É por isso que o pão francês endurece e o pão de forma não

Se você é fã incondicional do tradicional pão francês, também chamado de cacetinho, careca, pão de sal e assim por diante (dependendo da região do país); provavelmente não se importa muito se ele estiver um pouco mais murchinho. Mesmo assim, ninguém nega que o charme do pão francês é quando ele está fresquinho, se possível ainda quente, com manteiga e o que mais convir.

Mas, mesmo os que não conseguem viver sem o pãozinho nosso de cada dia têm que admitir: o pão francês já não tem a mesma textura depois de algumas horas e, infelizmente, ele endurece rápido e perde a umidade do miolo.

Por que o pão francês endurece tão rápido?

Agora, se você nunca entendeu porque esse processo acontece tão instantaneamente com o pão francês e porque o pão de forma se conserva tão fofinho por tanto tempo a explicação é bem simples: são os conservantes da massa.

Quem entende de pão francês explica que em sua receita não entram conservantes e outros produtos para prolongar sua durabilidade. A massa, basicamente, leva farinha, fermento, água e sal.

Por que o pão de forma é tão fofinho?

O pão de forma, por sua vez, leva outros ingredientes que favorecem não só a maciez, mas também a data de validade do alimento.

E não são só os emulsificantes, os umectantes e os conservantes antimofo que pesam nisso, mas também o açúcar e a gordura acrescentados à massa.

E então, entendeu o “mistério”? Pelo menos agora você sabe que o pãozinho de sal tem menos ingredientes industrializados!

E, falando em pães, você que não pode se dar ao luxo de cair de boca nessa lanchinho, não deixe de conferir também: 7 sinais de que você pode ter intolerância ao glúten.

Fonte: Super interessante