5 mulheres que se transformaram com esteroides

Se você acompanha o Segredos do Mundo, já deve ter notado que é comum pessoas pelo mundo que estão insatisfeitas, de alguma maneira, com seus corpos. E, para mudar isso, há quem engorde e quem emagreça, como você já viu em matérias anteriores por aqui.

Hoje, no entanto, você vai conhecer alguns casos mais extremos. Isso porque estão na lista que preparamos, mulheres que se transformaram pelo uso de esteroides.

Como você vai ter oportunidade de conferir, em todos os casos, as transformações resultaram em efeitos negativos para elas. Os esteroides, em algumas, forçaram até a mudança de gênero, já que as características masculinas, nessas mulheres, ficaram bastante ressaltadas com o tempo.

Já imaginou ser uma mulher e ter voz grave? Peitos e queixo peludos? Ou pior, já imaginou não ter nada mais de mulher, a não ser o órgão genital, devido ao uso excessivo de esteroides durante anos?

Pois é, apesar de ser algo bizarro, a verdade é que isso aconteceu com todas essas pessoas que você está prestes a conhecer abaixo. E o pior: não foi só com elas. Todos os dias, homens e mulheres estão usando cada vez mais esteroides e outras substâncias perigosas para conseguir alcançar o padrão físico desejado.

Claro que algumas pessoas se esforçam e se mantém limpas, mas ninguém pode negar que esteroides existem e têm um público cativo, não é mesmo? Por isso, a gente espera que essa matéria sirva de alerta, especialmente no caso das mulheres.

Confira, abaixo, 5 mulheres que se transformaram completamente depois dos esteroides:

1. Heidi Krieger

4

Durante muito tempo, Heidi foi uma competidora oficial de lançamento de peso da equipe de atletismo da então República Democrática Alemã. Como todo atleta, ela cuidava do corpo e tinha um treinador responsável por sua preparação física.

2

O problema, no entanto, é que o treinador da atleta dava a ela, doses diárias de esteroides, mas dizia a ela que se tratavam apenas de suplementos. O resultado disso foi que, com o passar do tempo, Heidi foi ficando com o corpo transformado e cada vez mais masculino: pelos apareceram por todo o corpo, a voz ficou grossa e até mesmo a feição da atleta ficou masculinizada.

3

Em 1997, quando percebeu que não havia mais condições de retornar à sua aparência feminina, a atleta iniciou o processo de transição de gênero e conseguiu seu reconhecia, legalmente, como um homem. Hoje em dia, Heidi se chama Andreas Krieger, nos documentos.

2. Denise Rutkowski

9

Outra das mulheres que se transformaram com esteroides foi Denise. Nos anos 90, ela exibia um corpo totalmente trincado e bem masculinizado também, mas isso era até desejável para o sucesso em sua carreira como fisiculturista.

Os músculos de Denise eram tão impressionantes e seu preparo físico tão marcante, que ela era chamada de Pantera Dourada. Em 1993, por exemplo, ela chegou a conquistar o 2º lugar no concurso Miss Olympia.

10

Ninguém sabe, exatamente porque, mas depois de impressionar no fisiculturismo, a atleta simplesmente sumiu do mapa. Dizem que ela passou pelo menos 2 anos isolada em um convento. Depois disso, em 1996, ela começou a viajar os Estados Unidos trabalhando na conquista de novos fiéis para sua igreja.

Mas, tão de repente quanto foi sua saída, foi também sua volta para o mundo dos esteroides. Em 2001, também sem nenhum anúncio prévio, Denise voltou a treinar pesado e a usar bombas. O problema, no entanto, era que seu corpo já não respondia bem a esse tipo de estímulo, o que a impedia de retornar à antiga forma física.

8

A última vez que Denise foi vista em público foi em 2013. Nesse ano, ela foi presa por desacato à autoridade. A foto da ex-atleta, no entanto, no dia de sua prisão; impressionou o mundo e mostrou como os esteroides podem ferrar com a aparência e a saúde das pessoas. Mas o que mais chamou atenção foi sua barbicha.

3. Mimi D’Attomo

11

Aos 20 anos, Mimi mergulhou de cabeça no mundo do fisiculturismo. O problema, no entanto, é que a atleta não se limitou aos treinos pesados. Juntamente com os ferros e pesos, ela fazia uso abusivo de substâncias químicas voltadas ao desenvolvimento muscular e se tornou mais uma das mulheres que se transformaram com esteroides.

12

Mas, nesse caso, Mimi percebeu a realidade sobre o que estava fazendo consigo mesmo à tempo de interromper o uso de anabolizantes. Foi assim que ela abandonou o uso de substâncias perigosas e conseguiu, depois de alguns anos, a retomar formas femininas.

4. Monica Mollina

13

Também conhecida como Mowi, essa atleta começou com treinamentos pesados com apenas 14 anos. Ela sempre sonhou em se tornar uma campeã e fisiculturismo e, por isso, se dedicou a vida inteira ao seu objetivo.

14

Mas, como sempre foi bem magra, Monica iniciou o uso de asteroides em algum momento de sua carreira. O resultado, claro, foi um corpo musculoso e várias características masculinizadas.

15

Hoje em dia, Monica trabalha com vendas de emagrecedores e dá conselhos sobre suplementos. Se bem que ela não é bem um exemplo a ser seguido, não é mesmo?

5. Candice Armstrong

7

Essa, com certeza, é um dos casos mais extremos de mulheres que se transformaram com esteroides. Isso porque Candice acabou passando por uma transformação de gênero sem planejamento, em consequência da quantidade de drogas que ela usava para ter um corpo musculoso e trincado.

6

Dizem que, hoje em dia, com voz grossa e pelos no rosto e nas costas, Candice até usa o banheiro masculino no trabalho e em outros lugares públicos. Até mesmo um pequeno órgão masculino (de 2,5 centímetros) acabou se desenvolvendo na mulher, a partir das saliências do próprio órgão feminino.

5

Conforme o jornal britânico Daily Mail, Candice começou sua transformação aos 28 anos de idade. Nessa época, ela era uma mulher como qualquer outra. Hoje em dia, no entanto, com todas as alterações irreversível em seu corpo, Candice prefere não interromper o uso dos esteroides.

E você, conhece outras mulheres que se transformaram com esteroides?

Fonte: Oddee