Curiosidades

O que causa os fenômenos sol da meia noite e noite polar?

A zona polar abrange as áreas ao redor dos polos norte e sul onde são comuns os fenômenos noite polar, sol da meia noite e aurora boreal.

Já imaginou morar em um lugar onde ocorre um fenômeno que resulta em semanas de escuridão? Esse fenômeno é chamado de noite polar e acontece tanto no círculo Ártico, quanto no círculo Antártico; as regiões mais frias e extremas de nosso planeta.

Por que esse fenômeno ocorre todos os anos? Segundo especialistas, a noite polar ocorre devido à inclinação que a Terra adota nesta época do ano, o que faz com que os períodos noturnos sejam mais longos em ambos os polos da Terra.

Além disso, existem vários tipos de noites polares que são classificadas de acordo com a natureza do crepúsculo. Esses tipos incluem noites polares civis, náuticas e astronômicas. Saiba mais abaixo.

Como ocorre a noite polar?

Continua após a publicidade

A noite polar é um termo que define o período de noite (quando o sol está abaixo do horizonte) que dura mais de 24 horas dentro dos círculos polares.

Isso é causado pela rotação da Terra em relação à posição do sol. Como resultado da inclinação da Terra de 23,5 graus, há períodos do ano em que lugares no Círculo Polar Ártico ou Círculo Antártico estão completamente obscurecidos ou expostos ao sol.

Assim, como o hemisfério norte se inclina para longe do sol no outono e inverno, as áreas ao norte do Círculo Polar Ártico – dentro de 23,5 graus do Polo Norte – experimentam mais de dois meses sem o sol aparecer acima do horizonte.

Todavia, isso não significa necessariamente que as áreas ao norte do Círculo Polar Ártico passarão por escuridão completa, pois existem noites polares diferentes, conforme você verá a seguir.

Continua após a publicidade

Quais os tipos de noites polares?

O que causa os fenômenos sol da meia noite e noite polar?

Crepúsculo polar

Esta ocorrência natural ocorre apenas em regiões localizadas dentro da fronteira dos círculos polares norte e sul. Neste momento, o sol está situado a menos de seis graus abaixo do horizonte e nenhuma luz do dia real é experimentada durante o meio-dia, com exceção de algo conhecido como crepúsculo civil.

Durante a manhã, esse tipo específico de crepúsculo ocorre quando o sol está posicionado a seis graus abaixo do horizonte e dura até o nascer do sol. O crepúsculo civil da noite ocorre durante o período entre o pôr do sol e, em seguida, mover-se para seis graus abaixo do horizonte.

Noites polares civis

Noites polares civis se caracterizam por ter apenas uma pequena quantidade de luz visível durante o meio-dia. Esse fenômeno ocorre quando o sol está situado entre zero e seis graus abaixo do horizonte e só pode ser sentido em locais seis graus dentro do círculo polar e em latitudes acima de 72° 34′.

Continua após a publicidade

Além disso, durante as noites polares civis, não há crepúsculo civil, apenas crepúsculo náutico.

Noites polares náuticas

As noites polares náuticas se caracterizam pela ausência de luz solar natural, com exceção da hora do meio do dia, quando, devido à refração, mais luz é emitida. No momento de uma noite polar náutica, o sol está situado a menos de 12 graus abaixo do horizonte.

Em suma, este tipo de noite polar só pode ocorrer em regiões localizadas a doze graus dentro do círculo polar ou a onze graus e meio de distância do polo (em latitudes acima de 78°34 ‘).

Noites polares astronômicas

Neste tipo de noite polar há completa ausência do crepúsculo astronômico. Durante este tipo de noite polar, a escuridão contínua é experimentada ao longo do dia.

Continua após a publicidade

As regiões que experimentam noites polares astronômicas estão localizadas em áreas a dezoito graus de distância do círculo polar e a cinco graus e meio de distância do polo, com latitude acima de 84° 34′.

Assim, durante as noites polares astronômicas, o sol está situado entre 18 e 23,5 graus abaixo do horizonte. Os polos norte e sul da Terra experimentam esse tipo de noite polar por um período de aproximadamente onze semanas.

No norte noites polares astronômicas podem ocorrer de novembro a janeiro. Já, no sul, as noites polares astronômicas geralmente ocorrem de meados de maio até o final de julho.

E o que é o sol da meia noite?

Continua após a publicidade

O Dia polar ou Sol da Meia-noite é um fenômeno em que o sol permanece visível à meia-noite. Assim como a noite polar, este fenômeno ocorre nos meses de verão ao norte do Círculo Polar Ártico e ao sul do Círculo Antártico.

O movimento aparente do sol em ambas as regiões polares é diferente. Na região polar norte, o sol se move da esquerda para a direita. Por outro lado, na Antártica, o Sol se move da direita para a esquerda. Isso também leva a tese de que não há outra explicação além de que a Terra é uma esfera.

O modelo da Terra plana pode explicar a ocorrência do sol da meia-noite do norte. Mas não consegue explicar que o fenômeno idêntico também ocorre na região polar sul, mas se move na direção oposta.

Como esses fenômenos afetam o ciclo do sono?

O que causa os fenômenos sol da meia noite e noite polar?

Continua após a publicidade

Os efeitos das noites polares e dos sóis da meia-noite no sono são exagerados, e distúrbios sazonais não são incomuns. No entanto, as pessoas que vivem sob esses fenômenos aprendem a se adaptar e a sobreviver.

Em suma, o ritmo circadiano é o ciclo natural pelo qual nosso corpo passa em um período de 24 horas que nos diz quando é hora de dormir e quando é hora de acordar.

Como você pode imaginar, isso fica um pouco confuso durante os meses em que ocorrem estes fenômenos. Desse modo, para ajudar a combater isso, os cientistas dizem que é necessário estar em um período de escuridão por pelo menos uma hora antes de ir para a cama para que seu corpo comece a produzir melatonina.

Aliás, alguns cientistas até recomendam que as pessoas usem óculos de sol no início da noite para iniciar esse processo.

Continua após a publicidade

Outra dica, é suplementar a dieta. A vitamina D é produzida como resultado da exposição ao sol, de modo que aqueles que passam muito tempo no escuro podem não ter essa vitamina, levando a distúrbios do sono, bem como alterações do humor, fraqueza muscular ou até ossos quebradiços.

Como a vitamina D não está presente naturalmente em muitos alimentos, adotar um suplemento pode ser o melhor método.

Por fim, os físicos exercícios e o sono estão diretamente ligados; portanto, nesses lugares extremos, os moradores podem optar por se exercitar assim que acordar. Isso dará mais energia, e consequentemente irá tornar o descanso melhor.

10 fatos sobre a noite polar e o sol da meia noite

O que causa os fenômenos sol da meia noite e noite polar?

Continua após a publicidade

1. A duração total da noite polar depende da sua latitude. A duração média para a maioria dos destinos é de cerca de 30 dias, mas as localidades mais ao norte podem desfrutar de quase dois meses de escuridão.

2. O Polo Sul, na verdade, recebe noites polares por uma semana a mais do que o Polo Norte. Mas como ninguém mora no Polo Sul, isso não é tão significativo.

3. Na noite polar há luz suficiente ao redor para que todos sigam suas vidas normalmente, embora as luzes da rua permaneçam acesas o tempo todo.

4. O Transtorno Afetivo Sazonal (SAD) é uma condição em que a falta de luz suficiente causa depressão nos pacientes.

Continua após a publicidade

5. O único lugar no hemisfério sul para experimentar noites polares é na Antártica.

6. Mesmo que o sol permaneça abaixo do horizonte, o sol não fica completamente apagado. Em dias claros, é possível ver belas cores do pôr do sol no sul, enquanto o céu ao norte é de um azul profundo a meia-noite.

7. A “hora azul” é o período mais icônico do dia. Por volta de 13h ou 14h da tarde, a luz residual é refletida no mar azul e na neve branca, e a paisagem é banhada por um azul profundo e cristalino.

8. Na Noruega, durante a noite polar é possível ver a aurora boreal 24 horas por dia. mesmo no meio do dia. Aliás, Svalbard é o único lugar na terra onde você pode ver uma “aurora boreal diurna”.

Continua após a publicidade

9. Noruega, Suécia, Finlândia, Dinamarca (Groenlândia), Islândia, Rússia, Canadá e Estados Unidos (Alasca) são os únicos países dentro do Círculo Polar Ártico onde é possível vivenciar a noite polar.

10. Durante a noite polar, o céu permanece escuro e as estrelas podem ser vistas por 24 horas.

Então, gostou deste artigo? Pois, leia também: 50 curiosidades interessantes que você não sabia sobre o Alasca

Continua após a publicidade
Próxima página »

Escolhidas para você