Mundo Animal

Leão-marinho – Características, hábitos, onde vivem e espécies

O leão-marinho é um animal carnívoro que vive nas regiões costeiras. Sua espécie pode ser encontrada em várias regiões do mundo.

Por Gustavo Ramos

Facilmente confundível com a foca, o lobo-marinho e a morsa, o leão-marinho é pertencente à ordem carnívora. É da família Otaridae, assim como os gatos, tigres, leões e lontras. Seu nome é leão pela semelhança com o próprio felino, que possui jubas densas ao redor do pescoço, além de formar haréns.

Entretanto, em questões familiares, o leão-marinho está mais próximo dos ursos. Eles são primos distantes e podem até não se parecer tanto, mas são da mesma ordem.

O leão-marinho possui um pequeno par de orelhas e seu focinho é pontiagudo, com bigodes.

Sobre seu corpo, é adaptado para conservar o calor. Aliás, é sua grossa camada de gordura que garante a ele a capacidade de isolamento térmico.

Apesar disso, seu corpo é delicado e liso, mas bem musculoso e resistente. E, para nadar e se locomover, ele conta com quatro nadadeiras.

Características

Leão-marinho - Características, onde vivem e espécies
Notícias ao minuto

Alimentação do leão-marinho

Eles são carnívoros, ou seja, devoram outros tipos de animais. Seus principais alimentos são peixes, lulas e polvos. Mas também se alimentam de aves de vez em quando.

Normalmente, um leão-marinho macho vive acompanhado de várias fêmeas, se organizando em forma de poliginia.

Ainda sobre a cadeia alimentar, eles são alimentos de tubarões e baleias. Contudo, o ser humano, ainda é o seu maior caçador.

Aliás, sobre a caça, o homem sempre caçou o leão-marinho com intenções de utilizar sua pele e sua gordura. Por acontecer de forma descontrolada, isso quase levou a raça à extinção. Além disso, esses animais acabam sendo usados em espetáculos circenses e colocados em cativeiros de zoológicos.

Hábitos

Leão-marinho - Características, onde vivem e espécies
OCP News

O leão-marinho é um animal semiaquático, ou seja, pode viver na terra e na água. Como resultado, eles são consideravelmente lentos e não costumam fazer muita coisa. Certamente, você vai ver um deitado tomando sol.

Eles andam em grupos que, em alguns casos, são formados por milhões de integrantes. Aliás, eles praticam a poligamia, onde os machos têm várias fêmeas, que são compartilhadas entre eles.

Este curioso animal consegue mergulhar até 200 metros em direção ao fundo do mar, podendo permanecer na água por mais de trinta minutos.

Em terra firme, eles se acasalam, normalmente em ilhas, longe de predadores que podem ser uma ameaça. A gestação da fêmea dura em média 12 meses, um período bem extenso.

Onde vivem

Leão-marinho - Características, onde vivem e espécies
Fotos wiki

O leão-marinho pode ser encontrado em várias regiões do mundo. Porém, eles vivem, primordialmente, em litorais, nas regiões costeiras próximas dos polos, onde as temperaturas são mais baixas. E têm uma expectativa de vida de 50 anos.

No Brasil, eles são encontrados em regiões bem limitada. Durante o inverno, é possível encontrá-los na Ilha dos Lobos, em Torres, no Rio Grande do Sul. Os leões-marinhos que costumam aparecer são machos, uma vez que as fêmeas permanecem em suas moradas para cuidar de seus filhotes.

Além do Brasil, eles podem ser vistos no Peru, Uruguai, Argentina, Chile, Equador, Alasca, Estados Unidos, México e Canadá. Em cada localidade existem leões-marinho de diferentes tipos. Embora, os mais raros são encontradas somente em ilhas do sudoeste da Austrália.

Espécies

Existem, sobretudo, cinco espécies de leão-marinho conhecidas: o leão-marinho-da-Patagônia, o leão-marinho-australiano, o leão-marinho-de-Steller, o leão-marinho-da-Nova-Zelândia e o leão-marinho-da-Califórnia. Conheça mais um pouco dessas espécies a seguir.

Leão-marinho-da-Califórnia

Leão-marinho - Características, onde vivem e espécies
Blog da Mari Calegari

A espécie californiana é a mais explorada em apresentações de zoológicos, circos e parques aquáticos. É provável que seu tamanho passe dos 2,5 metros e que seu peso se aproxime dos 400 kg. Essa espécie é encontrada desde o México central até o norte da Columbia Britânica.

Leão-marinho-australiano

Leão-marinho - Características, onde vivem e espécies
Wiki

Estes, sobretudo, são os menores da espécie. Medem, no máximo, 2,5 metros e raramente chegam aos 300 kg. Como dito no próprio nome, eles vivem na Austrália, especificamente na costa sudoeste do país.

Leão-marinho-de-Steller

Esses são grandes e robustos. Os maiores da espécie, onde o macho, portanto, pode passar dos três metros de comprimento e pesar mais de 1000 kg. Eles vivem geralmente na região central do litoral da Califórnia até a costa oriental do Japão.

Leão-marinho-da-Patagônia

Leão-marinho - Características, onde vivem e espécies
Wikipédia

Eles têm, sobretudo, a aparência bem robusta. O macho pode medir 2,5 metros de comprimento, além de pesar mais de 300 kg. É a única espécie que vive na América do Sul.

Leão-marinho-da-Nova-Zelândia

A segunda maior das espécies. Eles também podem passar dos três metros de comprimentos, mas são mais magros, pesando cerca de 400 kg. Eles vivem no sul da Nova Zelândia.

Como reconhecer um leão-marinho

Leão-marinho - Características, onde vivem e espécies
Hypeness

Você leu na matéria que eles são facilmente confundidos com outros animais com fisionomia parecida. As focas e as morsas são exemplos de similaridade. O lobo-marinho é, praticamente, idêntico ao leão-marinho, porém possui um corpo mais “peludo”, que se assemelha ao de um lobo, por isso o nome. Além disso, o lobo-marinho é mais forte e robusto que um leão-marinho.

O leão-marinho possui orelhas evidentes, a foca não. Elas possuem apenas pequenos orifícios que são responsáveis pela audição. Outra diferenciação bastante perceptível são as nadadeiras da foca, que são curtas e não podem ser usadas para apoio. Ou seja, as focas possuem bastante dificuldade para caminhar em terra firme, elas apenas se arrastam.

Por fim, as morsas possuem dentes caninos gigantes, podendo chegar a um metro de comprimento e pesar incríveis cinco quilos em cada dente. Elas também possuem um bigode bastante perceptível e não possuem orelhas, assim como as focas. Entretanto, podem se movimentar em terra firme, como os leões-marinhos.

E então? Gostou da matéria? Confira também: Depressão em animais de estimação existe! Aprenda a identificar os sinais

Fontes: Infoescola, Estudo prático, Escola kids, Portal dos animais

Imagens: Notícias ao minuto, OCP News, Fotos wiki, Blog da Mari Calegari, Wiki, Wikipédia, Hypeness

Próxima página »

Escolhidas para você