13 histórias de terror arrepiantes contadas em apenas 2 frases

Quando pensamos em histórias de terror, é comum nossa memória nos levar às narrações cheias de detalhes e pausas dramáticas, ou até mesmo aos roteiros elaborados dos filmes. Hoje, no entanto, você vai perceber que boas histórias de terror não precisam exatamente disso para causar medo.

Na lista que disponibilizamos abaixo, por exemplo, você vai conferir algumas breves histórias de terror, contadas em apenas duas frases, capazes de deixar qualquer um de cabelos em pé. Nesses casos, como você vai perceber, o que gela o sangue não é a riqueza de detalhas, mas a falta deles.

Elas também mexem muito com nossa imaginação, de um jeito aterrorizante, porque tratam, em poucas linhas, sobre medos que todo mundo tem bem lá no fundo. Ou você vai dizer que nunca escutou alguém chamando você, mesmo sem ter ninguém em casa?

Escutar choro de criança no meio da noite, sentir alguém respirando profundamente em sua nuca, não conseguir explicar algum som que se ouve dentro de casa e coisas do tipo são situações bem possíveis (ou pelo menos imagináveis) e que são narradas nessas histórias de terror em miniatura. Entendeu agora porque você vai ficar com medo?

Confira algumas histórias de terror curtas e arrepiantes:

1. Fui mexer no meu celular e tinha uma foto minha dormindo. Eu moro sozinho.

2. Cresci com gatos e cachorros, então em acostumei com o som de arranhados na porta enquanto eu dormia. Agora que eu moro sozinho esses sons que ainda escuto são muito mais inquietantes.

3. Ontem meus pais me falaram que eu estava muito velho para ter uma amiga imaginária e me disseram para deixá-la ir. Eles encontraram o corpo dela essa manhã.

4. Minha namorada me perguntou porque eu estava respirando tão fortemente. Eu não estava.

5. Depois de anos vivendo sozinho em uma casa grande cheguei a uma conclusão surpreendente. Nesse tempo eu fechei muito mais portas do que abri.

6. A última coisa que eu vi foi meu despertador piscando 12:07 antes das longas unhas podres empurrarem meu peito e uma outra mão tampar minha boca para eu não poder gritar. Me levantei rapidamente e me senti aliviada por ser apenas um sonho, mas quando olhei para meu despertador eram 12:06 e ouvi a porta do meu armário se abrir.

7. Depois de um logo dia de trabalho eu voltei para casa para ver minha namorada cuidando do nosso filho. Eu não sabia o que era mais assustador, ver minha falecida namorada e nosso filho natimorto ali, ou saber que alguém invadiu meu apartamento para colocá-los ali.

8. Você ouve sua mãe te chamando na cozinha. Enquanto você está descendo as escadas você ouve um sussurro de dentro do armário falando ‘não desça lá querida, eu também ouvi’.

9. Eles entregaram manequins embrulhados em plásticos bolha. Do salão principal era possível ouvi-los estourando.

10. Minha filha não parava de chorar e gritar no meio da noite. Eu visitei seu túmulo e a pedi que parasse, mas isso não ajudou.

11. Um rosto sorridente me encarou na escuridão do lado de fora da janela do meu quarto. Eu moro no 14º andar.

12. Não há nada como o riso de um bebê. A menos que seja 1 da manhã e você esteja em casa sozinho.

13. Durante anos ouvimos as vozes e passos de crianças fantasmas em nossa casa da fazenda e nos acostumamos com elas. Então um dia eles ficaram quietos, o que devia ter sido uma sugestão para sairmos.

E então, suou frio ai? Qual das histórias mais gelou seu sangue? Não deixe de nos contar!

Agora, se você gostou dessa sensação de pavor, essa outra matéria também precisa entrar para sua lista de terror de hoje: 10 curtas de terror que vão tirar seu sono.

Fonte: Fatos Desconhecidos