Ciência & Tecnologia

Descubra por que azul é a cor favorita da maioria das pessoas

Vários estudos científicos explicam as razões pelas quais temos uma cor preferida, enfatizando o azul. Mas, por que isso acontece?

Qual é a sua cor favorita? Essa é uma pergunta genérica, no entanto, quase sempre a resposta é azul. Em suma, a ciência começou a fazer essa pergunta há pouco mais de 30 anos.

Em 1993, o fabricante do Crayola, empresa que lançou um dos primeiros produtos artísticos não tóxicos, perguntou a um grupo de crianças qual era sua cor favorita, e a maioria escolheu tons de azul ou azul.

A predominância da cor azul não surpreende Lauren Labrecque, professora da Universidade de Rhode Island, nos Estados Unidos, que estuda o efeito da cor no marketing.

E segundo seu relato à BBC, ter uma cor preferida é algo que vem desde a infância. Portanto, quanto mais tempo as crianças passam no mundo, mais elas começam a desenvolver afinidades por determinadas cores, dependendo daquilo a que foram expostas e do que associam a isso.

Continua após a publicidade

Por que, segundo a ciência, azul é a cor favorita das pessoas?

Seguindo essa linha, um estudo com 330 crianças entre 4 e 11 anos descobriu que elas usavam suas cores favoritas ao desenhar um personagem que achavam agradável e tendiam a usar preto com um protagonista que não gostavam ou não gostavam.

E à medida que essas crianças entram na adolescência, suas escolhas de cores assumem um tom mais sombrio.

Em consonância com o exposto, Karen Schloss, professora assistente de psicologia da Universidade de Wisconsin-Madison, nos Estados Unidos, afirma que sempre temos uma cor favorita porque nos cercamos de coisas favoritas, como tênis, camisetas, batom ou desodorante.

E quando se trata da cor azul, as pessoas lhe dão significado, principalmente a partir de histórias subjetivas, e assim criam motivos pessoais para achar uma tonalidade repelente ou atraente.

Continua após a publicidade

Curiosamente, outros estudos não encontraram a mesma relação. E é que a forma como os humanos associam as emoções às cores é extremamente complexa. Diz-se que quando chegamos à adolescência, optamos por tons escuros e sombrios, embora não haja evidências científicas que sustentem essa crença.

Essas paletas de cores parecem convergir quando chegamos à idade adulta. Estranhamente, enquanto a maioria dos adultos prefere tons de azul, a cor menos apreciada é o marrom-amarelo profundo.

Por que gostamos do azul?

Ao azul associamos o céu e o mar, serenidade, relaxamento, silêncio, nostalgia. O azul tem um efeito calmante e certos tons de azul também transmitem uma sensação de frio e dureza. A ele associamos água fria e gelo, que também podem aliviar a dor.

Com paredes pintadas de azul, os quartos parecem maiores e o espaço mais relaxante. E nas roupas, o azul em todas as suas tonalidades é o mais utilizado.

Continua após a publicidade

A calça jeans, por exemplo, é a calça mais usada no mundo. Roupas azuis nos fazem parecer confiantes, determinados, sensatos, confiáveis, mas também um tanto distantes. Não é por acaso que a maioria dos uniformes ao redor do mundo são azuis.

Por que as pessoas têm cores favoritas?

Segundo o estudo sobre a teoria da valência ecológica de Stephen Palmer e Karen Schloss, as cores não são neutras e somos nós que lhes damos esse significado. É assim que criamos razões pessoais para achar um determinado tom atraente ou repulsivo.

Isso também implica que nossa percepção da cor pode variar dependendo da maneira como ela é apresentada. Desse modo, se associarmos uma cor a algo negativo ou que nos cause rejeição, nossa percepção dessa cor será mais negativa.

Assim, pode-se explicar porque, enquanto o azul é a cor preferida da maioria da população, o marrom não é. Este último é frequentemente associado a comida podre, fezes e outras coisas que não são tão positivas quanto um céu azul claro.

Continua após a publicidade

E por que tem gente que não gosta de azul?

Mesmo as experiências vividas também podem afetar nossa reação às cores. Desse modo, sabemos que o azul é a cor favorita de muita gente, além de ser relaxante e calmante. No entanto, em algumas pessoas pode não causar essas sensações, muito pelo contrário.

Possivelmente porque esse indivíduo desenvolveu uma fobia de água devido a um trauma na infância. Então, ao perceber aquela cor, ao invés de se acalmar, fica agitado. De certa forma, isso acontece porque as experiências moldam nossa memória, especialmente as experiências que nosso cérebro associa às emoções.

Além disso, embora o azul seja uma cor tão aceita, evitamos quando aparece nos alimentos. Fazemos isso porque quase não existem na natureza. Ao mesmo tempo, associamos a coloração azul dos alimentos ao perigo ou à intolerância, à putrefação e às substâncias amargas.

O mofo, por exemplo, é azul ou verde-azulado, enquanto os cogumelos geralmente ficam azulados, preto-azulados ou roxos.

Continua após a publicidade

Qual é a relação entre as cores e os sentimentos?

Os sentimentos e emoções são desencadeados por um componente fisiológico. No entanto, eles também são influenciados por um fator cultural. Independentemente do comprimento de onda que tenham, seu significado pode mudar de uma região para outra. Por exemplo: na Europa, a cor roxa está associada à realeza, mas na Ásia está associada ao luto.

O efeito que as cores têm na percepção e no comportamento dos seres humanos é reduzido ao termo “psicologia das cores”. Este ramo da psicologia estabelece que cada cor tem um significado em nosso subconsciente. Portanto, elas podem nos deixar felizes, tristes, relaxados e até nos ajudar a perceber a desordem.

Fontes: BBC, Super Abril, Canaltech, FTC

Leia também:

Continua após a publicidade

Cores da lua: as diferentes cores que pode ter e porque acontecem

Cores de diamante, quais são? Origem, características e preços

Cores de cachorro: guia completo com padrões de pelagem das raças

Bandeira do Brasil: qual o verdadeiro significado de suas cores?

Continua após a publicidade

Cores de olhos mais raras e exóticas do mundo

Qual o significado por trás das cores da Bandeira LGBT

Como são feitos os fogos de artifício? Entenda os estouros e as cores

Continua após a publicidade
Próxima página »

Escolhidas para você