Curiosidades

Quadrilha: o que é e de onde vem a dança da festa junina?

A quadrilha junina faz parte da cultura brasileira, popular em várias regiões do país, tanto no interior quanto nas grandes cidades.

A quadrilha é uma dança típica cujas apresentações ocorrem, sobretudo, no mês de junho, quando, no Brasil, comemoramos as festas juninas. Sem dúvida, o nordeste é a região brasileira que mais se destaca quanto às celebrações de São João, São Pedro e Santo Antônio com festas enormes e riquíssimas.

Embora a origem da quadrilha remonte à Europa, com destaque à cultura francesa de meados do século XVIII, o Brasil incorporou muito bem esse elemento, mesclando a aspectos locais, como a caracterização sertaneja e caipira que são imprescindíveis a uma quadrilha que se preze.

Quer entender melhor a história da quadrilha? Então, continue lendo nosso texto!

O que é a quadrilha?

Conforme mencionado, a quadrilha é uma dança que ocorre principalmente nas festas juninas no Brasil e que apresenta uma temática caipira e conta com casais vestidos a caráter. Como não poderia ser diferente, a música que anima as coreografias também apresentam elementos do sertão brasileiro, com instrumentos como sanfona, viola, entre outros.

Continua após a publicidade

Para colocar ordem na dança, o marcador é responsável por dirigir e conduzir os casais por meio de brincadeiras e de algumas frases muito conhecidas aos adeptos dessas festanças.

Qual é a origem da quadrilha?

Acredita-se que a quadrilha teve origem, em meados do século XIII, na Inglaterra. No entanto, é mais conhecida como uma invenção francesa, visto que a nação, no século XVIII, incorporou e adaptou a dança muito bem à sua cultura, inclusive, estando bastante presente nas danças de salão do período. O nome ‘quadrilha’ é derivado do francês ‘quadrille’, já que, lá no país do velho mundo, as danças contavam com quatro casais.

É importante ressaltar que, diferentemente do que vemos hoje, no Brasil, a origem da quadrilha é nobre/aristocrática, fazendo parte dos bailes das cortes europeias. E foi assim, aliás, que chegou até Portugal, por meio dessa disseminação nobre que estava ocorrendo na Europa.

Como e quando chegou ao Brasil?

Essa dança desembarcou no Brasil, por volta de 1820, primeiramente, acessível à corte carioca, se popularizando nas classes mais altas. Apenas no fim do século XIX que a quadrilha se espalhou de forma generalizada. Inclusive, foi, a partir dessa maior propagação, que a quadrilha foi agregando os elementos regionais e típicos do meio rural, além do teor mais lúdico e divertido.

Continua após a publicidade

Quais são as características da quadrilha atualmente?

Hoje em dia, a quadrilha é o principal evento das festas juninas, que celebram São Pedro, São João e Santo Antônio, no mês de junho. Por isso, assim como as festas em si, a quadrilha está muito associada à cultura rural que costuma estar presente nos enfeites, nas roupas e nas maquiagens dos participantes.

Essa quadrilha mais popular costuma ser improvisada, com a dança e, ao mesmo tempo, com a encenação, de um casamento, em que o noivo é obrigado a casar, após ter engravidado a noiva.

Personagens

  • Marcador ou narrador;
  • noivos;
  • padre;
  • delegado;
  • padrinhos;
  • convidados;
  • sogros.

Alguns comandos do narrador

  • Casamento dos noivos;
  • cumprimentos às damas;
  • cumprimentos aos cavalheiros;
  • balancê – movimento do corpo coordenado com o ritmo da música;
  • caminho da roça;
  • túnel;
  • ‘olha a chuva: é mentira’;
  • ‘olha a cobra: é mentira’;
  • caracol;
  • coroação das damas e dos cavalheiros;
  • despedida.

Leia também: 

Continua após a publicidade
Próxima página »

Escolhidas para você