Curiosidades

Millennials: quem são e as características dessa geração

Os millennials são da geração nascida entre o final da década de 1980 e o ano de 1996, conhecidos pela informatização e alta conexão digital.

Em primeiro lugar, millennials são os indivíduos nascidos após o início da década de 1980 até 1996. Também chamados de geração Y, geração do milênio ou geração da internet, conhece-se esse grupo pelo contato com a tecnologia. Ou seja, nasceram em um período de grandes avanços tecnológicos e prosperidade econômica.

Sendo assim, estão duas gerações adiante dos baby boomers e logo atrás da Geração Z, como um grupo anterior. Desse modo, compreende-se essa geração como aquela que surgiu na transição para a nova realidade tecnológica. Portanto, são os primeiros a ter contato com tecnologia, ainda que os chamados nativos digitais sejam o grupo seguinte.

No geral, os millennials são indivíduos que cresceram no meio de estímulos diversas, com tarefas múltiplas e atividades diversas na rotina. Ademais, entende-se esse grupo como o primeiro a lidar com maiores recompensas por curto esforço, em relação aos seus pais que cresceram em uma sociedade pautada pelo trabalho.

Além disso, a característica principal e maior associação é a utilização de aparelhos de tecnologia, com o surgimento dos smartphones. Curiosamente, estima-se que essa geração representou 20% da população global em 2012. Por fim, tendem a ser consumidores exigentes, informados e com poder de consumo refinado.

Continua após a publicidade

Por outro lado, refere-se aos millennials como a primeira geração verdadeiramente globalizada, de modo que a internet e a conexão virtual faça parte das relações. Apesar disso, há um nível menor em relação à Geração Z, cujas relações são pautadas principalmente pelo digital. No entanto, entende-se a internet como uma necessidade essencial a esse grupo.

Millennials: quem são e as características dessa geração
Fonte: Pexels

Principais características dos millennials

A princípio, os millennials cresceram em ambientes urbanos e conectados. Além disso, apresentam um alto grau de informatização e conhecimento tecnológico. Ademais, tendem a ser multitarefas porque surgiram em um período de avanço e inovação.

Continua após a publicidade

Por outro lado, quem não apresenta a característica de multitarefas tende a ter um raciocínio acelerado de qualquer modo. Mais ainda, produz com maior ritmo e em menor tempo como consequência. Apesar disso, nem sempre os processos tem a mesma qualidade do que a geração anterior, que demorava mais tempo para produzir.

Além disso, os millennials acreditam que a influência e a liderança são posições conquistadas, e não hierarquizadas. Sendo assim, demandam mais atenção quando o assunto é autoridade e cadeia de comando. Ainda que entendam o valor das posições, precisam ser convencidos do poder de liderança e organização daqueles que estão acima de si, na sociedade ou no trabalho.

Continua após a publicidade

Contudo, tendem a desejar segurança e estabilidade, principalmente por terem nascido em uma sociedade mais acelerada. Nesse sentido, retornos e avaliações são grandes medidores de aproveitamento e utilidade para as pessoas dessa geração.

Em contrapartida, são pessoas mais flexíveis e com grande grau de autonomia por conta da habilidade de multitarefas. Desse modo, não tem tanta preocupação com horários e acreditam na independência e organização de fluxos por produtividade, não por carga horária. No geral, são caracterizados como atrasados ou adiantados porque se relacionam de forma diversa com o tempo.

Sobretudo, adoram questionar e se divertem por meio do aprendizado. Ou seja, são curiosos naturais que sempre querem entender o propósito por traz das tarefas e atividades. Por fim, valorizam o bem-estar e a diversão, mas comprometem-se igualmente com os processos.

Millennials: quem são e as características dessa geração
Fonte: Versatille

Exemplos famosos dessa geração

Primeiramente, existem incontáveis personalidades públicas que também são millennials. Apesar disso, vale ressaltar que essa expressão parte do inglês, portanto é mais fácil encontrá-los sobre a nomenclatura de Geração Y. Como exemplo, pode-se citar artistas brasileiros como Bruna Marquezine, Marina Ruy Barbosa e Isabella Santoni, nascidas em 1995.

Continua após a publicidade

Por outro lado, personalidades internacionais como a modelo Kendall Jenner, Gigi Hadid e a cantora Dua Lipa também integram a lista. No geral, as pessoas dessa geração nasceram entre 1980 e 1996, apesar de haverem discordâncias de que essa definição estende-se até 1998.

Curiosamente, personalidades como a Gisele Bundchen e o medalhista olímpico Michael Phelps são millennials, porque nasceram bem no começo da categorização dessa geração. Contudo, é comum encontrar pessoas da Geração Y que identificam-se com a geração anterior, sejam pelas características ou pela proximidade.

Em resumo, esse processo se dá porque na medida em que surgem novas gerações há alterações na cronologia. Ou seja, o período de tempo entre os nascimentos altera-se porque reorganizam os grupos de acordo com as características e tendências.

E aí, aprendeu sobre os millennials? Então leia sobre Cidades medievais, quais são? 20 destinos preservados no mundo.

Continua após a publicidade

Fontes: TechTudo | TecMundo | Reev | Info Varejo | SBCoaching | Wiki | Purepeople

Imagens: Pexels | Versatille

Próxima página »

Escolhidas para você