Curiosidades

Choquequirao: conheça a impressionante cidade Inca

Escondidas no topo de uma montanha estão as ruínas de Choquequirao, em Cusco, que mostram os vestígios ancestrais dos incas e sua cultura.

Choquequirao era um antigo centro urbano construído na época dos Incas. A mais de 3.000 metros acima do nível do mar, esta cidadela foi explorada pelo explorador Hiram Bingham antes de chegar a Machu Picchu em 1909.

Mesmo que tantos anos tenham se passado desde sua descoberta, Choquequirao continua sob novas escavações. Isto porque uma grande vegetação cobre parte da serra onde se situa, pelo que ainda existem áreas soterradas à espera de serem descobertas.

Saiba mais sobre a cidade irmã de Machu Picchu a seguir.

História de Choquequirao

Segundo pesquisas, Choquequirao era uma cidade real, dedicada ao uso da nobreza inca. Construída até duas gerações antes da chegada dos espanhóis ao território peruano, esta fortaleza inclui templos ao sol, uma residência real e outra para agricultores, canais de irrigação, reservatórios e fontes rituais.

Continua após a publicidade

Em suma, a cidadela de Choquequirao, em seu aspecto urbano, seguiu os mesmos padrões simbólicos de Machu Picchu. Ou seja, com locais de culto dedicados ao Sol, aos ancestrais, à terra, à água, às montanhas ou “apus” e outras divindades incas.

Significado do nome

O nome Choquequirao deriva da palavra Quechua “Chuqui K’iraw” que significa “Berço de Ouro”. Segundo historiadores, o complexo Choquequirao tornou-se um importante ponto de intercâmbio cultural e econômico entre os povos do litoral, das montanhas e da selva do alto Amazonas e um enclave financeiro ao conectar cidadelas como Machu Picchu e Písac, pelas linhas das trilhas incas.

Características de Choquequirao

Pela sua localização, esta cidade perdida na selva é considerada um importante centro religioso, comercial e cultural da região, onde viviam entre 8 e 10 mil pessoas.

Assim, possui edifícios, terraços, plataformas, praças cerimoniais, templos, armazéns e canais conectados por longas escadas. Além disso, tem uma importante rede de estradas, todas elas construídas com o cunho arquitetônico inca, realizado sem destruir o ambiente natural.

Continua após a publicidade

Importância da cidade para os Incas

Supõe-se que os incas acreditavam que este lugar era próximo dos deuses, já que está localizado no topo de uma montanha, a mais de 3.000 m de altitude. Para esse povo, as montanhas eram sagradas, por isso construíram suas cidades mais importantes no topo delas.

Desse modo, Choquequirao está organizado em nove zonas, construídas como aldeias em torno de uma grande praça onde convergem as rotas que levam a cada setor.

Descoberta de Choquequirao

Os incas construíram Choquequirao no início do século XVI, antes de se retirarem para a selva, para escapar dos conquistadores espanhóis. As ruínas da cidade estão a 169 quilômetros de Machu Picchu, entre os sopés do nevado Salcantay, no departamento de Cuzco, no sul do Peru.

Por fim, a cidade foi explorada pelo explorador Hiram Bingham antes de chegar a Machu Picchu em 1909. No entanto, os trabalhos de limpeza e escavação só começaram na década de 1960, recebendo um maior impulso a partir do ano de 1993. Atualmente, o local está aberto ao turismo.

Continua após a publicidade

Fontes: Ingresso Machu Picchu, Mega Curioso

Leia também:

Chichén Itzá: conheça essa cidade histórica maia

Maias, história, cultura e contribuições da civilização maia

Continua após a publicidade

Astecas: 25 curiosidades impressionantes que devemos saber

Mitologia asteca – Origem, história e principais deuses astecas.

Deuses da guerra, as maiores divindades da guerra da Mitologia

Ah Puch: conheça a lenda do deus da morte, na mitologia Maia

Continua após a publicidade
Próxima página »

Escolhidas para você