Listas

As cidades mais caras do mundo para se viver em 2022

A empresa global especialistas em custo de vida (ECA International) publicou sua lista anual das cidades mais caras do mundo para 2022.

A empresa de mobilidade global ECA International divulgou seu ranking anual das cidades mais caras do mundo para se viver em 2022.

Em suma, a ECA pesquisou o custo de bens de consumo e serviços e o valor da moeda local em mais de 490 cidades do mundo para fazer parte da lista, que foi liderada por Hong Kong pelo segundo ano consecutivo.

Este é o terceiro ano consecutivo em que Hong Kong lidera o índice da ECA, que leva em consideração coisas como o valor da moeda e o custo médio do transporte público, aluguel e produtos básicos domésticos.

Em quase todas as medidas de gastos, Hong Kong liderou o ranking. Aliás, para tudo, desde tomates e óleo de cozinha a gasolina e cafés para viagem, a cidade asiática provou ser mais cara do que Sydney, Londres e Nova York. A força contínua do dólar de Hong Kong também contribuiu para o preço expansivo da cidade.

Continua após a publicidade

Além de Hong Kong, tanto Nova York quanto Londres (dois dos lugares mais visitados do mundo) subiram no ranking para segundo e quarto lugares, respectivamente, com ambos tendo sofrido alta inflação no ano passado. Tóquio, por outro lado, caiu para o quinto lugar graças ao iene japonês enfraquecido.

Ainda assim, a Ásia é o continente mais caro para se viver, com cinco de suas cidades no top 10. Portanto, caso você esteja planejando morar no exterior, as seguintes cidades do mundo são as que vão dar prejuízo ao seu bolso.

20 cidades mais caras do mundo para se viver em 2022

  1. Hong Kong
  2. Nova York
  3. Geneva
  4. Londres
  5. Tóquio
  6. Tel Aviv
  7. Zurique
  8. Xangai
  9. Guangzhou
  10. Seul
  11. San Francisco
  12. Shenzhen
  13. Cingapura
  14. Pequim
  15. Jerusalém
  16. Bern
  17. Yokohama
  18. Copenhagen
  19. Oslo
  20. Taipei

Cidades mais caras para se viver no Brasil

Ainda conforme o ranking da Eca International, o Rio de Janeiro é a cidade 118º mais cara do mundo para se viver no Brasil.

Em seguida, levando em consideração as capitais brasileiras, São Paulo ocupa a 138º posição. Em comparação com o ano passado, Rio e São Paulo subiram 45 e 38 lugares, respectivamente.

Continua após a publicidade

Da América Latina, nenhuma cidade ocupa o ranking das capitais onde o custo de vida está entre os 100 mais caros do mundo.

Por fim, no ano passado, Santiago (119º), capital do Chile, ocupava a 98º posição, mas neste ano perdeu o posto e ficou atrás inclusive do Rio de Janeiro.

Confira a pesquisa completa da ECA International aqui!

Então, se gostou, não deixe de conhecer também os países mais felizes do mundo!

Continua após a publicidade

Fontes: Casa Vogue, Educa+ Brasil

Próxima página »

Escolhidas para você