Curiosidades

Grande Muralha da China – História e curiosidades sobre a construção

Considerada uma das maiores construções feita pelo homem, a Grande Muralha da China é um belo monumento histórico, cheio de curiosidades.

Um dos locais mais visitados do mundo é a Grande Muralha da China, considerado como uma das sete maravilhas do mundo. Sendo formada por uma série de fortificações que foram construídas ao longo de quatro dinastias chinesas. Localizada entre a província de Gansu e o Golfo de Bohai, na China, a muralha possui aproximadamente 8.850 Km de extensão, 8 metros de altura e 6 metros de largura.

Tendo como objetivo principal evitar invasões de inimigos do Norte, controlar as fronteiras do país, além de proteger a rota do comércio, chamada de a Rota da Seda. Originalmente, a Grande Muralha da China consistia em várias construções construídas desde o século VII a.C, durante a Dinastia Qin, a mando de Quin Shi Huang, primeiro imperador chinês.

Portanto, com o passar dos anos, durante as dinastias seguintes, a muralha foi reconstruída e reforçada, principalmente durante a Dinastia Ming (1368-1644). Quando as técnicas foram aprimoradas e diversas torres de guarda foram adicionadas, tornando a Grande Muralha da China na forma como é conhecida hoje em dia.

Porém, a muralha não é totalmente unificada, por isso, é possível encontrar partes dela em outros países além da China. Por exemplo, na região de Pyongyang, capital da Coreia do Norte, no território da atual Mongólia e uma pequena parte dentro do solo russo.

Apesar de sua imponência, a muralha não era impenetrável, sendo transposta em algumas ocasiões. No entanto, a muralha atingiu seu auge no século XV, quando os Manchus expandiram o território chinês na direção do norte. Como resultado, acabou perdendo sua principal utilidade e em 1677, o imperador Kangxi ordenou o fim de construções e reformas na muralha. Atualmente, é considerada como uma das mais belas construções existente, escolhida em 1987 como Patrimônio Mundial da UNESCO.

Principais curiosidades sobre a Grande Muralha da China

1- Uma das sete maravilhas do mundo

Imagem: História terapia

No ano de 2007, a Grande Muralha da China foi considerada como uma das sete maravilhas do mundo. Inicialmente construída para proteger a região de ataques inimigos, o monumento atravessa montanhas e rios. Inclusive, as pedras usadas na construção mediam mais de 2 metros e pesavam mais de 1 tonelada.

Durante o ano, a muralha recebe a visita de mais de 10 milhões de pessoas. Inicialmente, a muralha era chamada de Changcheng ou Wanli Changcheng, que em mandarim quer dizer O muro das 10 mil milhas. No entanto, esse nome não foi usado por muito tempo.

Curiosamente, na China há uma marca de carros bastante popular, cujo nome é Great Wall, que significa Grande Muralha.

2- Construção da Grande Muralha da China

Imagem: Unigran EAD

Ao todo, foram 20 séculos até que a muralha fosse finalizada, sendo reconstruída e reformada ao longo dos séculos. Todavia, foi durante a Dinastia Ming que finalmente foi concluída, atualmente, a muralha tem em torno de 500 anos.

No entanto, os chineses acreditavam que sua extensão fosse bem menor do que realmente é, cerca de 5000 km. Somente após uma aferição em 2009 que foi possível confirmar a real extensão da Grande Muralha da China (8850 km). Atualmente, é considerada como a mais longa estrutura construída pelo homem.

Ao longo de toda extensão da muralha, existem cerca de 40 mil torres, que eram usadas pelos soldados chineses para avistar os inimigos. Atualmente, muitas partes da muralha foram destruídas pela erosão, inclusive, algumas partes estão soterradas pela areia.

No entanto, onde não há visitações, partes da muralha são cobertas pela natureza, onde há uma mistura entre os elementos da muralha e uma densa vegetação.

3- Dragão de Pedra

Imagem: Terra

Também conhecida como dragão de pedra, a Grande Muralha da China é considerada como o maior cemitério do mundo. Pois, durante sua construção, em torno de um milhão de pessoas morreram na muralha. Todavia, a maioria das mortes foi causada pelo frio ou por má alimentação.

4- A Grande Muralha da China vista da Lua

Imagem: Engloba

No ano de 1893, a revista norte-americana The Century, informou que era possível que a Grande Muralha da China fosse vista da lua. Mas, quando o primeiro astronauta chinês, Yang Liwei, viajou para o espaço, desmentiu essa informação, dizendo ser impossível ver a muralha a olho nu.

5- Principais entradas da Grande Muralha da China

Imagem: Pinterest

As principais entradas da muralha são Shanhai, Juyong e Niángzi. No entanto, a entrada mais famosa fica perto da cidade de Pequim, no local conhecido como Badaling, sendo que essa entrada foi construída no ano de 1831.

6- As torres da Grande Muralha da China

Imagem: APKPure

Inicialmente, as torres foram construídas para serem usadas como depósitos de alimentos, além de servir como abrigo para soldados e trabalhadores. Contudo, a distância entre as torres eram calculadas de maneira que de uma fosse possível ver sinais emitidos pela torre vizinha.

Pois, a comunicação entre as torres eram feitas através de fumaça preta, resultado de uma mistura entre esterco e palha. No entanto, quando não havia esterco, eram usadas bandeiras brancas e pretas para a comunicação.

O objetivo da muralha era servir como um sistema defensivo militar integrado. Ou seja, era composto por torres, onde 50 militares se abrigavam. Sendo que cada torre servia como ponto de vigilância e comunicação, postos de comandos e logística.

7- Material utilizado na construção

Imagem: 360 Meridianos

Para sua construção, foi utilizada a mão de obra de milhares de camponeses, que em troca do trabalho, eram liberados da obrigação de pagar impostos. Em fim, ao longo dos séculos, diversos tipos de material foram usados na construção da Grande Muralha da China.

Contudo, o monumento foi construído com o objetivo de resistir ataques de armas leves como espadas e lanças. Por isso, as paredes eram feitas de terra batida e cascalho, moldadas entre molduras de tábuas.

No entanto, foi somente durante a Dinastia Ming, que começaram a usar tijolos feitos de barro aquecido, que eram levados até a muralha através de carroças. E para a argamassa, eram usados barro e farinha de arroz.  Já para modernizar o monumento, pedras marrons foram substituídas por gesso calcário e nas partes mais antigas foi usada massa feita de arroz glutinoso.

8- Maratona da Grande Muralha da China

Imagem: Lucilia Diniz

Desde 1999, é realizada na China uma corrida que é considerada como uma das mais difíceis, chamada de a Maratona da Muralha da China (Great Wall Marathon). Na corrida, os participantes devem percorrer uma distância que varia entre 8,5 e 42 km, em um percurso cheio de subidas e descidas. Geralmente, todo o percurso é realizado em três horas. No entanto, é um evento tão grande que conta com mais de 2500 corredores, de 60 países diferentes.

Em suma, a Grande Muralha da China é conhecida por sua beleza. História e grandiosidade, um verdadeiro patrimônio da humanidade. Então, se você gostou dessa matéria, também vai gostar dessa: Torre de Pisa – Por que ela é torta? + 11 curiosidades sobre o monumento.

Fontes: Peça Hoje, Kamel Turismo, UOL, Aventuras na História

Imagens: Tri curioso, História Terapia, Blog Unigran EAD, Terra, Engloba, Pinterest, APKPure, 360 Meridianos, Lucilia Diniz

Próxima página »

Escolhidas para você