6 senhas de bloqueio para você NUNCA usar no Android

Você é daqueles que guarda seu celular com a própria vida, se for preciso, para evitar que ele caia nas mãos da pessoa errada (ou de qualquer outra pessoa além de você)? Se a resposta para essa pergunta for um sim, nós vamos logo dando um choque de realidade em você: não adianta nada tanto cuidado com uma senha de bloqueio fraca como a sua.

O quê? Está aí pensando como nós sabemos sua senha de bloqueio? Bom, claro que ninguém aqui do Segredos do Mundo anda espionando você, caro leitor, mas se você tem um Android e se você adota aqueles desejos engenhosos, conhecidos como senhas de bloqueio ou padrão de bloqueio, fique sabendo que existe uma grande chance de você sofrer de falta de imaginação, como a maioria das pessoas no mundo, e ter algumas dessas senhas que vamos mostrar abaixo.

Como você vai ver, as senhas de bloqueio mais usadas pelos usuários de Android seguem o incrivelmente pouco criativo e inseguro padrão CONSML. Esse, pelo menos, foi o resultado de uma pesquisa realizada pela Universidade de Ciências e Tecnologia da Noruega.

1

A “maldição” dos cantos

Conforme o estudo, as senhas de bloqueio mais comuns em todo o mundo seguem os desenhos que você acabou de ver. Isso porque o ser humano, de acordo com os pesquisadores, tende a ser previsíveis na hora de criar padrões, como esses dispositivos de segurança.

Para chegar a essas senhas de bloqueio impressionantemente comuns e que jamais devem ser usadas, o estudo analisou 4 mil combinações de usuários de Androids. A descoberta foi que, 44% das senhas de bloqueio começam como um círculo, desenhado pelo canto superior esquerdo dos visores. Além disso, foi possível notar também que 77% das pessoas começam suas senhas de bloqueio por um dos 4 cantos da tela do celular.

3

Além dos 4 dígitos

De acordo com a responsável pelo estudo, Marte Loge, os voluntários do estudo foram convidados a criar 3 senhas de bloqueio diferentes, sendo uma para um aplicativo de compras, uma para o aplicativo bancário e outra para o próprio desbloqueio do celular. De forma geral, embora os participantes pudessem usar até 9 dígitos para cada uma das senhas, a maioria deles não criou nada com mais de 4 dígitos.

Conforme a pesquisadora, isso resultou em 1624 possibilidades de combinações. Por outro lado, se os voluntários tivesse escolhido os 9 dígitos para criar suas senhas de bloqueio, isso resultaria em até 140 mil padrões possíveis. Tenso, não?

Senhas de bloqueio desejáveis

Mas, calma, se você usa alguma dessas senhas de bloqueio manjadas, o estudo também orientou sobre como mudar isso. Conforme Loge, o ideal é optar por sequências mais longas, que fujam de desenhos clássicos e fáceis de lembrar, como letras e círculos. Abaixo estão algumas combinações desejáveis para as senhas de bloqueio de Androids:

2

Se você também foi pego “no pulo”, com essa matéria, você PRECISA descobrir também: Como encontrar o celular roubado ou perdido?

Fonte: Estadão