Curiosidades

Coceira na garganta, o que fazer? Possíveis causas do problema

A coceira na garganta, muito comum, pode surgir quando o corpo entra em contato com substâncias irritantes ou em caso de resfriados.

Atualizado em 14/10/2020

Certamente você já sentiu uma coceira na garganta e ficou se perguntando o que era. Bem, a resposta para isso pode não ser simples. Isso porque, esse pode ser o sintoma de vários problemas de saúde, como: alergias, exposição a substâncias irritantes, infecções.

Além disso, a coceira na garganta pode aparecer associada a outro sintoma bastante desagradável, a tosse. Em muitos casos, a tosse surge como reação à coceira na garganta. De modo geral, a coceira na garganta também pode ser causada pela exposição a ar-condicionado ou ventilador. Em outros casos, pode ser consequência da mudança de tempo ou da reação do corpo a vírus.

Contudo, apesar de parecer inofensivo, coçar a garganta pode causar outros sintomas. De acordo com especialistas, pigarrear no entanto de coçar a garganta pode causar dor ou mesmo rouquidão. Isso é causado pelo atrito entre as cordas vocais.

Possíveis causas da coceira na garganta

1- Rinite alérgica

Fonte: Bing

De modo geral, a rinite alérgica trata-se de uma inflamação na mucosa do nariz. Os sintomas mais comuns associados à essa alergia são: espirros, coriza, tosse seca e nariz e garganta coçando. Além disso, ela pode surgir quando uma pessoa entra em contato com substâncias como poeira, pólen ou pelo de animais.

Desse modo, nesses casos, especialistas recomendam o uso de remédios anti-histamínicos, bem como descongestionantes nasais. Além disso, é importante manter-se afastado da substância que desencadeou o problema.  No mais, há remédios naturais que podem ajudar a tratar sintomas como a coceira na garganta.

2- Alergia alimentar

Fonte: Bing

Outra possível causa para a coceira na garganta pode ser a alergia alimentar. Comumente, após a ingestão de algum tipo de alimento, pode haver reações na pele, nos olhos, garganta, bem como inchaços.  Nesses casos, também é recomendado o uso de anti-histamínicos e da suspensão do alimento.

Contudo, no caso de reações mais graves, pode ser preciso procurar ajuda médica urgente. Isso porque, alergias alimentares podem causar um choque anafilático, que pode resultar em morte.

3- Desidratação

Coceira na garganta, o que fazer? Possíveis causas do problema
Imagem: SdM

Nem sempre a coceira na garganta é resultado de doenças ou alergias. Isso porque, pode significar um quadro de desidratação. Esta pode ser causada ingestão insuficiente de líquidos, diarreia, vômitos, insolação ou excesso de suor. Além da coceira na garganta, a desidratação pode ser acompanhada de outros sintomas como: sede, boca seca, pele e olhos secos, diminuição da quantidade de urina e da pressão arterial e até mesmo tonturas.

Em situações como essa, recomenda-se a ingestão de água e bebidas isotônicas. Além disso, o soro caseiro é um excelente aliado de quem precisa se hidratas. Para fazer, basta misturar 1 colher de sopa de açúcar e 1 colher de café de sal num litro de água. A mistura pode ser ingerida aos poucos ao longo do dia.

4- Efeito colateral de medicamentos

Fonte: Bing

Apesar de serem usados para melhorar a saúde, os remédios podem trazer efeitos colaterais. Um desses pode ser a coceira na garganta. Contudo, é preciso ter em mente que essa situação não trata-se de uma alergia a medicamento, situação que pode ter efeitos mais nocivos à saúde.

De acordo com especialistas, a coceira na garganta causada pelo uso de medicamentos é um efeito secundário que passa com o tempo. Entretanto, caso não passe, é preciso consultar um médico para substituir o medicamento. Além disso, tomar uma colher de mel pode auxiliar nesses casos.

5- Refluxo gastroesofágico

Fonte: Bing

De modo geral, o refluxo consiste no retorno do conteúdo do estômago para o esôfago em direção à boca. Nesses casos, a coceira na garganta é consequência da irritação provocada pelo conteúdo ácido do estômago. Desse modo, é importante procurar um médico que pode indicar medicamentos como antiácidos, bem como suspender alguns alimentos da dieta.

6- Amigdalite ou resfriado

Fonte: Bing

A coceira na garganta também pode ser indicativo de amigdalite ou resfriado. No entanto, é preciso ter atenção aos sintomas, que podem incluir também inflamação, febre, dor de garganta, coriza, tosse, coceira no ouvido, arrepios e desconforto.

Nessas situações, o tratamento depende do diagnóstico, por isso é importante consultar um profissional. Sendo assim, o médico vai indicar a medicação mais adequada para cada caso.

7- Exposição à substâncias irritantes

Coceira na garganta, o que fazer? Possíveis causas do problema
Imagem: UOL

A coceira na garganta também pode ser causada pelo contato com substâncias como fumaça do tabaco ou de tubos de escape dos carros, produtos de limpeza e outras substâncias tóxicas ou irritantes. Além desse sintoma, tais substâncias também podem causar tosse e coceira.

Nessas situações, é importante evitar as substâncias irritantes. Além disso, pastilhas à base de medicamentos podem ajudar com a sensação de irritação e coceira.

Em todos os casos aqui apresentados, se os sintomas persistirem é necessário consultar um médico. Saiba mais sobre saúde lendo também essa matéria: Dor de garganta: 10 remédios caseiros para curar sua garganta

Fontes: Tusa Saúde, Cuidados pela vida, Minha vida

Imagens: Bing e UOL.

Por <a href='https://segredosdomundo.r7.com/author/amandasales/' rel='dofollow' class='dim-on-hover'>Amanda Sales</a>
Por Amanda Sales
Jornalista, escritora, redatora e social media. Gosto de coisas demais para caber aqui. Instagram: @tobemcansada