Whey Protein engorda? Saiba para que serve cada tipo e como tomá-los

Whey protein nunca esteve tão em alta. É comum ver as pessoas que malham, especialmente os modelos fitness, consumindo o suplemento em forma de shake, em receitas doces ou da forma tradicional, na shakeira, após o treino.

Mas, a dúvida que continua no ar, especialmente por quem é leigo no mundo da malhação é: será que whey protein engorda?

De acordo com especialistas, se consumido da forma correta, whey protein não faz diferença na balança e até ajuda a queimar gordura e traz inúmeros benefícios à saúde. No entanto, esse é um alimento calórico, que pode engordar tanto quanto uma bela porção de carboidrato.

Só para que você tenha ideia, um scoop de whey protein (que é a medida padrão da colherzinha que vem com o produto) tem entre 120 kcal e 200 kcal. De forma geral, isso representa mais de 10% do recomendado para uma dieta restritiva, em torna de 1.200 kcal, por exemplo.

Por isso, para não engordar, quem consome a proteína deve se preocupar com a dieta. O ideal, conforme nutricionistas, é substituir algum alimento pelo whey protein. Uma boa opção é consumi-lo depois da academia, com água ou leite desnatado; ao invés de tomar um iogurte natural com frutas e chia.

Como tomar whey protein?

A primeira coisa que você precisa saber sobre o whey protein é que quase todo mundo pode consumi-lo, mesmo quem não malha. A suplementação de proteína, inclusive, é excelente para mulheres depois dos 30 anos, quando é normal começar a perder massa muscular.

A restrição, na verdade, é com relação às pessoas com doenças renais, já que essa dose extra de proteína no organismo pode acabar sobrecarregando os rins.

Aliás, quem suplementa, seja para ganhar massa muscular ou para perder gordura, precisa consumir muita água ao longo do dia. Isso vai ajudar a evitar a retenção de líquido e a ajudar os rins a trabalhar sem que sinta o impacto da proteína.

Pós-treino

Por se tratar de um macronutriente construtor, que auxilia na recuperação muscular, o mais recomendado é que a proteína seja consumida depois da atividade física.

O whey protein, como já mencionamos, pode substituir um lanche intermediário, já que ajuda na saciedade. No entanto, o produto não é recomendado como pré-treino.

No caso de pessoas que querem emagrecer, o whey protein pode ser tomado no água. Agora, se o objetivo é apenas ganhar massa muscular, é possível acrescentar ao preparo suco de frutas ou água misturada a um carboidrato simples, como maltodexrina.

Mas, claro, antes de sair tomando whey protein, você deve procurar a ajudar de um profissional. Um nutricionista, por exemplo, pode indicar o melhor produto para suas necessidades e as quantidades ideais para você.

Como escolher o whey protein?

Hoje em dia existe grande variedade de whey protein e, por isso, é importante ficar atento na hora de escolher um produto. O mercado nacional já conta com várias boas opções de proteínas, com um preço mais acessível; mas as importadas, embora não sejam fiscalizadas pela ANVISA, ainda ganham na preferência do público pelo sabor.

Mas, não é só a marca que conta na hora da escolha do seu suplemente. O tipo de whey protein e o que ele pode oferecer ao seu organismo é o primordial na hora de escolher o produto ideal para suas necessidades nutricionais.

Abaixo, por exemplo, você aprende a diferenciar cada um dos tipos de whey protein:

– Proteína concentrada

Essa costuma ser a opção mais barata do mercado e conta com mais carboidratos e gorduras em sua composição. Por estar concentrada, a proteína leva mais tempo para ser absorvida pelo organismo e tem digestibilidade menor.

– Proteína isolada

Esse tipo de whey conta com cerca de 90% de proteína e é livre de gordura e de carboidratos. Essa é a melhor opção para quem tem como objetivo apenas o ganho de massa muscular.

– Proteína hidrolisada

Segundo nutricionistas, esse é o melhor tipo de whey protein. Ele conta com uma ótima digestibilidade, uma vez que a proteína está quebrada em cadeias menores, e é absorvida pelo organismo mais facilmente.

– Proteína feminina com colágeno

Esse tipo de suplemento é desenvolvido especialmente para mulheres, por conter doses de elastina e de colágeno. No entanto, as diferença dessa versão para as tradicionais são poucas.

E então, tiramos suas dúvidas sobre o consumo de whey protein? Você faz uso desse produto? Não deixe de nos contar!

Agora, falando no mundo fitness, não deixe de conferir ainda: 3 modismos fitness que você deve evitar na academia.

Fonte: Vix