Por que sentir fome dá mau humor? A ciência explica

Quem nunca ficou com um tremendo bico por estar morrendo de fome não sabe o que é adrenalina na vida. Isso porque se trata de uma irritação repentina, sem motivos aparentes, que vem logo depois de sentir aquele “oco” no estômago, mesmo que você esteja de bem com a vida. E são em momentos assim que a gente não tem dúvidas: fome dá mal humor.

Se antes essa parecia uma conversa totalmente descabida, a Ciência tratou de estudar e de validar. Segundo estudos, não é rabugice: sentir fome dá mau humor em qualquer um, dependendo da intensidade da fome e de quanto tempo a pessoa está sem comer.

Você, com certeza, já sentiu isso, não é mesmo? Agora, o que você provavelmente não tem ideia é da razão de sua fome e irritação andarem juntas, certo? A resposta, conforme os cientistas, envolve dois fatores diferentes, mas complementares: instinto e necessidades orgânicas.

3

Por que fome dá mau humor?

A primeira parte da explicação, como comentamos, diz respeito a uma reação natural, primitiva e involuntária de nossa espécie, já que também somos animais. Isso porque, nos primórdios de nossa evolução, caso sentíssemos fome e não lutássemos para comer ou se deixássemos outros comerem em nossa frente, nós nem sobreviveríamos. Então, esse é um dos motivos pelos quais fome dá mau humor.

1

A segunda explicação vem de uma parte mais prática de nós. Isso porque, usamos os nutrientes dos alimentos para gerar energia para nossos órgãos e tecidos. Mas, chega um momento em que a quantidade de nutrientes circulando pelo sangue vai diminuindo e, a fome, aparecendo.

É nesse momento que entra em cena uma parte bastante decisiva desse processo: nosso cérebro. Ele precisa mais de alimento que os demais órgãos de nosso corpo e depende da glicose que disponibilizamos para continuar funcionando.

4

Assim, quando esse “alimento” vai ficando escasso, o cérebro entende isso como uma ameaça e acende um alerta. Esse, obviamente, é um dos grandes motivos pelos quais fome dá mau humor e, pior, destrói, completamente, nossa capacidade de concentração e de comunicação.

A fome e o estresse

Tudo isso já seria suficiente para justificar nosso estresse na hora da fome, mas ainda tem mais. Quando a glicose vai ficando pouca também para os outros órgãos, eles começam a liberar hormônios que ajudam a controlar a glicose no organismo. Só que dois desses hormônios, a adrenalina e o cortisol, são também o que liberamos em momentos de tensão e medo, como durante uma briga, por exemplo.

2

Agora sim, deu para entender porque sentir fome dá mau humor, né? Agora imagina isso tudo quando você resolve fazer uma dieta? Aí sim é pauleira!

E, por falar em sentir fome e todo esse processo, veja o caminho que a comida faz dentro de você, durante a digestão.

Fontes: IFL Science, Revista Galileu