Curiosidades

Planeta Nibiru: origem, histórias e teorias sobre o Planeta X

Segundo teorias, o Planeta Nibiru, também conhecido como Planeta X, seria um ancestral da Terra. E que será responsável pelo fim do mundo.

Os seres humanos são especialistas em desenvolver teorias da conspiração. Além de prever possíveis apocalipses. No entanto, quase sempre essas teorias são baseadas em achismos, sem embasamentos científicos. Por exemplo, a história do Planeta Nibiru. Também conhecido como Planeta X.

A princípio, o Planeta Nibiru foi visto como um planeta ancestral responsável pela formação da Terra. Assim como dos deuses sumérios. Ademais, também existiam teorias de que esse Planeta representava um corpo celeste que estaria na rota de colisão com a Terra. Desse modo, o Nibiru provocaria o fim dos tempos. Ou o fim da raça humana.

Em suma, essa história surgiu em 1976, no livro O 12º Planeta, escrito por Zecharia Sitchin. Assim, conforme a lenda dos deuses astronautas é um planeta em uma órbita extremamente elíptica. Que o atrai até o Sistema Solar Interior uma vez a cada 3600 anos.

O que é o Planeta Nibiru?

Pinterest

O Planeta Nibiru ou Planeta X, consiste em uma variação da teoria dos deuses astronautas. A princípio, a teoria foi desenvolvida pelo ex-garçom e autor best-seller Erich Von Däniken. Em síntese, a lenda alegava que o Nibiru é um planeta em uma órbita extremamente elíptica. Dessa forma, ele é atraído para o Sistema Solar Interior uma vez a cada 3.600 anos. Ademais, a história se desenrolou em 1976, no livro “O 12° Planeta”, escrito pelo arqueólogo autodidata e economista Zecharia Sitchin.

Continua após a publicidade

Origem do Planeta Nibiru

Aleteia

Inicialmente, durante uma das passagens de Nibiru pelo sistema solar interior, uma das luas dele colidiu com outro planeta, chamado Tiamat. Ademais, esse Tiamat era um planeta que existia entre Marte e Júpiter. Consequentemente, ao ocorrer essa colisão, Tiamat se partiu ao meio. Posteriormente, ao passar pela segunda vez, Nibiru acaba colidindo com os fragmentos de Tiamat. Logo, um deles se fragmentou ainda mais, gerando um cinturão de asteróides. Por fim, o outro fragmento, após se colidir com Nibiru e outras de suas luas, mudou sua órbita. Originando no planeta Terra.

Por outro lado, após algum tempo, vida inteligente começou a surgir no Planeta Nibiru. Em síntese, eles eram de uma raça denominada Anunnaki. Posteriormente, eles se tornaram seres extremamente avançados, com um programa espacial bastante eficiente.

Planeta Nibiru e a raça Anunnaki

Fundação Cultural

Com o surgimento de vida inteligente no Planeta Nibiru, eles foram se desenvolvendo com o passar do tempo e se tornaram extremamente avançados. Ademais, há 450 mil anos atrás, uma expedição Anunnaki chegou ao planeta Terra, em busca de minerais e metais preciosos, como o ouro. No entanto, realizavam os trabalhos de forma manual, o que provocava um elevado cansaço pelo trabalho pesado. Por isso, alguns grupos se revoltaram e fizeram greves e motins.

Diante disso, a Administração da Operação sugeriu que usassem a engenharia genética para aprimorar alguns humanóides terrestres. Logo, foram criados espécies de escravos, denominados Homo sapiens, que trabalhariam para seus mestres alienígenas, reconhecidos como deuses.

Continua após a publicidade

Por outro lado, os deuses ensinaram valiosas lições para os seres humanos. Por exemplo, as hierarquias de poder. Ademais, Sitchin escreveu treze livros a respeito de Nibiru e seus habitantes. Em resumo, ele usou como fonte as traduções de textos sumérios, babilônios e acadianos.

Nancy Lieder

Pinterest

Em 1995, uma senhora chamada Nancy Lieder alegou possuir um implante alienígena no cérebro. Ademais, com esse implante, ela seria capaz de se comunicar com os seres do sistema Zeta Reticuli. Posteriormente, em 1997, que ela ficou mundialmente conhecida. Pois, afirmou que o cometa Hale–Bopp não existia, sendo apenas uma distração para a chegada do planeta Nibiru.

Além disso, alertou que o Planeta X iria causar danos irreversíveis na Terra. Em suma, provocaria cataclismos, inversão de pólos, etc. E que isso aconteceria no dia 27 de maio de 2003. Entretanto, nada aconteceu ao chegar nessa data. Logo, a senhora justificou dizendo que era apenas uma brincadeira dela. E que a colisão real estava por vir ainda. Por fim, quando Hale-Bopp se tornou visível para o mundo inteiro, Nancy Lieder removeu as referências a ele de seu website.

A teoria do fim do mundo

Continua após a publicidade

A última teoria do fim do mundo, incluindo o Planeta Nibiru, ocorreu em 23 de setembro de 2017. Em suma, e teoria combinou aspectos científicos com passagens bíblicas. A princípio, a colisão do planeta Nibiru com a Terra ocorreria em 2003. Entretanto, quando ela não ocorreu, seus seguidores buscaram fazer uma nova interpretação. Encontrando a data em 2017. Ademais, essa previsão foi formulada por uma teoria de David Meade. Autor do livro Planet X – The 2017 Arrival.

Dessa forma, ele realiza uma estimativa com base em passagens bíblicas e em superstições com o número 33. Pois, representa o número de dias do intervalo entre o eclipse solar de 21 de agosto. Portanto, visto como um presságio, e a data prevista para a colisão do Planeta X. Além disso, Jesus viveu 33 anos. E o nome de Elohim, nome de Deus para os judeus, foi mencionado 33 vezes na Bíblia. Portanto, representa um número muito significativo biblicamente.

David Meade e a previsão do fim do mundo

Terra

Em 2017, o numerologista cristão David Meade, teve uma previsão de que a aproximação do planeta Nibiru era iminente. Dessa forma, ele fez o uso de passagens bíblicas e códigos numerológicos que associaram o planeta às pirâmides de Gizé e a um eclipse. Assim sendo, ele alegou que em 5 de outubro de 2017 ocorreria um eclipse solar. E que a Coréia, China e Rússia lançariam um ataque nuclear contra os Estados Unidos.

Além disso, também ocorreriam terremotos de magnitude 9.8 em todo o mundo e tsunamis. Por fim, ainda afirmou que Barack Obama poderia ser reeleito para um terceiro mandato. No entanto, nenhuma dessas previsões mirabolantes de fato aconteceu.

Continua após a publicidade

Planeta Nibiru na atualidade

Aleteia

Atualmente, existem diversos textos explicando que o Planeta Nibiru, na verdade não existe. E que se trata apenas de teorias da conspiração. De acordo com a NASA, não há evidências sobre sua existência. Muito menos que ele irá se colidir com a Terra.

No entanto, ainda existem várias teorias de que Nibiru está vindo em direção a Terra. Ademais, no YouTube está repleto de vídeos que abordam a respeito desse tema. Que defendem com convicção a real existência desse planeta. Inclusive, que o dia em que ele irá se colidir com a Terra está mais próximo do que imaginamos.

E você, acredita nessas teorias do final dos tempos? Se você gostou do conteúdo dessa matéria, saiba mais em: Anunnaki, os deuses sumérios responsáveis pela criação do homem.

Fontes: BBC; Globo; Tecnoblog

Continua após a publicidade

Imagens: Terra. Pinterest; Aleteia; Fundação Cultural

Próxima página »

Escolhidas para você