História

Agar – História e representações da personagem bíblica

O antigo testamento da Bíblia relata no livro de Gênesis a história de Agar, a escrava egípcia que teve um filho de Abraão, chamado Ismael.

Por Adelina Lima

-

Segundo a Bíblia, Agar foi uma mulher egípcia e serva de Sara, esposa de Abraão. De acordo com a história registrada no livro de Gênesis, Sara não podia ter filhos e por este motivo ela ofereceu Agar a Abraão, de 85 anos, como concubina, para que ela pudesse gerar a criança. Todavia, em vez de se submeter a vontade de Sara, quando ficou grávida Agar fugiu para o deserto.

Entretanto, um anjo a encontrou e disse-lhe para voltar para Sara, profetizando que Agar teria um filho a quem ela chamaria de Ismael e que seus descendentes seriam incontáveis. Com efeito, Agar voltou e, no devido tempo, deu à luz Ismael. Quatorze anos depois, quando Abraão tinha 100 anos, Sara deu à luz um filho, que se chamava Isaque.

A expulsão de Agar e Ismael

Fonte: Pinterest

Conforme o antigo testamento, um dia, Sara viu Ismael zombando de Isaque e exigiu que Abraão mandasse a escrava e seu filho embora e então declarasse Isaque como seu único herdeiro. Contudo, Abraão amava Ismael e não queria ceder à exigência de Sara, mas Deus disse a ele para fazer o que ela pediu e assegurou-lhe que seus descendentes por meio de Ismael também se tornariam uma grande nação.

Como resultado, Abraão se levantou de manhã cedo, deu a Agar pão e água e mandou-a embora com o menino. Assim, ela e Ismael vagaram pelo deserto de Berseba. Após tomarem toda a água da garrafa, Agar, não querendo que seu filho morresse de sede, colocou-o sob um arbusto. Então ela se afastou um pouco e lamentou pela situação em que se encontrava.

Fonte: Pinterest

O livro de Gênesis afirma que Deus ouviu seus gritos e enviou um anjo que disse a ela para não temer e acrescentou que seu filho cresceria para ser o ancestral de uma grande nação. Por conseguinte, Agar viu um poço próximo, encheu a garrafa de água e matou a sede do menino.

Ao contrário de Isaque, Ismael cresceu no deserto, tornou-se um arqueiro habilidoso e se casou com uma mulher egípcia que Agar escolheu para ele.

Representações da figura bíblica

Agar: história e representações da personagem bíblica
Fonte: Pinterest

Por fim, para além do livro de Gênesis, alguns estudiosos identificam Agar com Quetura, a mulher com quem Abraão se casou após a morte de Sara e com quem teve seis filhos: Zinran, Jokshan, Medan, Midian, Ishbak e Shuah. Ademais, o Alcorão, bem como alguns judeus, acreditam que Agar foi uma princesa.

Por outro lado, Agar é frequentemente admirada como o símbolo das mulheres submissas que perseveram e lutam contra a opressão.

Se gostou deste conteúdo, leia também: Ankh – Origem e significado da cruz egípcia ao longo dos anos

Fontes: Estilo Adoração, Jesus nos Ensina

Fotos: Pinterest

Próxima página »

Escolhidas para você