Curiosidades

Animação perdida da Disney, anterior ao Mickey, é encontrada no Japão

Animação perdida da Disney foi feita em 1928, estrelada pelo personagem Oswald, é mais antiga que o próprio Mickey Mouse.

Se o Mickey Mouse – símbolo da Walt Disney World – já tem 90 anos, a animação perdida da Disney que você está prestes a ver é ainda mais antiga. O curta-metragem que virou notícia há alguns dias foi feito em 1928 e esteve “sumido” todo esse tempo.

A animação perdida da Disney, como você vai ver, era da personagem de Oswald, o Coelho Sortudo. Ele também foi criado por Walt Disney, mais exatamente em setembro de 1927, e foi antecessor do Mickey Mouse.

Acontece que o empresário acabou perdendo os direitos autorais sobre Oswald no ano seguinte à sua concepção. Para driblar o problema e não perder o ritmo, o que o desenhista fez foi adaptar o coelho para um rato e transformá-lo em um dos desenhos animados mais famosos de todos os tempos.

Onde estava Oswald?

Rascunho automático

Continua após a publicidade

Conforme pesquisadores do assunto, Walt Disney chegou a criar 26 curta-metragens do coelho Oswald. Embora muitas delas tenham se perdido no tempo, essa cópia física (que você vai ter oportunidade de assistir logo mais) acabou sendo encontrada na coleção de um colecionador japonês, chamado Yasushi Watanabe.

Yasushi tem 84 anos e é um grande apaixonado por animações. Ele, claro, não tinha ideia de que as pessoas estavam em busca da tal “animação perdida da Disney”.

Continua após a publicidade

Ele conta que adquiriu a animação ainda na adolescência, em uma banca, na cidade de Osaka. Apesar de estar sob o título “Mickey Manga Spide”, o rolo continha uma animação de dois minutos de Oswald, no episódio Neck n’ Neck.

O curta agora está guardado no Kope Planet Film Archive, no Japão.

Continua após a publicidade

A busca pelo “coelho perdido”

Muito tempo se passou sem que ninguém falasse do personagem Oswald, até que o artista David Bossart deu o alarme sobre o sumiço de quase todas as animações do coelho. Ele percebeu durante as pesquisas para seu livro “Oswald, o Coelho Sortudo: A Busca pelos Desenhos Perdidos da Disney.

Rascunho automático

Quando Bossart publicou o livro, ele e o Walt Disney Archives começaram a ser contatados por pessoas de todo o mundo, indicando onde poderiam ser encontradas cópias da animação.

Uma dessas pessoas, claro, foi Yasushi Watanabe, que se declarou fã da Disney e se ofereceu para colaborar com o resgate do curta-metragem.

Continua após a publicidade

Assista à animação perdida da Disney, de 1928:

E então, gostou de assistir ao curta-metragem? Você também é fã de animações em preto e branco ou prefere as animações atuais, cheias de diálogos e tecnologias? Comente!

Agora, falando em animações, confira ainda: Os nomes verdadeiros de 20 personagens das animações.

Fontes: Galileu, Observatório do Cinema

Continua após a publicidade

Próxima página »

Escolhidas para você