Novosibirsk (Rússia)

Fonte: Bol

A Rússia é, certamente, um dos lugares mais frios do planeta, por isso deve aparecer bastante nessa lista. Na cidade de Novosibirsk, por exemplo, as temperaturas no inverno são de de -15.8°C. Contudo, há registros de até -18°C no local.

4- Harbin (China)

Fonte: Bol

Já essa cidade chinesa é tão fria que ganhou a alcunha de “Cidade de Gelo”. Além disso, ela é a oitava mais populosa do país. Durante o mês de janeiro, o mais frio do ano, as temperaturas chegam oscilam entre -12°C e -24°C. Por ser tão fria, a localidade sedia o Festival Internacional de escultura em Gelo e Neve.

5 – Fairbanks (Estados Unidos)

Fonte: Bol

Para representar a América, essa cidade dos Estados Unidos, cuja temperatura varia chega a até -22°C. Além disso, são sete meses ininterruptos de inverno!

6 – Ulaanbaatar (Mongólia)

Fonte: Bol

Apesar dessa região ser habitada desde a pré-história, a cidade, especificamente, foi fundada em 16639. O frio no local é tanto, que fósseis de mamutes congelados em ótimo estado de conservação foram encontrados. De modo geral, os dias frios atingem temperaturas de até -24.6°C.

7 – Yellowknife (Canadá)

Fonte: Bol

Mais uma cidade canadense para a lista. A cidade de Yellowknife fica a apenas 400 quilômetros do Círculo Polar Ártico. Os 20 mil habitantes do local enfrentam temperaturas de -26°C ao longo de boa parte do ano.

8 – Churchill (Canadá)

Cidade mais fria do mundo, qual é? Características e outros lugares frios
Fonte: Bol

Já esta outra cidade canadense é bem pequena. Em Churchill vivem, aproximadamente, 900 pessoas. Contudo, o local chama a atenção pelas famílias de ursos polares que migram para a região durante os meses de outubro e novembro. Por esse motivo, a cidade ficou conhecida como “capital mundial do urso polar”.

A cidade é tão fria que até mesmo no verão neva. Além disso, as temperaturas em janeiro ficam entre -23°C e os -31°C.

9 – Iqaluit (Canadá)

Fonte: Bol

Nessa cidade canadense, o frio é tão intenso que as árvores não crescem! Isso porque, as raízes não conseguem atibgir a profundidade necessária devido ao solo congelado. Por fim, no inverno, a média é de  -27.5°C.

10 – Oymyakon (Rússia)

Fonte: Gazeta do Povo

Para finalizar, mais uma cidade russa que já foi considerada a mais fria do mundo. Além disso, cerca de 500 pessoas vivem no local que já registrou -67,7 °C, em 1933.

Enfim, saiba tudo sobre os destinos mais inusitados do planeta: Groenlândia, fatos e curiosidades sobre a maior ilha do mundo

Fontes: National Geographic, TerraBBC, Megacurioso, Bol

Images: Uol, National Geographic, Bol, Gazeta do Povo

Por <a href='https://segredosdomundo.r7.com/author/amandasales/' rel='dofollow' class='dim-on-hover'>Amanda Sales</a>
Por Amanda Sales
Jornalista, escritora, redatora e social media. Gosto de coisas demais para caber aqui. Instagram: @tobemcansada