Notícias

Moedas comemorativas dos 200 anos da Independência

Para comemorar o aniversário de 20 anos da independência do Brasil, o Banco Central (BC) lançou duas moedas para colecionadores.

O Brasil comemora neste ano de 2022, 200 anos de independência. E para lembrar a data, o Banco Central lançou duas moedas comemorativas do bicentenário. As moedas são para colecionadores e têm o valor de R$ 2 e R$ 5. Assim, a de R$ 5 é de prata e a de R$ 2 é de cuproníquel, ou seja, parte de cobre e níquel.

A principal novidade é que a moeda de dois reais tem detalhes coloridos! Traz uma faixa verde e amarela em um dos lados. Portanto, o valor de venda da moeda de R$ 2 será de R$ 34 e a moeda de R$ 5 por R$ 420.

Características das moedas da Independência

Moeda de prata

A moeda de prata tem valor de face de R$ 5 e sua tiragem inicial é de 5.000 unidades, mas pode chegar a 20 mil.

Continua após a publicidade

Ela traz a imagem do imperador Dom Pedro I, e sua inspiração se deve a litografia de Sebastien Sisson, e uma representação do quadro Sessão do Conselho de Estado, de Georgina de Albuquerque. O item, de 40 mm de diâmetro, acompanha uma caixa e um pequeno encarte com informações.

“A moeda de prata apresenta a sessão do Conselho de Estado, presidida pela princesa D. Leopoldina e com a participação de José Bonifácio, na qual foi tomada a decisão de enviar cartas a D. Pedro aconselhando-o a romper com a Coroa portuguesa”, disse o BC.

Moeda de cuproníquel

Moedas comemorativas dos 200 anos da Independência

Já a moeda de cuproníquel tem uma faixa verde e amarela, em referência à bandeira do Brasil, e é a primeira moeda brasileira com cores. Ela se inspira no quadro Independência ou Morte, de Pedro Américo, de 1888, uma das mais famosas deste período.

Continua após a publicidade

A moeda de cuproníquel tem 30 mm de diâmetro e é de R$ 2, vendida a R$ 34. Serão feitas de 10 mil a 40 mil unidades. Aliás, ela será entregue fixada a um cartão com a imagem do quadro e, no verso, suas características.

“A moeda de cuproníquel mostra o Grito da Independência, em que D. Pedro, ao receber as cartas da princesa e do ministro José Bonifácio, proclama a Independência do Brasil, às margens do Rio Ipiranga”, informou o Banco Central.

Já o reverso traz uma novidade: pela primeira vez em uma moeda brasileira há o recurso da cor. Nesse caso, as cores verde e amarela, escolhidas por D. Pedro I logo após a Independência, aparecem em uma faixa em movimento. Essas cores são provenientes das casas de Bragança e Habsburgo e foram usadas na Bandeira do Brasil desde o Primeiro Império, tornando-se um símbolo nacional,” afirmou o BC.

As duas moedas trazem no verso a primeira estrofe do Hino da Independência:

Continua após a publicidade

“Já podeis, da Pátria filhos, / Ver contente a mãe gentil; / Já raiou a liberdade / No horizonte do Brasil”.

Como adquirir as moedas da Independência?

Por fim, a venda das moedas comemorativas será feita exclusivamente pelo site do Clube da Medalha da Casa da Moeda do Brasil. O site é www.clubedamedalha.com.br/catalogo-de-produtos

Então, gostou de saber mais sobre as moedas da Independência? Pois, leia também:

Descubra o quanto valem as moedas das Olimpíadas de 2016
10 moedas raras e valiosas do Brasil e quanto valem
Moedas mais valorizadas do Brasil, quais são os modelos?
Moedas de 1 real valiosas: principais modelos e características
Confira 5 moedas de R$ 1 que valem muito dinheiro
Quais são as 6 moedas mais raras do Real?

Continua após a publicidade

Fontes: Economia Uol, G1, Terra, Isto é, Band

Próxima página »

Escolhidas para você