Repelentes: 9 aromas naturais que espantam os mosquitos

Eles são pequenos, mas tiram qualquer um do sério, sem contar que a coceira que suas picadas causam podem despertar alergias em pessoas mais sensíveis. Mas, mesmo em locais abertos, mosquitos não precisam ser um problema se você souber usar os repelentes corretos para mandá-los para bem longe.

Mas, ao invés de usar aqueles produtos de farmácia que nem sempre funcionam e que não são tão baratos, é possível usar produtos naturais aromáticos que funcionam como repelentes.

E o melhor disso é que o cheirinho deles não é nada ruim para o olfato humano.

Baunilha in natura, óleos essenciais herbais e até mesmo galhos frescos de algumas plantas são bons exemplos dos repelentes que você vai descobrir serem bastante eficientes na lista abaixo.

A melhor parte disso é que eles não costumam causar irritação ou despertar alergias e podem ser usados tranquilamente em crianças e em pessoas com a pele sensível.

Confira 9 aromas naturais que funcionam como repelentes de mosquitos:

1. Baunilha

Misturar um pouco de extrato de baunilha aos cremes de bebês, numa porção de 1 para 10, por exemplo, funciona como um ótimo repelente.

Você também pode dissolver a baunilha na água e esfregar essa solução nas regiões do corpo que ficarão descobertas. Borrifar essa mistura nas roupas também é bem eficaz.

2. Óleos essenciais

Óleos essenciais de cravo-da-índia, manjericão, anis e de eucalipto ajudam a manter os mosquitos longe se aplicados nas áreas expostas da pele. Para a mistura, basta colocar de 5 a 10 gostas em um copo de 200 ml de água.

Esses óleos funcionam também bem se pingados na churrasqueira ou em uma fogueira, se em locais abertos, por exemplo. Umedecer um chumaço de algodão com esses óleos e colocá-los na janela também é uma das formas de usar esses óleos como repelentes.

3. Galhos de sabugueiro

Os galhos frescos de sabugueiro também são ótimos repelentes. Mas, é preciso tomar alguns cuidados para usar esse método.

Embora natural, o cheiro forte da planta pode causar insônia, se deixada no quarto a noite.

4. Cravo-da-índia

Apenas 5 gramas de cravo-da-índia, fervidas em 200 ml de água, por 15 minutos. Depois disso, você só precisa diluir 10 gotas desse concentrado em uma colher das de café de qualquer perfume e esfregue a mistura nas áreas expostas do corpo.

Esse é um dos repelentes naturais mais eficientes que existem, mas deve ser retocado pelo menos a cada duas horas.

5. Galhos de zimbro

Se você quer ficar livre dos mosquitos em um lugar aberto, faça uma fogueira com alguns galhos de zimbro e pronto!

6. Óleo de pinheiro

Esse é um dos repelentes mais eficientes da lista não só contra os mosquitos, mas também contra as moscas e as malditas baratas.

7. Camomila

Aquelas mesmas florzinhas que fazem seu chá calmante são ótimas aliadas contra os mosquitos. Segundo especialistas, tanto as flores, quanto os caules e as próprias folhas secas da camomila atacam as células nervosas dos insetos afugentando os incheridos.

Para aproveitar esse potencial repelente da flor, basta espalhar algumas ramos pela casa.

8. Manjericão

Você pode usar a folha de manjericão bem picadinha nos ambientes ou esfregar o sumo das folhas amassadas nas partes expostas do corpo.

Como você já viu nessa outra matéria (clique aqui), o manjericão, bem como outras ervas aromáticas também são bastante eficientes contra as moscas.

9. Repelente caseiro

Óleo vegetal de qualquer tipo, shampoo e vinagre a 9%. Você só precisa misturar os ingredientes em proporções iguais e misturar até que surja uma espuma branca.

Então, você coloca essa mistura em um recipiente com spray e borrifá-lo pelo corpo ou, se quiser, simplesmente deixar o frasco aberto para que o aroma tome conta do ambiente.

E aí, já usou alguma dessas opções aromáticas como repelentes? A notícia boa é que eles são naturais e, por isso, não causam irritações na pele e são opções seguras até mesmo para crianças.

Agora, falando nos mosquitos perturbadores, você pode gostar de conferir também: Por que mosquitos picam mais algumas pessoas que outras?

Fonte: Incrível