Curiosidades

Coisas fofas – Por que mexe com a gente, sentimento e exemplos

Quando você vê coisas fofas, o cérebro manda uma reação contrária do que você está sentindo no momento, como um modo de defesa da mente.

Por Gustavo Ramos

Quando você vê um coisas fofas, como animalzinho bonitinho ou um bebê que acha extremamente adorável, o que sente? Provavelmente, você já deve ter sentido vontade de apertá-los, certo?

Se pensar bem sobre isso, pode até parecer um pouco estranho. Não faz sentido querer apertar e machucar coisas tão fofas e frágeis, não é mesmo? Acontece que tudo isso não passa de um mecanismo de defesa da mente humana.

Na verdade, quando você vê coisas fofas, o cérebro manda uma reação contrária do que você está sentindo no momento.

Quer ver outro exemplo? Quando você ri em algum momento em que a risada não é permitida. Essas reações acontecem para que a emoção sentida seja contida e controlada.

Além disso, outro fator extremamente normal da reação, principalmente com bebês e animais filhotes, é a vontade de cuidar deles. Por fim, isso se dá pela natureza mesmo, ou seja, é algo inerente à nossa espécie.

Exemplos de coisas fofas

Pode ser que você se identifique mais com uma coisa do que com outra, mas, no geral, o intuito é o mesmo: querer apertar. Além disso, essa agressividade fofa é entendida e você pode ficar tranquilo.

Pesquisadores relacionam isso à atividade neural e, também, com o próprio comportamento humano. Aliás, este sentimento já chegou até a receber o nome. Segundo os pesquisadores responsáveis, portanto, se trata de “agressão fofinha”. E isto não é um apelido.

Por fim, agora que você sabe que este é completamente normal e um sentimento natural; chegou a hora de saber se você também sobre com o problema.

Abaixo, portanto, convidamos você a acompanhar várias imagens de situações extremamente fofas e agradáveis para os olhos. Aproveite e não deixe de nos contar, nos comentários, quais delas mais despertou em você aquele desejo de apertar ou de morder!

Animais

Olha esses cachorrinhos, que coisinhas mais fofas:

Coisas fofas - explicando o sentimento e exemplificando
Veja Abril
Coisas fofas - explicando o sentimento e exemplificando
Meu blog & meu mundo
Coisas fofas - explicando o sentimento e exemplificando
Pinterest
Coisas fofas - explicando o sentimento e exemplificando
Pais e filhos

E esses gatinhos então?

Coisas fofas - explicando o sentimento e exemplificando
iBahia
Coisas fofas - explicando o sentimento e exemplificando
Pinterest
Coisas fofas - explicando o sentimento e exemplificando
Gazeta digital

Bebês

Por conseguinte, os bebês são também muito fofos e adoráveis, não são? Confira:

Coisas fofas - explicando o sentimento e exemplificando
Amino apps
Coisas fofas - explicando o sentimento e exemplificando
Dani Vallim
Coisas fofas - explicando o sentimento e exemplificando
Sweet Fluffy

E então? Gostou dessa matéria? Então vai provavelmente gostar também: Felícia – A síndrome que faz pessoas gostarem de apertar o que é fofo

Fonte: Huffpost Brasil

Imagens: Veja Abril, Meu blog & meu mundoPinterest, iBahia, Pinterest, Amino apps, Dani Vallim, Sweet Fluffy, Pais e filhos, Gazeta digital,

Próxima página »

Escolhidas para você