Curiosidades

Curar uma ferida – Dicas essenciais para uma cicatrização saudável

O processo de curar uma ferida pode variar de casos para casos, mas além da atenção com o curativo também é importante ter outros cuidados.

Por P.H Mota

-

O processo necessário para o corpo curar uma ferida depende de vários fatores. Além de um curativo limpo e bem feito, o paciente também precisa ficar de olho em alguns hábitos de saúde, que influenciam diretamente na cicatrização de qualquer machucado.

Entre os hábitos que precisam ser observados, por exemplo, está a alimentação. Uma vida sedentária e costumes como fumar e ingerir álcool, também influenciam na cicatrização. Isso porque são práticas que afetam a circulação e, portanto, a distribuição de sangue para curar a ferida.

Por outro lado, também existem costumes que ajudam a garantir uma cicatrização mais ágil e saudável.

5 hábitos saudáveis para curar uma ferida de maneira eficaz

Manter ferida e curativo limpos

Curar uma ferida - dicas essenciais para uma cicatrização saudável
verywell health

No caso de feridas simples, como arranhões ou cortes pequenos, a primeira medida é lavar a área machucada. Dessa maneira, evita-se infecções ao eliminar vírus e bactérias da região. A limpeza pode ser feita com água e sabão neutro ou soro fisiológico.

Por outro lado, feridas mais graves só podem ser lavadas com soro e material esterilizado. Ou seja, nesses casos é essencial buscar um hospital para a limpeza.

Após a limpeza da área, é preciso aplicar um curativo para proteger o ferimento, mas o processo vai variar de acordo com o tipo de lesão.

Aquecer a ferida com compressa quente

Curar uma ferida - dicas essenciais para uma cicatrização saudável
Medical News Today

Uma compressa de calor feita sobre o ferimento ou o curativo por cerca de 15 minutos ajuda a liberar sangue na região. Sendo assim, o machucado acaba recebendo mais nutrientes e consegue realizar a cicatrização com mais agilidade. No entanto, o procedimento só pode ser realizado após a formação de casquinha no local, de duas a três vezes por dia.

Elevar a ferida

Curar uma ferida - dicas essenciais para uma cicatrização saudável
Lifestyle ao Minuto

Feridas que ficam inchadas por mais de dois dias devem ser elevadas a fim de reduzir a retenção de líquido. Esse tipo de efeito é comum nas pernas de pessoas com problemas cardíacos ou de circulação, mas tem soluções simples. Basta tentar se posicionar com as pernas elevadas, cerca de 20 cm acima do nível do coração, sempre que possível.

Consumir vitaminas A, C, E e ômega 3

Curar uma ferida - dicas essenciais para uma cicatrização saudável
openfit

Alimentos como laranja, manga, tomate e amendoim (ricos em vitaminas A, C e E), bem como salmão, atum e sementes de chia (ricos em ômega 3) estimulam o corpo na formação dos tecidos de cicatrização. Sendo assim, colocá-los na dieta é uma forma de otimizar o processo para curar uma ferida.

Por outro lado, há alimentos que atrapalham o processo. Entre eles estão açúcar, refrigerantes, leite achocolatado ou carnes de porco gordurosas.

Usar uma pomada

Curar uma ferida - dicas essenciais para uma cicatrização saudável
Tua Saúde

Além de apostar no funcionamento do próprio corpo, usar uma pomada também pode ser uma boa ideia. Isso porque elas oferecem nutrientes que ajudam na recuperação da pele, além de reduzirem inflamações. O uso de pomadas, entretanto, deve ser feito sob orientação médica.

As 3 fases da cicatrização

Curar uma ferida - dicas essenciais para uma cicatrização saudável
Medical News Today

Primeira fase: a primeira fase de cicatrização é a fase inflamatória, que pode durar de um a quatro dias. Nesta fase, os casos sanguíneos entram em constrição, evitando hemorragias. Logo após o sucesso do processo, os vasos voltam a dilatar-se para que o sangue possa agir no local, a fim de curar a ferida. Por causa disso, podem surgir sintomas como inchação, vermelhidão e dor na região.

Segunda fase: esta fase (fase proliferativa) dura de 5 a 20 dias, quando inicia-se a formação do colágeno – bem como de outras fibras – fundamentais para a cicatrização.

Terceira fase: conhecida como fase de maturação, a última fase pode durar um mês ou vários anos, dependendo do nível da ferida. O corpo mantém a produção de colágeno, a fim de corrigir o equilíbrio de feridas na cicatriz com o passar do tempo. Em alguns casos, uma infecção pode comprometer a recuperação, como no pé diabético, por exemplo.

Mitos sobre cicatrização

Curar uma ferida - dicas essenciais para uma cicatrização saudável
Vitalmed

Açúcar para curar uma ferida: um paciente nunca deve colocar açúcar sobre um ferimento. Apesar de ser uma técnica popular, o processo não ajuda na cicatrização e ainda pode provocar infecções na área. A mesma recomendação vale para outros alimentos e produtos caseiros, assim como margarina ou pó de café.

Alimentação liberada: apesar de alguns alimentos contribuírem para o corpo conseguir curar uma ferida, existem outros que são prejudiciais. Sendo assim, é importante tentar fugir de comidas gordurosas ou doses, que podem deixar a cicatrização mais lenta.

Quando buscar um médico para curar uma ferida?

Curar uma ferida - dicas essenciais para uma cicatrização saudável
HuffPost

Geralmente, pequenos ferimentos possuem uma recuperação simples e sem complicações. Por outro lado, qualquer machucado apresenta algum risco de infecção e contaminação mais grave.

Por causa disso, é importante ficar atento a alguns sintomas que podem sugerir a necessidade de buscar um médico. Entre eles estão inchaço sem melhora por mais de três dias, presença de pus no ferimento, sangramento excessivo, dor intensa e dificuldade de movimentação do membro afetado.

Fontes: Tua Saúde, UOL, Vuelo Pharma

Imagens: HuffPost, Vitalmed, Tua Saúde, openfit, Lifestyle ao Minuto, Medical News Today, verywell health, Medical News Today, Soto Law

Próxima página »

Escolhidas para você