Como parar de soluçar em alguns segundos

Soluçar não é a melhor coisa do mundo, como você sabe, mas não tem jeito de correr desse destino: mais hora, menos hora, você vai se render aos soluços. O problema é que, mesmo se tratando de algo repentino e de curta duração, pelo menos na maioria das vezes, todo mundo fica doido para descobrir métodos que façam parar de soluçar o mais rápido possível, não é mesmo?

Pois se esse é seu objetivo aqui, saiba que a matéria de hoje vai mesmo ensinar algumas técnicas simples, recomendadas por especialistas, que podem fazer você para de soluçar em segundos. Mas, antes de mais de irmos às soluções desse incômodo, vamos falar um pouco sobre o que se trata os soluços.

Como você já deve imaginar, não é só o ato de comer depressa ou ingerir bebidas alcoólicas e gasosas que causam os soluços. Aliás, soluçar vai muito além do movimento involuntário do tronco acompanhado com aquele barulho constrangedor.

De onde vem os soluços?

De acordo com a medicina, o soluço se trata de uma contração que seu corpo não é capaz de controlar, resultante de espasmos que acontecem dentro de você, no diagrama ou em músculos intercostais. Já as contrações dos soluços, pelas quais você também já deve passado algumas vezes na vida, têm origem na respiração repentina e no súbito fechamento da glote. É daí que vem aquele “ric” característico.

O problema é que a medicina, ainda hoje, não sabe afirmar porque exatamente o soluço existe, nem se ele desempenha algum tipo de papel fisiológico importante. Mas sabe-se que até mesmo os bebês são capazes de soluçar dentro do útero materno, devido aos exercícios de respiração anteriores ao nascimento.

Mas, e quando o soluço não vai embora? Se for algo que dure alguns minutos é possível usar as técnicas que listamos abaixo para parar de soluçar. No entanto, se o quadro se prolongar ou se for muito recorrente, o ideal mesmo é procurar um especialista, já que pode se tratar de um sintoma de doenças.

Descubra como parar de soluçar em segundos:

1. Beber água

6

Uma das formas mais populares de fazer uma pessoa parar de soluçar é bebendo água. Essa “receita” do tempo da vovó funciona mesmo, assim como gargarejar com a água, já que isso ajuda a acalmar e a manter o nervo frênico, que se estende da coluna cervical até algumas partes do crânio, ocupado com uma nova atividade que não seja provocar o soluço.

2. Levar um susto

2

Desse método todo mundo sabe, não é mesmo? Pois, segundo a Ciência, o susto é mesmo capaz de cortar os soluços porque ativa o nervo vago, um nervo craniano que controla as ações motoras e sensitivas. O que faz a pessoa parar de soluçar, nesse caso, é a descarga de adrenalina, que deixa o organismo todo em estado de alerta e distrai o cérebro.

3. Manipular o diafragma

5

Claro que você não vai usar as mãos para isso, já que não é uma cirurgia. Mas dá para ativar o diagrama flexionando o tórax sobre as coxas, como se estivesse abraçando as pernas; ou apoiando o tórax contra uma superfície rígida. Deitar no chão, por exemplo, é uma ótima forma de controlar os espasmos do diagrama.

4. Engolir uma colherada de açúcar

3

Quando você faz isso, acaba sobrecarregando o nervo da boca com o sabor adocicado, ao mesmo tempo em que distrai o cérebro do problema. Só não vale fazer isso se você sofrer com diabetes.

5. Prender a respiração

1

Esse é outro dos métodos populares para parar de soluçar que realmente funciona. Isso porque quando você se força a parar de respirar, o gás carbônico acaba se acumulando em seus pulmões e chega a um nível em que estimula o nervo frenético, responsável pelo soluço, a voltar a funcionar normalmente.

6. Respirar no saco de papel

4

Isso também funciona para fazer uma pessoa parar de soluçar e segue, basicamente, o mesmo princípio de quando você prende a respiração: a quantidade de dióxido de carbono aumenta no sangue e o corpo “foca” em se livrar dele, esquecendo-se assim de manter os soluços.

7. Sentir cócegas

7

A próxima vez que você soluçar, implore a alguém para fazer cócegas em você. Assim como no caso do susto, quando isso acontece o cérebro se vê obrigado a ter outro foco e nós acabamos nos esquecendo do soluço, que se encerra em segundos.

8. Provocar espirro

9

Espirrar também é um ótimo método para parar de soluçar, sabia? Agora, se você não estiver gripado, pode tentar cheirar um pouco de pimenta-do-reino moída para estimular o espirro.

9. Puxar a língua para a frente

10

Embora você possa acabar vomitando com essa técnica, a verdade é que ela é muito eficiente quando o assunto é parar de soluçar.

10. Tapar os ouvidos

11

Lembra do nervo frênico, que citamos no começo da lista? Pois é, quando você tapa os ouvidos com certa pressão, você acaba estimulando as ramificações dele que chegam até a região do sistema auditivo. Então, o nervo pode voltar a funcionar bem.

E você, conheça outras receitas milagrosas para parar de soluçar?

Quer aprender a sair de outras “enrascadas” do cotidiano? Então não deixe e ler também 10 truques infalíveis para alguns problemas do dia-a-dia.

Fontes: Diário de Biologia, Superinteressante, eCycle, Hospital Israelita Albert Einstein, hsw