Curiosidades

Orelha queimando, por que isso acontece? Superstição e os motivos reais

Orelha queimando, vermelha e quente acontece devido a uma dilatação dos vasos sanguíneos da área, fazendo com que mais sangue passe.

Por Marcella Alves de Freitas

Essa superstição já se tornou quase uma regra brasileira: sentiu a orelha queimando é porque tem alguém falando mal de você. Mas será que a orelha vermelha significa isso mesmo?

Aliás, essa teoria de que tem alguém falando de você ainda muda dependendo da orelha. Ou seja, se é a esquerda que está vermelha, estão falando mal.

Por outro lado, se é a direita que está queimando, é porque estão falando bem. Por fim, ainda tem gente que diz que para parar de sentir a orelha queimando, é só morder a alça da blusa no lado que está quente.

Mas deixando de lado toda a superstição que envolve orelhas vermelhas e quentes, existe uma explicação científica para que isso aconteça. Olha só.

Por que a gente sente a orelha queimando

Orelha vermelha
Fonte: Youtube

Cientificamente a orelha fica vermelha e quente devido a uma dilatação dos vasos sanguíneos da área. Isso faz com que mais sangue passe por eles e como o sangue é quente e vermelho, adivinha o que acontece? Isso mesmo, suas orelhas ficam com essas características também.

Esse evento ocorre porque a região da orelha tem a pele mais fina que no resto do corpo. Em resumo, nada a ver com gente falando de você, tá?! Aliás, a vasodilatação pode ocorrer em qualquer um dos lados. Então para a ciência, se estiverem falando de você não é assim que você vai descobrir.

Além disso, a vasodilatação pode ocorrer por diferentes motivos nas pessoas. Isso porque esse processo está ligado diretamente ao nosso sistema nervoso. Portanto, é em momentos de ansiedade, estresse e pressão que a vasodilatação acaba ganhando força. Contudo, não é só isso que faz a orelha ficar queimando.

SOV – Síndrome da Orelha Vermelha

Por que sentimos a orelha queimando? Superstição e os motivos reais
Fonte: Umcomo

Pode parecer mentira, mas a Síndrome da Orelha Vermelha é real e foi registrada pela primeira vez em 1994, pelo neurologista J.W. Lance. Essa síndrome faz com que as duas orelhas da pessoa fiquem vermelhas e quentes, além de ser acompanhada, em alguns casos, por uma enxaqueca.

Enfim, pesquisadores do Canadá se aprofundaram ainda mais na pesquisa de Lance e acabaram descobrindo que a Síndrome da Orelha Vermelha é na verdade uma condição bem rara. Ela se caracteriza pela sensação de queimação no lóbulo da orelha, além da vermelhidão em toda a região. E o pior, pode chegar a durar horas.

A causa é a deficiência de ALDH2 (uma enzima) no organismo. A SOV pode acontecer de duas diferentes formas. A primeira é espontaneamente e a segunda é um resultado de vários estímulos recebidos. No segundo caso as variações são diversas. Como por exemplo, um esforço feito em excesso, a mudança de temperatura e até mesmo o toque.

Tratamento

Orelha vermelha
Fonte: Mdemulher

Caso seja necessário um tratamento para a síndrome, deve-se utilizar um betabloqueador. Este é uma droga destinada a pessoas com pressão arterial elevada ou com problemas cardíacos. Contudo, outros tratamentos mais simples podem ser o suficiente como:

  • Repouso
  • Uso de compressa fria
  • Restrição alcoólica
  • Dieta saudável

Outros motivos para sentir a orelha queimando

Fonte: Dietbox

Além da superstição, além da vasodilatação e além da Síndrome da Orelha Vermelha, outros problemas também pode te deixar com a sensação de que a sua orelha está queimando. Olha só:

  • Queimadura do sol
  • Pancada na região
  • Alergias
  • Dermatite seborréica
  • Infecções bacterianas
  • Febre
  • Enxaqueca
  • Micose
  • Erpes-zóster
  • Candidíase
  • Consumo de álcool em excesso
  • Estresse e ansiedade

Enfim, cada um acredita no que quiser acreditar, né?! Mas se sua orelha queimando for algo comum, talvez seja melhor procurar um médico ao invés de morder a camiseta.

Em seguida leia: Espelho quebrado – Origem da superstição e o que fazer com os cacos

Imagens: 1news, Umcomo, Youtube, Mdemulher e Dietbox

Fontes: Hipercultura, Awebic e Segredosdomundo

Próxima página »

Escolhidas para você