Ciência & Tecnologia

Planeta Terra – Origem, camadas, movimentos, curiosidades sobre a Terra

O planeta Terra é conhecido por ser o único, no sistema solar, a ter condições de vida, pelo menos até agora. Saiba mais sobre nosso lar.

Por Ingrid Carvalho

-

O planeta Terra é fonte de vida. Nele há vários organismos vivos que realizam um detalhado processo de manutenção. Esse processo é a principal característica da Terra. Pois nenhum outro planeta do sistema solar pode abrigar vida como ela.

Com isso, pode-se dizer que a Terra se localiza na via Láctea. Portanto faz parte do Sistema Solar. Além disso, o planeta Terra é o único com temperatura adequada ao desenvolvimento e proliferação de vida. Dessa forma, o planeta não é muito quente e nem muito frio.

São vários os movimentos feitos pela Terra. Mas os principais são a rotação e translação. A primeira consiste em um movimento que o planeta faz em torno de si mesmo. Com isso, ele gasta 24h completas para realizar tal movimento. Já a translação é o movimento responsável pelas estações do ano. Ou seja, ele ocorre de acordo com a posição da Terra em relação ao sol.

Mas você sabe como funciona o planeta que nos abriga? Você conhece a origem, como ele se move, a aparência dele, ou sobre suas diversas camadas? Entenda agora como o único planeta capaz de abrigar vida funciona. Além disso, veja também quais são suas características.

Sistema Solar

Planeta Terra - Conheça tudo sobre o nosso planeta natal
Fonte: Estudo Prático

Para entender como a Terra funciona, primeiro de tudo é preciso conhecer o sistema solar. Por isso, caso não saiba o que é o sistema solar, ele nada mais é que todos os corpos celestes. Tais elementos estão alinhados girando em torno do sol, basicamente, asteroides, planetas e cometas. Pois o sol é a estrela principal. Ela que fornece luz e calor aos planetas.

Os mais próximos do sol são os planetas Mercúrio, Vênus, Terra e Marte. Dessa forma, eles contém uma camada sólida e rochosa. Portanto são denominados como um grupo de planetas telúricos. Os mais distantes do sol são os planetas Júpiter, Saturno, Urano e Netuno. Esses são chamados de gigantes gasosos.

No entanto existem os planetas anões. Ficam localizados perto do centro do sistema solar. São eles: Ceres, Plutão, Haumea, Makemake e Éris.

Origem do mundo e da Terra

Planeta Terra - Conheça tudo sobre o nosso planeta natal
Fonte: FreeImages.com

Existem varias teorias a cerca de como o mundo surgiu. Mas a principal, é a teoria do Big Bang. Ou seja, acredita-se que houve uma grande explosão à 13 ou 14 bilhões de anos atrás. Essa explosão teria sido cósmica e dado origem as estrelas e a gálaxia. Consequentemente, mais tarde surgiria a Terra dessa mesma explosão. O que desencadearia um processo de evolucionismo.

No entanto existem outra teoria principal, a do criacionismo. Nela é apresentado o argumento de que Deus seria o criador do mundo e da Terra.

Como é possível que saibamos a idade da Terra?

Só é possível obter essas informações graças a rochas radioativas. Elas possuem vestígios de elementos radioativos que se solidificaram em uma certa época. Essas ficam localizadas na crosta terrestre. Com isso, os cálculos são realizados e também com a ajuda das meias vidas dos elementos.

Ou seja, é importante que nos elementos não haja conteúdo radioativo estranho. Pois  assim estarão contaminadas, impedindo que se tenha o resultado real.

Camadas da Terra

Planeta Terra - Conheça tudo sobre o nosso planeta natal
Fonte: Estudo Prático

O planeta Terra é composto por várias camadas internas. São elas a crosta terrestre, o manto, o núcleo, entre outras. Elas são formadas de rocha e metal. Além disso, são ficam localizadas abaixo da superfície da terrestre.

Crosta Terrestre

Planeta Terra - Conheça tudo sobre o nosso planeta natal
Fonte: InfoEscola

Também conhecida como litosfera, ela corresponde a parte da camada mais externa. Com isso, ela é formada por rochas e minerais, como sílico, magnésio, ferro e alumínio. Fica a 10 Km sob os oceanos e entre 25 e 100 Km sob os continentes.

Nessa camada são encontrados os continentes, as ilhas e o fundo oceânico. Além disso, nota-se que é constituída por grandes blocos rochosos. Ao contrário do que se pensa, a crosta não é uma camada inteiriça. Esses blocos são mais conhecidos como placas tectônicas. Elas se movimentam e podem provocar tremores na Terra.

Manto

Ele fica entre a crosta terrestre e o núcleo. Inclusive é conhecida também como camada intermediária. Essa parte se divide em duas, que são manto inferior e o superior. Geralmente, pode chegar a apresentar de 30 a 2 900 Km abaixo da crosta. Apenas com uma diferença, o manto não é sólido.

Além disso, ele é composto por material magmático, em estado pastoso. A temperatura chega em média de até 2 000ºC. E é a movimentação do magma, que também é chamado de correntes de convecção. Por causa dos movimentos da correntes ocorre a movimentação da crosta.

Planeta Terra - Conheça tudo sobre o nosso planeta natal
Fonte: Estudo Kids

Núcleo

Essa é a parte mais interna do planeta Terra. Dessa forma, divide-se em núcleo externo e núcleo interno. Por ser uma camada mais profunda a temperatura é maior. Segundo cientistas, nessa camada pode fazer até 6 000 ºC.

Além disso, o núcleo é formado por ferro, silício e níquel. Era esperado que essas substâncias se encontra-se em estado líquido. No entanto, a camada do núcleo apresenta elevada pressão, que acabam mantendo essas substâncias sólidas.

O planeta Terra visto pelo lado de fora

Planeta Terra - Conheça tudo sobre o nosso planeta natal
Fonte: Terra

Vista do espaço a Terra é parecida, sobretudo, com um mármore azul. Cheia de redemoinhos brancos com detalhes em verde, marrom, amarelo e branco. Esse azul nada mais é que a água, que cobre cerca de 71% da superfície da Terra. Com isso, os redemoinhos brancos são as nuvens e as áreas em marrom, verde e amarelo são a terra. Ainda tem áreas em branco que são, basicamente, a neve existente no planeta.

Além disso, existe a a linha do equador. Ela é responsável por dividir o planeta Terra em duas metades. Ou seja, o hemisfério sul e o hemisfério norte, que correspondem ao sul e norte. Com isso, o ponto mais setentrional da Terra é chamado de Polo Norte. Enquanto o mais meridional é nomeado de Polo Sul.

Atmosfera

Planeta Terra - Conheça tudo sobre o nosso planeta natal
Fonte: Islam em português

Ela corresponde a uma camada gasosa, que envolve todo o planeta Terra. Com isso, é composta por gases que são mantidos pela gravidade. A sua principal função é proteger o planeta da radiação solar. Dessa forma, ela age filtrando esses raios. Além de manter a temperatura média, fazendo assim que não haja grande amplitude térmica.

Ou seja, percebe-se que a atmosfera age como uma película de proteção da Terra. Pois ela evita também que fragmentos rochosos atinjam o planeta. Nela existe outras camadas como a troposfera, estratosfera, mesosfera, termosfera e exosfera.

Hidrosfera

Essa camada corresponde os corpos hídricos do planeta. Ou seja, a parte que tem água que são os mares, rios, lagos, oceanos e águas subterrânea.

Biosfera

Planeta Terra - Conheça tudo sobre o nosso planeta natal
Fonte: Geografando por Completo

Trata-se da camada que corresponde ao conjunto de ecossistemas existentes na Terra. Ou seja, trata-se dos grupos de seres vivos que habitam o planeta. Eles se encontram desde os pontos mais elevadas do planeta e vai até nos que ficam no fundo do oceano.

Características da Terra

Planeta Terra - Conheça tudo sobre o nosso planeta natal
Fonte: Infoescola

A Terra tem cerca de 12.756.2 km de diâmetro. Com isso, sua área de superfície chega a aproximadamente 510.072.000 km². Inclusive sua massa chega a 5,9736 x 1024 kg, sendo distante do sol cerca de 149.600.000 km. Possui como satélite natural a lua.

Realiza o movimento de rotação que dura 23h, 56 minutos e 4 segundos. Como também o de translação que dura 365 dias, 5 horas e 48 minutos. Além disso, a temperatura média do planeta é de 14ºC, com uma população terrestre de aproximadamente 7.722.522.000 habitantes.

Como é possível saber que a Terra é redonda?

Planeta Terra - Conheça tudo sobre o nosso planeta natal
Fonte: HypeScience

Em primeiro lugar, saiba que essa certeza existe há mais de 2 mil anos. Ou seja, os humanos já sabem sobre esse fato há muito tempo. Mas para tal descoberta os gregos antigos tiveram que usar várias técnicas. Uma delas foi a de medir as sombras durante o solstício de verão, para assim calcular a circunferência do planeta. Além disso, usaram também a posição das estrelas e constelações para estimar as distâncias na Terra.

Ao final observaram a sombra da Terra na lua em um eclipse lunar. Já atualmente, os cientistas usam de outro método, a geodésia. Ou seja, a ciência de medir forma, gravidade e rotação da Terra. Ela afirma que a Terra é redonda. Pois fornece medições precisas que comprovam o fato.

Mas mesmo que o planeta seja uma esfera, ela não é perfeita. Por conta da força gerada quando a terra gira, os polos norte e sul são ligeiramente achatados.

Movimentação da Terra

Planeta Terra - Conheça tudo sobre o nosso planeta natal
Fonte: Geo – Conceição

A Terra se movimenta ao redor do sol uma vez a cada 365 dias. Muitos não sabem mas o planeta não tem formato de um círculo perfeito. Dessa forma, ele tem forma oval e isso faz com que a Terra ao sol varie durante o ano. O período em que o planeta Terra está mais perto do sol é em janeiro. Também chamado de periélio, a terra fica mais perto do sol cerca de 91 milhões Km de distância.

Além desse movimento, o planeta também realiza uma volta em torno de seu próprio eixo. Isso de forma que seja de uma vez a cada 24h, ou seja, um dia. Como dito anteriormente, o eixo é a linha imaginária que divide a Terra, em polos sul e norte.

Por fim, ao todo, a Terra realiza 14 tipos de movimento.

A Terra está desacelerando

Planeta Terra - Conheça tudo sobre o nosso planeta natal
Fonte: Minilua

Essa perca de rotação, está acontecendo de modo quase imperceptível. Ou seja, em cerca de 117 milissegundos a cada 100 anos. E fora isso, a taxa em que isso ocorre não é perfeitamente uniforme. Dessa forma, a consequência disso são os dias mais longos. Mas está acontecendo de maneira tão lenta que pode demorar 140 milhões de anos para que o dia fique com 25h.

Por que o planeta Terra tem estações?

Planeta Terra - Conheça tudo sobre o nosso planeta natal
Fonte: InfoEscola

Acontece porque o eixo do planeta está inclinado. Com isso, os raios solares atingem mais diretamente diferentes partes do planeta. Enquanto outras não recebem tanto assim. Mas isso depende da época do ano.

Ou seja, no período de dezembro a fevereiro o sol atinge diretamente mais o hemisfério sul. Por isso, temos o verão, onde o clima é mais quente. Enquanto isso, no hemisfério norte fica frio, ou seja, tem inverno.

Nos períodos de junho a agosto os raios de sol não atingem diretamente o hemisfério sul. No entanto no hemisfério norte estará sendo atingido. O resultado é, basicamente, o hemisfério sul com o clima frio, ou seja, inverno. E no hemisfério norte um clima mais quente, sendo assim o verão.

Já no período de setembro a novembro, o sol brilha igualmente para os dois hemisférios. Por isso, resulta no outono para o hemisfério norte e na primavera para o hemisfério sul. Outro período que o sol aparece igual para os dois lados é de março a maio. Dessa maneira, ocasiona a primavera para o hemisfério norte e o outono para o sul.

Como funciona o sistema da Terra

Planeta Terra - Conheça tudo sobre o nosso planeta natal
Fonte: YouTube

O planeta Terra consiste, basicamente, em ar, água, terra e vida. Ele engloba diversas áreas como montanhas, vales e áreas planas. O ar oferecido é composto por diferentes gases.  Mas o principal é o nitrogênio e o oxigênio. Já as águas incluem oceanos, rios, lagos, riachos, chuva, neve e gelo.

O que entende-se por vida são os seres que na Terra existem. Como animais, seres humanos e plantas. Com isso, existem milhares de espécies ou tipos de vida no planeta. Esses seres podem variar de tamanho microscópico para um tamanho gigante.

Esse sistema já foi visto de maneira separada. Mas percebe-se que o planeta Terra não funciona dessa forma. Por isso o sistema só funciona, muito bem, junto. Pois tudo está conectado.

Placas tectônicas

A crosta terrestre da Terra, ao contrário dos outros planetas, é dividida em várias placas sólidas. Elas flutuam em no manto superior de forma independente. Portanto, são chamadas de placas tectônicas e são caracterizadas por realizarem dois processos, o da convergência e o da divergência,

A divergência nada mais é que o distanciamento de duas placas entre si. Isso cria uma nova crosta, por causa do surgimento do magma por baixo. Já a convergência consiste na aproximação de duas placas. Durante esse processo e a colisão dessas placas pode haver a subducção. Ou seja, a borda de uma placa afunda abaixo da outra, sendo destruída no manto.

Planeta Terra - Conheça tudo sobre o nosso planeta natal
Fonte: Infoescola

Quais são as 12 placas principais

  • Placa norte-americana, fica localizada nos limites da América do Norte, oeste do Atlântico e da Groenlândia;
  • Placa Sul-Americana fica entre a América do Sul e Oeste do Atlântico Sul;
  • Placa Antártica fica entre a Antártica e o Oceano Antártico;
  • Placa Euroasiática fica localizada no Leste do Atlântico Norte, pegando a Europa e Ásia, menos a Índia;
  • Placa Africana fica na África, passando pelo leste do Atlântico Sul e o Oeste do Oceano Índico;
  • Placa Indo-Australiana localiza-se na Índia, Austrália, Nova Zelândia e a maior parte do Oceano Índico;
  • Placa de Nazca toma o Leste do Oceano Pacífico adjacente a América do Sul;
  • Placa do Pacífico localiza-se na maior parte do Oceano Pacífico;
  • Placa Filipina fica no Oceano pacífico à Leste das Filipinas;
  • Placas dos Cocos localiza-se no Oceano Pacífico à Oeste da América Central;
  • Placa Arábica encontra-se na Península Arábica até a Turquia;
  • Placa Caribeana toma a América Central e o Mar do Caribe.

 A origem da vida na Terra

Planeta Terra - Conheça tudo sobre o nosso planeta natal
fonte: Papo Primata

Primeiro de tudo, você precisa saber que a Terra foi dividida em 4 eras. Elas são Hadeano, Arqueano, Proterozoico e Fanerozoico. As três primeiras eras, juntas, duraram quase, cerca, de 4 bilhões de anos. Inclusive são conhecidas como período pré-cambriano.

Há cerca de 3,8 bilhões de anos atrás, ou seja no período Arqueano, foram encontradas evidências de vida. Mas ela não era abundante até o período Fanerozoico.

Essa época por sua vez é dividida em 3 eras. Elas são o Paleozoico, Mesozoico e, também, o Cenozoico. Na primeira era foi quando houve o desenvolvimento de muitos tipos de animais e plantas, tanto nos mares quanto na terra. Com isso, a era Mesozoica foi o período de existência dos dinossauros. E por fim, a era Cenozoica é a que vivemos atualmente. Ou seja, a era dos mamíferos.

Outras curiosidades sobre o planeta Terra

1- Antigamente, acreditava-se que a Terra fosse o centro do universo

Os cientistas do passado insistiam nessa teoria, que a Terra era estática. Principalmente, por estarem baseados nos movimentos do sol e dos planetas em relação ao nosso ponto de vista. Dessa forma, acreditavam que era os outros corpos celestes estavam se movimento ao redor do nosso planeta.

Tempos mais tarde, Copérnico mostra que o Sol é quem está no centro do universo. O que também não é verdade. Mas ajudou bastante, atualmente, para saber que o astro-rei é o centro do nosso sistema.

2- A Terra tem um poderoso campo magnético

Planeta Terra - Conheça tudo sobre o nosso planeta natal
Fonte: InfoEscola

Isso só ocorre pelo fato do núcleo da Terra conter níquel e ferro. E junto a rotação realizada pelo planeta ocasionam o fenômeno. Além disso, ele ajuda na proteção da Terra contra os ventos solares.

3- Existe apenas um satélite natural da Terra

É fato que a Lua é o maior satélite natural, basicamente, de todo planeta em nosso sistema solar. No entanto, ela é apenas o quinto maior satélite natural conhecido.

4- A Terra é o único planeta que não recebeu nome de um Deus

Planeta Terra - Conheça tudo sobre o nosso planeta natal
Fonte: InfoEscola

Repare que todos os outros planetas são nomeados com o nome de deuses romanos. Apenas Mercúrio, Marte, Vênus, Júpiter e Saturno foram nomeados ao longo dos tempo antigos. Isso ocorreu, principalmente, por serem mais visíveis a olho nu. Esse método romano foi mantido durante a descoberta de Urano e Netuno.

5- A Terra é o planeta mais denso do Sistema Solar

No entanto, isso varia de acordo com a parte do planeta. Principalmente, porque o núcleo metálico é mais denso que a crosta. Com isso, a densidade média da Terra é de cerca de 5,52 gramas por centímetro cubico.

Caso tenha gostado de conhecer mais sobre o planeta Terra e todas as suas características. Veja também sobre Plutão – Características, luas e curiosidades do ex-planeta anão.

Fonte: Brasil Escola, Hiper Cultura, Mundo Educação e Planeta Terra info

Fonte da imagem de destaque: Euronews 

Próxima página »

Escolhidas para você