Coisas que ouvimos sobre os transgêneros mas que não devemos acreditar

Uma característica muito conhecida do ser humano é temer o desconhecido. A porta para o mito e o preconceito se abre quando não compreendemos bem alguma coisa. Cabe a cada um lutar contra essa tendência natural da nossa especie.

Um assunto pouco compreendido, e que está em alta atualmente, é o fenômeno transgênero, termo que identifica pessoas cuja a identidade de gênero é diferente do sexo. Pensando nisso, decidimos esclarecer alguns mitos sobre os transgêneros que você pode ter ouvido, e por que eles são completamente falsos.

Pessoas transgênero podem te atacar no banheiro

Uma das coisas mais traumáticas para pessoas trans é usar banheiros públicos. Imagine o constrangimento de uma mulher trans, que ainda pode ter seu sexo identificado facilmente, ao entrar em um banheiro feminino.

Ao contrário do que muitos pensam, os transgênero não são uma ameaça nos banheiros públicos. Na verdade, é muito mais desconcertante para eles do que para nós, pessoas cis.

Pessoas transgênero estão apenas “confusas”

Se você acha que sabe melhor sobre a identidade de alguém que provavelmente tenha lutado com essa questão de alguma forma por muito tempo, então o inverso pode ser verdade, logo a sua identidade de gênero também pode ser questionada.

Geralmente, as pessoas trans não estão mais confusas do que o resto da população. A insistência da sociedade de que transgênero estão confusos é o que está causando a confusão.

Pessoas transgênero querem enganar outras pessoas (na balada por exemplo)

Quando uma pessoa trans não se “revela” para alguém, é porque eles imaginam que não seja relevante naquele momento, ou tem medo de dizer. Não devemos sair por aí acusando pessoas trans de tentar enganar alguém.

Pessoas transgênero são homossexuais

Talvez essa seja a maior confusão sobre as pessoas transgênero. Apesar de um trans se identificar com um gênero diferente do sexo natal, isso não significa que precise acontecer o mesmo com sua sexualidade.

É muito comum encontrarmos homens transgênero “gays”, ou seja, pessoas do sexo feminino que se identificam com o gênero masculino mas que continuam se relacionando com homens.

Todas as pessoas transgêneros são operadas, ou querem operar

Alguns fazem, outros não, e alguns desejam, mas não podem por uma infinidade de razões.

A cirurgia é um meio para as pessoas trans aliviarem os sentimentos de disforia que  sentem.

Alguns não precisam da cirurgia, pois estão satisfeitos com seus corpos, e alguns não acham que vale a penas, a dor e o estresse envolvido são muito grandes quando comparados com os resultados.

Nada disso tem qualquer influência sobre o status de transgênero de uma pessoa.

 

Fonte: Metro
Imagens: Reprodução