Notícias

Turma da Mônica; Chico Bento também ganhará filme live-action

O personagem Chico Bento que faz parte do universo das histórias em quadrinho da Turma da Mônica também ganhará um filme live-action.

O personagem Chico Bento que faz parte do universo das histórias em quadrinho da Turma da Mônica também ganhará um filme live-action. O longa está previsto para estrear em janeiro do próximo ano.

A revelação da dica foi feita pela produtora Paris Filmes. Ou seja, a mesma que fez o filme da Turma da Mônica – Lições. Sendo assim, a divulgação foi feita durante as cenas pós-crédito do último filme da turminha do bairro do Limoeiro.

Pelas imagens é possível ver um ambiente rural. De repente a personagem Dona Cotinha, a mãe do caipirinha, surge. Além disso, da pra ver também o Chico Bento de costas com sua roupa clássica e o chapéu.

Expectativas sobre o novo filme do Chico Bento

Turma da Mônica; Chico Bento também ganhará filme live-action

Continua após a publicidade

Com o novo longa do Chico Bento a caminho, os fãs estão ansiosos para ver os clássicos personagens no novo filme. Como, por exemplo, a Rosinha, Nhô Lau, Zé Lelé e a professora do personagem.

Chico Bento foi criado em 1960 pelo Maurício de Sousa, o mesmo criador de a Turma da Mônica. Sendo assim, o personagem é um representante nato da cultura sertaneja com seu próprio elenco.

Continua após a publicidade

Sobre os dois filmes da Turma da Mônica

Turma da Mônica: Lições é a nova adaptação dos personagens dos quadrinhos de Mauricio de Sousa. Portanto, o primeiro filme foi Turma da Mônica: Laços. O lançamento foi em 2019 que tinha como base a graphic novel de 2013 dos irmãos Lu e Vitor Cafaggi com o mesmo título.

Continua após a publicidade

Sendo assim, a sequência do filme também é uma adaptação da continuação da graphic novel. Por isso, o primeiro filme mostrou o lado criança dos atores Giulia Benite, que interpreta a Mônica, Kevin Vechiatto, que dá vida ao Cebolinha, Gabriel Moreira, o intérprete do Cascão e a Laura Rauseo, a Magali.

No segundo filme, é possível notar o início da adolescência do grupinho. Ou seja, um lado mais sentimental com lágrimas e muita emoção. A atriz Giulia Benite, por exemplo, contou que sentiu dificuldades ao mostrar esse lado emotivo em que a personagem precisa chorar.

Próxima página »

Escolhidas para você