Ciência & Tecnologia

O que aconteceria se o Sol desaparecesse de repente?

Ao fim, certamente não seria preferível que o Sol desaparecesse, mas, se o fizesse, pelo menos nossos dias não seriam ceifados imediatamente.

E se um dia o sol desaparecesse do universo, seria o fim do planeta Terra? Será que toda espécie de vida morreria imediatamente? Ou será que a gente consegue viver sem o calor e a energia dessa estrela gigantesca?

Esta questão traz imensas complicações devido à influência do Sol sobre o Sistema Solar. Primeiramente, vamos dar uma olhada hipotética a partir da perspectiva do movimento dos corpos no Sistema Solar.

Qualquer corpo celeste em órbita ao redor do Sol está se movendo rápido o suficiente para estar em um estado constante de queda livre em direção a ele.

O que aconteceria se o Sol desaparecesse de repente?

Se os planetas, por exemplo, parassem de se mover de repente, seriam imediatamente puxados para o Sol e cairiam nele.

E se o Sol desaparecesse de repente?

Então, vamos imaginar que, devido a alguma razão desconhecida, nosso Sol desaparecesse de repente. Neste caso, todos os planetas, asteroides, cometas e qualquer outro objeto manteriam seu movimento de avanço.

Continua após a publicidade

Portanto, ao invés de cair em direção ao agora inexistente Sol, eles voariam em linha reta em direção ao espaço.

Alguns dos planetas podem interagir gravitacionalmente uns com os outros, especialmente porque os planetas internos estão se movendo mais rápido que os planetas externos e poderiam potencialmente alcançá-los.

O que aconteceria se o Sol desaparecesse de repente?

Caso contrário, a probabilidade é que todos os objetos continuassem a se mover em linha reta através do espaço para fora do Sistema Solar, e seriam necessários algumas dezenas de milhares de anos para quaisquer desses planetas (inclusive a Terra) chegassem à vizinhança da estrela mais próxima – Alpha Centauri, por exemplo.

As consequências do sumiço do Sol na Terra

Claro que, para nós na Terra, as consequências seriam terríveis. Pelo lado positivo, nosso planeta retém o calor muito bem, então não congelaríamos até a morte instantaneamente.

Além disso, levando em consideração que a luz do Sol leva oito minutos e meio para chegar até nós, teríamos alguns momentos finais de um glorioso Sol antes que nosso planeta estivesse banhado em trevas.

Continua após a publicidade

Aqueles no lado da noite não notariam grande diferença até que a Lua desaparecesse, já que não haveria mais a luz do Sol para refletir.

Os planetas visíveis no céu noturno seguiriam o exemplo, desaparecendo um a um assim que a onda de escuridão os alcançasse.

Gelo… muito gelo

Eventualmente, porém, a ausência de radiação do Sol congelaria o nosso planeta.

Dentro de alguns dias o mundo estaria cem graus Celsius (ou mais) abaixo do ponto de congelamento, e dentro de semanas, a temperatura chegaria a apenas 50 graus acima do zero absoluto.

O que aconteceria se o Sol desaparecesse de repente?

A própria atmosfera também congelaria e cairia sobre a Terra, deixando-nos expostos à radiação severa que viaja pelo espaço.

Continua após a publicidade

A vida como a conhecemos teria que se adaptar para sobreviver à nossa nova Terra congelada, e é provável que apenas microrganismos abaixo da superfície poderiam sobreviver graças ao calor do núcleo.

Quanto aos seres humanos, provavelmente teríamos que nos juntar e construir grandes reatores de fusão nuclear para sobrevivermos (com sorte).

Ao fim, certamente não seria preferível que o Sol desaparecesse, mas, se o fizesse, pelo menos nossos dias não seriam ceifados imediatamente. Talvez um dia ou dois após o fim da nossa estrela.

Leia também20 pequenas estrelas que cresceram e ficaram muito quentes

Compartilhe o post com seus amigos!

Fonte: Space Answers

Continua após a publicidade
Próxima página »

Escolhidas para você