Como deixar de ser tímido com 4 truques simples

Todo mundo tem momentos de timidez de vez em quando, mas existe aqueles que convivem o tempo inteiro com o medo de ser criticado, rejeitado e de sofrer com a reação negativa das pessoas. Esse, para quem não sabe, é o pesadelo que todo tímido tem que enfrentar diariamente.

Você, por exemplo, já viu como um tímido fica quando sabe que precisa falar em público ou entrar em um local cheio de estranhos? Normalmente essas pessoas começam a ficar ansiosas, ficam vermelhas e aceleradas, imaginando todo tipo de coisas que podem desandar e do que as pessoas poderão comentar sobre elas. E essa é apenas uma das situações que costumam despertar pânico em quem sofre com a timidez.

A boa notícia, no entanto, é que existem técnicas simples que podem reduzir os desconfortos com os quais o tímido sofre todas as vezes que precisa fazer alguma coisa publicamente. Abaixo, na matéria, aliás você confere como colocar esses truques em prática e como eles agem no cérebro para baixar o estresse, a ansiedade e a timidez.

Como deixar de ser tímido:

1. Tente encarar as situações de uma outra forma

Nem todo tímido é introvertido, sabia? Pessoas introvertidas são mais reservadas, enquanto as tímidas têm tendência a superestimar as possibilidades negativas das situações. É por causa disso que alguém que sofre de timidez tem medo de interações sociais, fica ansioso ao pensar em entrar em um local cheio de desconhecidos e teme o julgamento alheio.

A sensação de ansiedade que as situações que despertam timidez pode ser amenizada com a prática de alguns exercícios mentais. Um bom exemplo é pensar nas coisas que poderiam dar muito certo e transformar a ocasião toda em um grande sucesso ao invés de focar nas possibilidades ruins.

Ter em mente que você é uma pessoa corajosa e que tem força para encarar seus medos de frente também é uma ótima forma de deixar de ser tímido ou de, pelo menos, assumir o controle da situação.

2. Demonstre interesse sobre as outras pessoas

Se você tem medo de ser renegado na hora de fazer amizades ou de conversar com um desconhecido, também existem técnicas eficientes contra o problema. A regra é demonstrar interesse, de forma genuína, pelas demais pessoas e pelo o que elas têm a contar.

De forma geral, pessoas que não se interessam pelas outras não devem ser muito interessantes e costumam apresentar grande dificuldade em todos os setores da vida, como o profissional, o afetivo e o social.

Uma ótima maneira de lidar com as pessoas é tirar o foco de si mesmo e buscar conhecer mais sobre as pessoas com quem se está conversando. Todo mundo tem uma história legal para contar e as pessoas amam falar sobre si mesmas, então, para ter uma conversa legal, mesmo com um estranho, dê o primeiro passo e faça perguntas.

3. Descubra qual é o seu papel

Nem todo mundo que é tímido tem problemas na vida profissional, sabia? Existem por aí médicos, professores, empresários e uma série de outros profissionais que se descobrem pessoas confiantes dentro do âmbito do trabalho e que não são tão seguras assim em outras esferas da vida.

Isso mostra que ter um papel, uma função, é algo que mexe com nosso senso de valor e com nosso propósito. Um bom exercícios para quem é tímido, então, é tentar enxergar as situações consideradas “ameaçadoras” por ele por outra perspectiva, dando uma função para si mesmo.

4. Pegue leve na autocrítica

Quem é tímido normalmente é muito autocrítico e não costuma ter piedade de si mesmo quando o assunto é o diálogo interno. Aliás, essas pessoas costumam dizer para si mesmas, mesmo que mentalmente, coisas que jamais diriam para outras pessoas.

O problema é que a autocrítica ferranha que eles têm faz com que eles acreditem que as demais pessoas também agem dessa forma com relação a eles. E isso, obviamente, prejudica muito a autoestima do tímido.

Uma boa forma de mudar isso é começar a pensar bem sobre si mesmo. É possível treinar aquela voz interna que costuma gritar com você e fazer com que ela ressalte mais suas qualidades, suas conquistas e que ela diga palavras que eleve sua autoestima.

Por exemplo, quando sua autocrítica fizer você acreditar que as pessoas não vão gostar de você, lembre-se de que muitas pessoas já gostam de você, como seus amigos e parentes. Tente ser mais gentil consigo mesmo e, com o tempo, você vai perceber que sua autoconfiança vai estar muito melhor alimentada.

E então, que tal começar a colocar essas técnicas em prática e tentar sem menos tímido? Agora, se nada disso funcionar, talvez seja o caso de você procurar ajuda psicológica, certo?

E, falando em coisas que acontecem dentro da nossa cabeça, você precisa conferir ainda: 10 transtornos de personalidade mais comuns atualmente.

Fonte: Mega Curioso