Notícias

Saiba se você é vítima de espionagem de dispositivos eletrônicos

Estudo recente revelou que teve uma elevação na instalação para espionagem em dispositivos eletrônicos de 63%.

O Google já localizou e excluiu diversos anúncios de aplicativos que incentivam uma possível espionagem de dispositivos eletrônicos. A ação aconteceu no último mês de outubro. A utilização era feita para os pais acompanharem seus filhos. No entanto, foi aproveitado por abusadores.

O motivo disso foi o surgimento de vários casos de perseguição através, por exemplo, de um software famoso como o Stalkerware. Sendo assim, o usuário poderia espionar outra pessoa sem o seu consentimento. Isso é feito através de qualquer aparelho eletrônico.

Portanto, o invasor consegue ver as mensagens, localização, fotos, arquivos e até escutar ligações. Especialistas acreditam que a maioria desses casos envolvem alguma espécie de violência doméstica.

Antiespionagem

Saiba se você é vítima de espionagem de dispositivos eletrônicos

Uma vítima de casos de espionagem por meio de dispositivos eletrônicos, Eva Galperin, fundou em 2019 a Coalition Against Stalkerware. O grupo auxilia pessoas que sofreram casos de estupro, relacionamentos abusivos e entre outras situações que resultavam na perseguição de pessoas por meio da tecnologia.

Além disso, havia ocorrências em que o suspeito divulgava imagens íntimas das vítimas na internet. Antes de acontecer o agressor ainda realiza chantagens para não o fazer. 

Continua após a publicidade

Engajamento do Stalkerware

Uma pesquisa feita pelo Norton Labs apontou que o alastramento do stalkerware cresceu significativamente. Ou seja, uma elevação na instalação para espionagem em dispositivos eletrônicos de 63%. Isso aconteceu entre setembro do último ano e maio de 2021. 

O estudo mostrou ainda que esse crescimento teve relação com o isolamento social. Já que as pessoas ficaram mais tempo dentro de casa. Por isso, nestes últimos dois anos Eva conseguiu convencer diversas companhias de antivírus a reconhecer o stalkerware como software malicioso. 

Ela conseguiu denunciar outros programas de espionagem em dispositivos eletrônicos, como, por exemplo, o SpyFone que foi removido pela Comissão Federal de Comércio dos Estados Unidos da América (EUA). A remoção foi feita em setembro deste ano.  

Como saber se é uma vítima de espionagem?

Você pode detectar sinais estranhos no seu celular ou computador. Os dispositivos podem acabar com a bateria rapidamente, reiniciar sozinho e de forma repentina. 

Geralmente, o hacker só necessita do número de telefone das pessoas para conseguir invadir. A contratação é feita pelo criminoso. Sendo assim, a vítima ao perceber a situação deve procurar uma delegacia de crimes cibernéticos o mais rápido o possível. 

Leia também para Entender sobre a eficácia das vacinas que protegem contra a ômicron!

Próxima página »

Escolhidas para você