Como evitar ter o cartão de crédito clonado? Descubra o truque

Todos os dias, centenas de pessoas caem em golpes relacionados ao cartão de crédito. Isso porque, não são raros os casos em que os cartões são clonados na hora de um saque em caixas eletrônicos ou até mesmo durante o apagamento de algum conta em lojas e outros estabelecimentos (porque nem mesmo nesses lugares você está livre dos golpes).

Ou você vai dizer que não conhece ninguém que já tenha sofrido algum tipo de golpe ao usar o cartão de crédito? Isso sempre acontece e, na maioria das vezes, a gente só percebe que algo está errado quando a fatura chega.

Mas existem alguns detalhes que podem denunciar quanto uma máquina de cartões não é confiável. Conforme a Ingenico, fabricante de terminais de cartão de crédito, a própria forma da maquininha revela a fraude.

Como se a máquina foi alterada:

1. Tamanho e largura

A principal característica que você deve observar na hora de usar o cartão de crédito é se o terminal (a máquina) está do tamanho que deveria ter. Isso porque uma máquina de cartão de crédito alterada costuma receber um encaixe, responsável por “chupar” as informações dos cartões ali inserido. Esse dispositivo deixa a máquina mais alongada, mais larga e o cartão de crédito costuma ficar muito mais para dentro do dispositivo que o normal.

2. Teclas sem destaque

Outra característica que você deve observar na máquina, antes de usar o cartão de crédito, é se as teclas que finalizam ou cancelam a operação estão destacadas. Na maioria das vezes, máquinas de cartões alteradas não contam com esses botões em cores vivas e destacadas.

3. LED invisível

A peça acoplada na máquina de cartões de crédito, que permite a falsificação, acaba bloqueando a luz de LED, normalmente verde, que deveria aparecer quando o equipamento estivesse em uso.

4. Erros de operação frequentes

Erros de operações também são frequentes nessa máquinas poucos confiáveis. Isso acontece porque as peças que permitem a falsificação costumam ficar no caminho da faixa magnética quando dados são digitalizados. Se o terminal estiver muito lento, e o problema não for com a internet do lugar, este também pode ser um sinal de alerta.

Como se proteger na hora de usar o cartão de crédito:

. Se notar débitos ou compras no crédito que você não se lembra de ter feito, entre em contato com sua operadora de cartão de crédito;

. Estabeleça limites e limite quantidades de retirada de dinheiro, e os criminosos não serão capazes de retirar todo o seu dinheiro de uma só vez, caso caia em um golpe.

. Se você perdeu seu cartão e acha que alguém pode ter roubado seus dados, imediatamente ligue para o seu banco e peça para bloqueá-lo.

. Também é bom saber mais sobre as capacidades e os termos do seguro de cartão com o seu banco. Algumas organizações de crédito têm programas especiais para proteger seus clientes contra fraudes e reembolso de danos.

. Se você pagar em um restaurante, exija que todas as operações sejam realizadas em sua presença.

. Leia os recibos cuidadosamente depois de pagar com o seu cartão. O campo com a quantia paga não deve estar vazio.

E, se você tem um cartão de crédito que já não usa, independente do motivo, essa outra matéria vai ajudar você a dar outra finalidade para ele: Aprenda a copiar chaves usando apenas cartão de crédito.

Fonte: Bright Side