Curiosidades

Tradições de Natal – Principais tradições no Brasil e no mundo

As tradições de Natal são passadas de geração para geração, passando adiante o significado e o valor dessa comemoração especial em família.

Final de ano é uma época de reuniões e confraternizações, como no dia 25 de Dezembro, que é celebrado as festas de Natal. Que é um feriado de origem cristã, onde famílias se reúnem para comemorar e celebrar o nascimento de Jesus Cristo. E nessa celebração, várias tradições de Natal não podem faltar. Por exemplo, montar a árvore de Natal, a Ceia com a família, montar presépios, troca de presentes e o papai Noel.

Por ser um país predominantemente cristão, no Brasil é comemorado o Natal, ou seja, o nascimento de Jesus, praticamente em quase todos os lares brasileiros. Sendo que entre as tradições natalinas, a Ceia de Natal é feita no dia 24 de Dezembro, com pratos típicos, a família reunida, brincadeiras e trocas de presentes.

Em suma, o Natal é uma época com tradições que envolvem encanto e magia, que contagiam tanto crianças, quanto adultos.

No entanto, cada país possui suas próprias tradições de Natal, com pratos diferentes na Ceia, nomes diferentes para o papai Noel e até mesmo com datas diferentes para a celebração. Por exemplo, na Rússia, o Natal é comemorado pela igreja Ortodoxa, no dia 6 de Janeiro.

Continua após a publicidade

No entanto, as confraternizações realizadas durante essa época, eram comemoradas muito antes das festas de Natal, cuja origem foi na Europa, quando festejavam o fim da estação.

Hoje, mantendo o mesmo significado e espírito natalino, as pessoas seguem as tradições de Natal, que vêm sendo passadas de geração para geração.

As principais tradições de Natal no Brasil

1- Árvore de Natal

Imagem: Revista Cláudia

A tradição de decorar árvores surgiu entre o segundo e terceiro milênio antes de Cristo. Quando povos indo-europeus tinham grande devoção às árvores, por elas expressarem energia e fertilidade da Mãe Natureza.

No entanto, a árvore de Natal como a conhecemos hoje, surgiu na Alemanha, no Natal de 1846. Basicamente, quando o príncipe alemão, Alberto, marido da rainha britânica Vitória, montou uma árvore de Natal no palácio britânico. Depois disso, o costume foi aderido por toda a Inglaterra, e posteriormente, pelo restante do mundo.

Continua após a publicidade

Outra teoria, diz que a tradição de montar a árvore com vários enfeites de Natal começou por volta do ano de 1530. De acordo com a lenda, Martinho Lutero andando por uma floresta com muitos pinheiros, olhou para o céu e viu diversas estrelas.

Então, ele resolveu levar para casa um pinheiro e colocar uma estrela no seu topo, para simbolizar a estrela que guiou os três magos até Jesus. Da mesma forma como é narrado na Bíblia, sobre o nascimento de Jesus.

2- Ceia de Natal

Imagem: Veja

Uma das origens da ceia de Natal seria da época da antiguidade. Quando no mês de Dezembro (inverno na Europa), os europeus costumavam deixar as portas de suas casas abertas para que viajantes pudessem se hospedar.

Então, a família e os viajantes ceavam juntos e na manhã seguinte os viajantes partiam. Assim, esse costume acabou tornando-se a Ceia de Natal. Hoje, para a ceia, a família se reúne com amigos para um jantar, onde se celebra o Natal.

Continua após a publicidade

Mas, acredita-se que a tradição da ceia venha de muito antes do nascimento de Jesus. Ou seja, seria uma tradição de origem pagã, onde os banquetes eram preparados para comemorar o solstício de inverno. Durante o banquete, os cidadãos se juntavam para participar da ceia e ainda trocavam presentes entre os familiares.

No Brasil, essa tradição natalina é acompanhada de pratos tradicionais como o peru, cuja origem é dos nativos norte-americanos, que acreditavam simbolizar fartura. Também faz parte da ceia, frutas tropicais, pernil e lentilhas, sendo que, esses dois últimos simbolizam sorte para o novo ano. E também, o clássico panetone, que não pode faltar na ceia de Natal.

3- Papai Noel

Imagem: Veja

O bom velhinho também faz parte das tradições de Natal, sua história é baseada na vida de São Nicolau, um bispo de Mira que viveu por volta de 300 d.C.

São Nicolau era bastante popular na época, por sua bondade e caridade. Pois distribuía presentes para as crianças carentes e órfãs. E para as famílias em situação de pobreza, deixava um saco com moedas nas chaminés de suas casas.

Continua após a publicidade

Por isso, surgiu à lenda do papai Noel, um velhinho bondoso que na noite de véspera de Natal, desce pela chaminé com um enorme saco de presentes.

4- Presépio

Imagem: Decor fácil

A tradição de Natal de montar presépios foi criada por São Francisco de Assis. Pois, foi dele a ideia de recriar o nascimento de Jesus com atores e animais de verdade.

Com todo o cenário montado, foi celebrada a missa de Natal. Então, os fiéis ficaram tão encantados, que nos anos seguintes as famílias começaram a fazer o seu próprio presépio em suas casas.

5- A Estrela de Belém

Imagem: UOL

A tradição de Natal de colocar uma estrela no topo da árvore de Natal representa a Estrela de Belém. Pois, foi ela quem guiou os três Reis Magos até onde Jesus nascia. De acordo com a tradição, a estrela deve possuir quatro pontas, representando os pontos cardeais e uma cauda luminosa, assim como a estrela cadente.

Continua após a publicidade

6- Coroa de Natal ou Guirlanda

Imagem: Casa & Festa

Outra tradição de Natal é a guirlanda colocada nas portas das casas. Sendo que foi criada pelos romanos antigos, que as colocavam na porta de sua casa representando saúde para todos os moradores. Era feita de galhos verdes, entrelaçados com cipreste.

Hoje, a coroa de Natal é enfeitada com quatro velas, onde cada uma significa um domingo de advento. Então, a cada domingo que passa, uma das velas é acesa.

7- Os Três Reis Magos

Imagem: Youtube

Desde a Idade Média, os três Reis Magos são devotados por sua representação mencionada no Evangelho de São Mateus. Pois a Bíblia relata que quando Jesus nasceu, cada um dos Reis Magos levaram presentes.

O primeiro, Belchior, trouxe ouro (presente que era dado aos reis). Já o segundo, Gaspar, trouxe incenso (presente dado aos sacerdotes). Por último, Baltazar, trouxe mirra (presente dado aos profetas).

Continua após a publicidade

Em suma, com os presentes, os três Reis Magos reconheciam a realeza, divindade e imortalidade de Jesus.

8- O Azevinho

Imagem: Plantas e Flor

O azevinho é um arbusto com pequenas frutinhas vermelhas, cujas folhas são firmes e seus ramos verdes cobertos por espinhos e faz parte das tradições de Natal devido ao seu significado. De acordo com os povos antigos, o azevinho tem o poder de afastar espíritos malignos, além de representar o amor e a esperança. Por isso, hoje, o azevinho é colocado nas portas das casas, como forma de proteção.

9- Poinsétia ou Flor de Natal

Imagem: Pinterest

A poinsétia é uma flor das regiões do hemisfério norte, que se desabrocha no solstício de inverno, entre Novembro e Dezembro, cuja origem é no México. No entanto, sua relação com as tradições de Natal se dá devido a uma lenda mexicana.

De acordo com a lenda uma menina estava indo para a missa de Natal, porém, ela estava triste por não ter presente algum para oferecer a Jesus. Então, a menina resolveu pegar ramos secos de plantas no caminho, mas, quando chegou à igreja, chorou por ver o quanto seu presente era pobre.

Continua após a publicidade

Contudo, quando as lágrimas da menina caíram sobre os ramos secos, eles se transformaram em lindas flores vermelhas e brilhantes.

10- Cartão Postal de Natal

Imagem: Inspirando garotas

Por fim, temos mais uma das tradições de Natal, o costume de enviar cartões com mensagens natalinas para amigos e familiares. No entanto, essa tradição começou com Sir Henry Cole, um inglês muito rico que na época de Natal escrevia inúmeras cartas para aqueles de quem gostava.

Mas, como havia pouco tempo para escrever, Sir Henry Cole teve a ideia de criar um cartão postal com mensagem natalina. E para ilustrar o cartão, colocou uma família na ceia de Natal.

As tradições de Natal no restante do mundo

Tradições de Natal na Suécia

Imagem: Pinterest

Uma tradição de Natal da Suécia começa com a comemoração do dia da padroeira da Luz, Santa Luscia, no dia 13de Dezembro. De acordo com a tradição, nesse dia, a filha mais velha deve acordar antes de todos da casa, se vestir como a Filha da Luz (vestido branco e uma coroa de folhas).

Continua após a publicidade

Então, com a ajuda dos filhos mais novos, ela deve ir de quarto em quarto e servir o café da manhã para os membros da família. Por fim, a família se reúne e juntos escolhem uma árvore que será decorada na véspera de Natal.

Tradições de Natal no México

Imagens: Mil e uma viagens

Nos dias próximos ao Natal, os mexicanos vão às feiras chamadas de Puestos, onde compram presentes e coisas gostosas para a ceia de Natal. Depois, decoram as casas com flores e as ruas e janelas com lanternas de papel, que servem para iluminar toda a comunidade com o espírito natalino.

Tradições de Natal na Itália

Imagem: Itália para brasileiros

As festas natalinas na Itália são repletas de animação, com muitos fogos, fogueira e músicas de Natal. De acordo com os costumes italianos, as famílias vão até às lojas, compram presentes e bonequinhos para montar os presépios.

Então, as famílias compram árvores de Natal e decoram, mas o mais importante na tradição, é que toda a família participe de todos os dias da novena, juntos.

Continua após a publicidade

Tradições de Natal na Inglaterra

Imagem: Priscila Piardi

Na Inglaterra, faz parte da tradição, na véspera de Natal, as famílias embrulharem os presentes de Natal. Depois, juntos, assam biscoitos e penduram meias sob as lareiras, antes de dormir, faz parte da tradição, contar histórias de Natal.

Quanto às crianças, elas escrevem cartas para o papai Noel, com seus pedidos e depois jogam na lareira, pois dessa forma, seus pedidos chegarão ao céu.

Tradições de Natal na Espanha

Imagem: Nós no mundo

Na época de Natal na Espanha, faz parte das tradições decorar as Igrejas e as ruas.  Onde são vendidos tamborins, castanholas e mini guitarras, para acompanhar as músicas natalinas. Então, as crianças vão de casa em casa cantando músicas de Natal, em troca de doces ou brinquedos.

Tradições de Natal na França

Imagem: Gazeta do Povo

Na França, o dia de Natal é comemorado com badaladas de sinos e muita música cantada pelos corais. As famílias vão para a missa de Natal, quando a cerimônia termina, todos participam da ceia. Por último, saboreiam uma sobremesa típica, um rocambole doce e cremoso, cujo formato é um galho de árvore.

Continua após a publicidade

Tradições de Natal na Austrália

Imagem: Flora na web

Na Austrália, por ser verão no Natal, eles aproveitam o calor para comemorar do lado de fora de casa. Sendo que o principal evento de final de ano são os Carols at Candlelight, onde as pessoas cantam músicas de Natal à luz de velas, sob as estrelas nos seus próprios quintais.

Tradições de Natal na Alemanha

Imagem: Brasileiros mundo afora

Faz parte da tradição natalina na Alemanha, começar os preparativos quatro semanas antes do Natal. Então, os alemães fazem um altar com quatro velas coloridas que são decoradas com pinheiros. Assim, a cada domingo que passa, eles acendem uma das velas, cantam músicas natalinas e comem biscoitos ou o lebkuchen. Que é uma espécie de pão picante, típico da Alemanha.

Em suma, as tradições de Natal são muito importantes. Pois é uma forma de passar para a geração seguinte os costumes, o valor, a simbologia, a história e o real significado do que é o Natal. E assim, manter vivas as tradições natalinas.

Então, se você gostou dessa matéria, também vai gostar dessa: Presentes de Natal- 30 ideias para todas as idades, gostos e bolsos.

Continua após a publicidade

Fontes: Meliuz, Caia no mundo

Imagens: Vortex, Revista Cláudia, Veja, Decor fácil, UOL, Casa & Festa, Youtube, Plantas e flor, Pinterest, Inspirando garotas, Mil e uma viagens, Itália para brasileiros, Priscila Piardi, Nós no mundo, Gazeta do povo, Flora Web, Brasileiros mundo a fora

Próxima página »

Escolhidas para você