Curiosidades

De onde veio a expressão “sair do armário”?

Ao contrário do que a expressão "sair do armário" representa hoje, ela é bem antiquada e hétero. Mas, o que ela significava?

Não é segredo pra ninguém que, quando se ouve a expressão “sair do armário”, quer dizer que alguém assumiu sua homossexualidade. Mas, afinal de contas, de onde surgiu essa expressão?

Por que começaram a usá-la? E quando foi que ela ganhou essa conotação de se assumir gay? Bom, ao que a história indica, ela é bem antiquada e mais hétero do que você poderia imaginar.

Sair do armário: a expressão

Foi nos Estados Unidos, lá no início do século 20 que a expressão “sair do armário” começou a ser usada. Naquela época ela se referia às debutantes, em suas festas de 15 anos.

A família da jovem moça organizava uma festa, que seria a apresentação oficial dela, por parte da família, à sociedade.

Em inglês seria “come out”, que significa “sair”, “surgir”, “emergir”. Assim, os bailes de debutantes serviam para isso, para apresentar as adolescentes à sociedade, já em busca de um bom pretendente e casamento – o quanto antes.

Sair do armário: e a comunidade gay

Bom, o sentido da expressão é o mesmo. Aqui houve uma junção de duas expressões (do inglês), na verdade. Que seria “come out” (sair) + “skeletons in the closet” (esqueletos no armário) – que sempre foi sinônimo de algo vergonhoso.

Continua após a publicidade

Ou seja, por causa do preconceito, muitos mantiveram (e ainda mantêm) sua orientação sexual em segredo. Assim, “come out of the closet”, foi traduzido literalmente para o português.

Se tornando uma metáfora para os homossexuais que, enfim, se apresentam ao mundo e mostram quem realmente são.

Fonte: AH

Próxima página »

Escolhidas para você