Notícias

Brasileiro disputa a Badwater 2022, a corrida mais difícil do mundo!

A ultramaratona Badwater tem a fama de ser a 'corrida a pé mais difícil do mundo'. Mas, o que a torna tão difícil?

Já imaginou uma corrida de longa distância, com subidas verticais íngremes e tudo isso em meio a uma temperatura escaldante? É exatamente isso que o atleta brasileiro, Alexandre Castello Branco, irá enfrentar na Badwater 2022, a corrida mais difícil do mundo!

A corrida Badwater tem essa fama por vários fatores. Primeiro, ela se estende pela paisagem árida do Vale da Morte, que tem cerca de 217 km. Além disso, a temperatura local é um verdadeiro “forno” atingindo mais de 51 ° C.

Sem falar que uma pessoa fica exposta a essa temperatura por cerca de 40 horas, o que deve afetar o desempenho físico nessas condições.

A pista é predominantemente alcatroada e as placas de advertência contra caminhadas em algumas áreas não são exceção em certas partes da pista. A estrada, assim, literalmente adere às solas dos corredores.

Vamos saber tudo sobre o desafio de correr na Badwater neste artigo!

Por que Alexandre decidiu encarar a Badwater?

Alexandre disse que se interessou pela Badwater pelo fato da corrida ser um desafio extremo, em um lugar inóspito.

“Trata-se de uma das grandes ultramaratonas do mundo, com um processo seletivo muito restrito, feita apenas para convidados”, disse. “Adoro testar meus limites e achei que não havia melhor corrida para isso. Estou ansioso para esse desafio.”

Alexandre também explicou que no dia 30 de janeiro estava nos Jogos Olímpicos de Pequim, na China, quando foi informado que tinha sido selecionado para participar da Badwater.

Quando a ultramaratona teve início?

Iniciada em 1987, com cinco corredores, a corrida de etapa única apresenta um percurso de 217 km por um dos terrenos mais desolados da Califórnia. A corrida começa a 85m abaixo do nível do mar e tem uma subida acumulada de 4.450m através de três cadeias de montanhas.

Mesmo à meia-noite, a temperatura é de 40 graus Celsius. Etapa única essencialmente significa que a corrida deve ser concluída de uma só vez, dentro do período de corte de 48 horas.

Como participar da Badwater?

A entrada em Badwater é apenas por convite, e exige requisitos rigorosos de qualificação e detalhes abrangentes sobre o histórico de corridas e a vida pessoal de um corredor.

Em outras palavras, para participar desta prova, o competidor precisa passar por um processo seletivo muito restrito, com exigências no mínimo assustadoras.

Uma delas é que para ser aprovado diretamente é preciso ter sido campeão da Ultramaratona Brasil 135; prova duríssima de 217km, que acontece em janeiro na Serra da Mantiqueira.

Outros requisitos incluem:

  • Ter concluído a Badwater nos últimos quatro anos e ter completado uma prova de 80 km ou mais nos últimos 13 meses;
  • Ter concluído pelo menos três corridas de 160 quilômetros, e pelo menos uma delas deve ter sido feita nos últimos 13 meses;
  • Para quem mora na América Central e América do Sul, é preciso ainda ter concluído a Brazil 135 em menos de 48 horas nos últimos três anos e uma prova de 80 km ou mais no último ano.

Alexandre cumpriu todas elas.

Quando e como acontece a Badwater?

O evento anual geralmente ocorre em meados de julho, quando as condições meteorológicas são mais insuportáveis com temperaturas chegando a 54 °C. É por isso que muito poucas pessoas são capazes de terminar esta corrida exaustiva.

A caminhada entre Badwater e Mount Whitney foi concluída pela primeira vez em 1969 por Jim Burnworth e Stan Rodefer de San Diego. Com o início da maratona em 1978, perto de 100 corredores correm através da rota. Aliás, os vencedores muitas vezes terminam a corrida em menos de 24 horas.

Cada corredor é seguido por sua própria equipe de apoio em uma minivan com ar-condicionado, que acompanha seu progresso, parando a cada poucos quilômetros para fornecer jatos de água de garrafas de spray, eletrólitos, cubos de gelo, lanches e trocas extras de sapatos.

Os organizadores da corrida também fornecem equipe médica e são obrigados pelo parque a fornecer suas próprias ambulâncias. Isso é essencial porque o hospital de emergência real mais próximo fica a 200 km de distância em Las Vegas e os helicópteros não podem voar em calor superior a 47 °C.

Por fim, não há premiação em dinheiro para a corrida, mas quem terminar em menos de 48 horas recebe uma cobiçada fivela de cinto Badwater 135.

4 corridas mais difíceis do mundo

Além da Badwater, existem outras corridas igualmente desafiadoras, como:

1. Maratona das Areias

A Marathon des Sables ou Maratona das Areias é uma aventura de vários estágios verdadeiramente cansativa em um dos ambientes mais inóspitos do mundo, o deserto do Saara.

É indiscutivelmente a corrida mais difícil da Terra. Fisicamente, são seis dias de corrida ao longo de 250 km através de dunas de areia sem fim, jebels rochosos e planícies de sal incandescentes, carregando o que você precisa para sobreviver nas costas.

Mentalmente, é um desafio e uma experiência como nenhuma outra no mundo.

2. Tor des Glaciers

Tor des Glaciers é uma corrida de 450 km pelos Alpes italianos, começando e terminando em Courmayeur; onde os finalistas terão alcançado impressionantes 32.000m de subida vertical.

3. Maratona de Barkley

Desde sua inauguração em 1986, apenas 15 corredores terminaram a corrida de 160 km dentro do limite de tempo de 60 horas. Realizado nas colinas do Frozen Head State Park, no Tennessee, EUA, a ultramaratona é famosa por suas regras excêntricas.

Por exemplo, o evento começa quando o diretor da corrida acende um cigarro e os corredores devem coletar páginas de livros no percurso para mostrar que cobriram o distância.

Também é cercada por algum sigilo. Ou seja, a corrida geralmente acontece em abril, mas não há um site oficial; os participantes em potencial devem entrar em contato com participantes anteriores para obter detalhes e enviar um ensaio sobre por que eles devem competir.

Outra curiosidade é que ela teve inspiração no plano de fuga de um criminoso. Em 10 de junho de 1977, James Earl Ray, o assassino de Martin Luther King Jr., escapou da Penitenciária Estadual de Brushy Mountain, no Tennessee (Estados Unidos), onde ficavam os piores tipos de criminosos da época.

4. Corrida de 3.100 Milhas da Autotranscedência

A corrida mais longa de todas acontece no cenário de Queens, Nova York. Em suma, os competidores se esforçam para completar 5.649 voltas de um quarteirão, em uma calçada aberta a outros pedestres.

Ademais, eles devem fazer isso entre 6h e meia-noite, e devem terminar em 52 dias, portanto esta é a corrida mais longa do mundo.

Então, gostou de saber mais sobre a participação de Alexandre na corrida Badwater? Pois, leia também: O lugar mais quente da Terra alcança temperaturas próximas aos 70ºC

Próxima página »

Escolhidas para você