Ciência & Tecnologia

Existe uma possibilidade real de ter existido vida na lua?

Segundo estudo, em dois períodos de tempo diferentes no passado, a lua abrigou condições essenciais para o surgimento de vida.

O ser humano é fascinado pela possibilidade de existir vida fora da terra. Os famosos extraterrestres fazem parte do imaginário popular há séculos, porém, nunca foi encontrado nenhum tipo de indicio da real existência deles.

Outro elemento espacial que deixa os seres humanos impressionados é a lua. O satélite natural da terra é o responsável pelas mares e, além disso, serve de inspiração para os poetas e apaixonados.

E se eu te dissesse que existe uma provável ligação entre os dois temas? Um estudo publicado no periódico Astrobiolog, afirma que pode ter existido vida na lua há bilhões de anos atrás.

Vida na lua

Existe uma possibilidade real de ter existido vida na lua?

Continua após a publicidade

Segundo o estudo, que foi feito pelos astrobiólogos Dirk Schulze-Makush, da Universidade Estadual de Washington, nos Estados Unidos, e Ian Crawford, da Universidade de Londres, no Reino Unido, em dois períodos de tempo diferentes no passado, a lua abrigou condições essenciais para o surgimento de vida.

O estudo mostra que as condições na superfície lunar há 4 milhões de anos poderiam sustentar o surgimento de formas simples de vida. Eles sugerem ainda que o cenário voltou a se tornar ideal há 3,5 bilhões de anos com o ápice da atividade vulcânica lunar.

Nos dois períodos de tempo diferentes, a lua expelia uma quantidade considerável de gases voláteis, incluindo vapor de água de seu interior. Isso pode ter formado piscinas de água liquida, que sustentariam formas de vida por pelo menos milhões de anos.

“Se a água líquida e uma atmosfera significante estavam presentes nos primeiros períodos da Lua, acreditamos que a superfície lunar teria sido habitável”, afirmou Schulze-Makuch

Continua após a publicidade

Descoberta

Existe uma possibilidade real de ter existido vida na lua?

Os dados foram coletados das últimas pesquisas nas superfícies. Esse estudo começou a nove anos atrás, quando foi descoberto que havia vestígios de água na lua.

Além disso, existe a possibilidade de no começo dos tempos, a lua ter preservado um campo magnético para proteger as vidas que estavam surgindo.

O grande objetivo da dupla de cientistas é colaborar com futuras missões lunares para entender o passado do satélite.

Continua após a publicidade

Você gostou dessa matéria? Então você também vai gostar dessa aqui: O que é Lua Rosa? Entenda o evento da lua que acontece em abril

Fonte: Galileu

Imagem: Conhecimento Científico G1 Opinião e Notícia

Continua após a publicidade
Próxima página »

Escolhidas para você