Ciência & Tecnologia

Surface web, deep web e dark web: qual é a diferença?

A surface, ou superfície da web, é o oposto da deep web, que é a parte da Internet não indexada. Saiba mais sobre ela neste artigo!

A surface web é a parte da Internet que a maioria de nós usa todos os dias. Desse modo, todo o seu conteúdo é acessível por meio de navegadores tradicionais como Google Chrome, Safari ou Firefox.

Os motores de busca usam o processo de rastreamento para indexar as páginas da web. Assim, o público em geral acessa apenas a web de superfície. Aliás, estima-se que apenas 4% a 10% do conteúdo está disponível para o público em geral em todo o oceano da web.

Em suma, existem três níveis de internet a surface ou web normal, a deep web e a dark web. Veja quais as diferenças entre elas a seguir.

Quais as diferenças entre as camadas da internet?

As camadas da internet são basicamente três e incluem:

Sufarce web

A superfície da web compreende todos os sites que podem ser visitados por navegadores como Google Chrome, Microsoft Edge e Mozilla Firefox.

Ademais, a superfície da web é a internet como a maioria das pessoas a conhece. Facebook, Amazon, Google, Netflix e até mesmo este artigo fazem parte da superfície da web.

Continua após a publicidade

Deep web

A deep web ou web profunda inclui sites que só podem ser visitados com o uso de senha ou outro meio de autenticação.

Pense em sua caixa de entrada de e-mail e página do Facebook, mas também em bancos de dados corporativos, portais de alunos e plataformas de vendas de e-commerce. Todavia, algumas pessoas costumam confundir o termo ‘deep web’ ao se referir à ‘dark web’.

Dark web

A “dark web” é um termo coletivo para sites que só são acessíveis usando o navegador Tor. Esses sites não são acessíveis através do Google Chrome, Firefox ou outros navegadores populares.

Aliás, a dark web é frequentemente vista como um lugar perigoso, mas também existem sites legítimos na dark web que não representam necessariamente qualquer perigo.

Como a acessar a surface web?

Usuários normais da internet acessam a superfície da web diariamente ao digitar qualquer site em qualquer navegador, como o Google Chrome, e acessá-lo em seu celular ou computador.

Os sites de todas as empresas jurídicas operam na superfície da web. Muitos desses endereços usam cache em seus sites. Isso significa que eles coletarão algumas informações suas quando você visitar os sites, com objetivo de melhorar a sua experiência no site.

Continua após a publicidade

Todavia, os sites que coletam esses dados devem cumprir os regulamentos de privacidade de dados, como a recente Lei Geral de Proteção de Dados 2018 do Brasil.

Por que a deep web e a dark web não podem ser acessadas por navegadores padrões?

Essas regiões da internet geralmente são acessadas por meio do Tor, abreviatura de The Onion Router, que roteia o tráfego para sites obscuros por meio de camadas de criptografia para permitir o anonimato.

O Tor criptografa os dados, incluindo o destino, várias vezes e os envia por meio de um circuito de códigos selecionados aleatoriamente. Cada retransmissão descriptografa uma camada de criptografia para revelar apenas a próxima retransmissão a fim de passar os dados criptografados restantes adiante.

O código final do Tor descriptografa a camada mais interna de criptografia e envia os dados originais ao seu destino sem revelar, ou mesmo saber, o endereço de origem. Parece complicado, mas somente assim é possível acessar o lado profundo e sombrio da internet.

O que é a Mariana’s Web?

Além da surface web, deep web e dark web existe ainda a Mariana’s Web. A camada ou teia da Mariana é a parte mais escura, profunda e perigosa ainda mais que a darknet. Curiosamente, o nome teve inspiração na fossa das Marianas que é lugar mais profundo do oceano.

Acredita-se que essa parte da web contenha os segredos de agências poderosas. Inclusive, o site mais preocupante da internet também pode estar por lá. Por fim, alguns dizem que a Mariana’s Web hospeda dados secretos de órgãos e governos.

Continua após a publicidade

Todavia, não há nenhuma evidência concreta que prove ou desaprove claramente sua existência. E dependendo de quais rumores você acredita; pode ser a parte mais ou menos assustadora da internet.

Então, curtiu saber mais sobre as camadas da internet? Pois, você também vai gostar de: Bitcoin, o que é? Como funciona, como comprar e investir a moeda digital

Próxima página »

Escolhidas para você