Como sobreviver a um ataque cardíaco se você estiver sozinho

Mesmo que você seja jovem, você não está completamente livre do risco de um ataque cardíaco, especialmente se for uma pessoa sedentária, estressada e que escolhe mal o que come. Agora, se um ataque desses já é ruim, já pensou como seria se passasse pelo problema enquanto estivesse sozinho?

Apesar de parecer uma enrascada sem tamanho, a verdade é que é possível sobreviver a um ataque cardíaco mesmo se você não estiver acompanhado. Isso porque, se você estiver consciente, existem algumas dicas a serem seguidas que podem manter a situação sob controle até que os paramédicos cheguem.

Mas, claro, para que você consigo sobreviver a um ataque cardíaco, é preciso, antes de mais nada, reconhecer os sintomas típicos do problema. Nessa outra matéria, como você vai ver, é possível tomar conhecimento de alguns outros alertas típicos do problema, além da dor forte no peito, que se irradia para o ombro esquerdo, a mandíbula e a área da escápula.

Pode parecer impossível, mas manter a calma e tentar controlar sua respiração são grandes truques para sobreviver a um ataque cardíaco se estiver sozinho. Não tentar dirigir nessas condições, não tentar tossir, ingerir alimentos ou bebidas de qualquer tipo, e, claro, dormir são coisas que estão fora de questão.

Abaixo, como você vai ver, estão algumas outras dicas que podem ajudar você a passar por esse perrengue e sobreviver para contar história.

Como sobreviver a um ataque cardíaco se você estiver sozinho:

1. Chame uma ambulância

2. Fique sentado ou agachado

3. Tire a roupa que estiver muito apertada

4. Respire fundo para levar mais oxigênio para os pulmões

5. Mastigue um comprimido de aspirina

6. Coloque um comprimido de nitroglicerina debaixo da língua. Se a dor permanecer, tome outro comprimido depois de 15 minutos.

Abaixo, no vídeo postado na página do Incrível.club, no Facebook, você confere essas dicas de uma forma mais detalhada:

Essas dicas, segundo especialistas, vão fazer você aguentar firme até que a ajude chegue. Claro que tentar contatar algum conhecido também ajuda bastante, assim como tentar manter a calma.

Obviamente, essas são exigências que parecem surreais para quem está no meio de um ataque cardíaco, mas, se você segui-las à risca, podem ajudar você a sobreviver a esse susto.

E, falando em como salvar sua vida, essa outra matéria pode servir de alerta sobre sua saúde: 4 sinais que o infarto dá até 1 mês antes de acontecer.

Fontes: Incrível, eHow, Melhor com Saúde