Curiosidades

Xingamentos brasileiros, os mais diferentes que você precisa conhecer

É possível dizer insultos sem perder a classe. Afinal, existem inúmeros xingamentos brasileiros com os mais diferentes significados.

A língua portuguesa está entre os 10 idiomas mais falados do mundo. Em suma, é um idioma repleto de inúmeras regras e acordos coordenados pela Academia Brasileira de Letras. Ademais, o português pode assumir duas normas, a língua culta e a coloquial. Onde a primeira segue normas rígidas, enquanto que a segunda é usada no cotidiano. Da mesma forma, os xingamentos brasileiros podem assumir um tom mais culto e cheio de pompa. Da mesma forma, os insultos podem ter um tom mais coloquial.

Com isso temos xingamentos e palavrões muito hilários, usados no calor da raiva ou frustração, com o objetivo de insultar alguém. Por exemplo, abestado, estúpido, burro ou louco. Agora, se você quer trocar insultos com alguém, mas de maneira mais culta. Você pode usar acéfalo no lugar de estúpido, ou insidioso no lugar de traiçoeiro e amigo do alheio no lugar de ladrão, por exemplo.

Enfim, em toda parte do Brasil existem formas diferentes, criativas e, até divertidas, de se xingar uma pessoa. Cujos significados nem sempre são conhecidos por pessoas de outras regiões. Pensando nisso, preparamos uma lista bem interessante com os xingamentos brasileiros mais divertidos e estranhos que existem. Confira.

Palavrões cultos

Exame

De acordo com Luís Milanesi, autor de Dicionário Brasileiro de Insultos (2002, Ateliê Editorial) sob o pseudônimo Altair J. Aranha. Existem formas mais cultas e pomposas de ofender alguém através de xingamentos. Como sua expressão preferida, “reverendíssima besta”, usada pelo escritor Mário de Andrade para insultar seus desafetos. Outros exemplos são:

  • Onagro – que significa burro
  • Mentecapto – louco ou idiota
  • Sevandija – significa pessoa que vive à custa de outra pessoa

Já para o escritor português Sérgio Luís de Carvalho, autor de Dicionário de Insultos (2014, Planeta), insultar é uma arte. Além disso, faz bem para a alma deixar-se extravasar. De acordo com o escritor, recentemente Portugal incorporou alguns xingamentos brasileiros ao seu dicionário. Isso, devido à forte influência das novelas brasileiras por lá. Dessa forma, alguns exemplos de insultos são:

  • Flibusteiro – ladrão
  • Mefistofélica – usado para dizer que uma pessoa é diabólica

Xingamentos brasileiros cultos de A a Z (parte 1)

SBIE
  • Abantesma: Em suma, o termo é usado para pessoa que causa desconforto com sua presença. Também significa assombração ou figura que assusta. Cuja origem é do grego phántasma.
  • Bonifrate: É um boneco articulado para representar cenas. Dessa forma, é usado para designar uma pessoa muito dócil que age conforme mandada.
  • Concupiscente: Em suma, é uma pessoa que tem desejo irrefreável pelo gozo. Ou seja, pessoa luxuriosa ou lasciva. No entanto, o termo pode se referir tanto a ânsia por bens materiais, quanto por posse sexual. Enfim, o termo de origem latina se refere a uma pessoa voraz ou tarada.
  • Dendroclasta: Basicamente, significa pessoa que destrói a natureza.
  • Espurco: é o mesmo que sujo, torpe, que vive na imundície. Também pode ser usado para pessoas moralmente sujas.
  • Futre: significa desprezível, vil ou até mesmo avarento.
  • Grasnador: pessoa com voz desagradável.
  • Histrião: Em suma, Histrione era um comediante que representava farsas no antigo teatro romano. Por isso, histrião se treta de um indivíduo ridículo, farsante, palhaço ou charlatão.
  • Intrujão: Em suma, é uma pessoa que se aproxima de um grupo e finge compartilhar dos mesmos valores e atividades. No entanto, com o objetivo de enganar e obter vantagem para si. Ou seja, se trata de um golpista.

Xingamentos brasileiros cultos de A a Z (parte 2)

Hypescience
  • Jacobeu: significa hipócrita ou falso.
  • Liliputiano: Pessoa baixa moral e intelectualmente.
  • Misólogo: Quem tem aversão ao raciocínio, à lógica, à ciência.
  • Nóxio: Significa nocivo.
  • Obnubilado: Indivíduo com pensamentos obscuros ou que não enxerga com clareza.
  • Peralvilho: pessoa que não sabe se vestir de forma elegante e, quando tenta acaba ficando ridículo.
  • Quebra-louças: Pessoa desastrada, que provoca confusão.
  • Réprobo: Significa perverso e malvado.
  • Soez: Vil, reles, ordinário.
  • Traga-mouros: Homem brutal, violento.
  • Usurário: Quem exige juros altos pelos empréstimos feitos ou agiotas.
  • Valdevinos: vagabundo ou que vive à custa dos outros.
  • Xenômano: Ao contrário de xenófobo, que despreza tudo que é de fora. O xenômano aprecia tudo que é estrangeiro, mesmo que seja ruim.
  • Zoantropo: Por fim, significa pessoa perturbada mentalmente, que se sente transformada em um animal.

Os mais criativos

CNN

Entre os xingamentos brasileiros existem alguns muito criativos e até engraçados, tais como:

Continua após a publicidade
  • Paquita do capeta – assistente do capeta ou pessoa que faz o mal.
  • Espantalho do Fandangos – pessoa que não trabalha direito, tem preguiça ou faz as coisas de qualquer jeito.
  • Bife de rato – se refere a uma pessoa difícil de aturar ou digerir.
  • Saco de vacilo – quem vive cometendo erros.
  • Saco de lixo de peruca – pessoa sem valor ou importância.
  • Geladinho de chorume – pessoa amarga.
  • Bafo de bunda – significa pessoa com mau hálito
  • Metralhadora de bosta- pessoa que só fala besteira, nada produtivo.
  • Sofá de zona – pessoa sem valor, as pessoas fazem o que querem com ela.
  • Saco de bosta – quem não consegue fazer nada, não tem utilidade.
  • Filhote de lombriga – pessoa insignificante, sem importância.
  • Cara de cu com cãibra – pessoa insatisfeita ou com raiva.
  • Coçar o cu com serrote – quem está nervoso ou passando raiva com algo.
  • Enfia um rojão no cu e sai voando – pessoa que gosta de aparecer, se mostrar.
  • Peido de uma jumenta – pessoa sem valor, sem muita importância.
  • Nasceu pelo cu – pessoa muito feia.
  • Chupar um prego até virar tachinha – parar de incomodar e procurar algo para fazer.
  • Rasgar o cu com a unha – passar raiva com algo ou alguém.
  • Arrastar o cu na brita – pessoa apaixonada, que está interessada em alguém. Por isso, faz tudo pela pessoa.
  • Comer pizza com colher – pessoa cheia de frescuras.
  • Sua certidão de nascimento é um pedido de desculpas da fábrica de preservativos – o fato da pessoa ter nascido foi um erro, devido a sua insignificância.

Xingar faz bem

Segredos do Mundo

Enfim, são muitos os xingamentos brasileiros que existem. Portanto, vale lembrar que o ato de xingar provoca uma reação física e emocional. Ou seja, dá energia para que você possa superar uma tarefa difícil, triste ou dolorosa, é um desabafo e uma distração. Que ajuda a melhorar o raciocínio e aliviar o estresse.

Então, se você gostou dessa matéria, também pode gostar dessa: 8 gestos que são xingamentos bem rudes em algumas partes do mundo.

Fontes: Segredos do Mundo, Buzzfeeed, BBC

Imagens: Gnome Stew, Vix, Exame, Hypescience, CNN

Próxima página »

Escolhidas para você