Curiosidades

Cores de diamante, quais são? Origem, características e preços

As cores de diamante determinam a qualidade, raridade e valor de uma peça. Além disso, surgem de uma interação com a natureza.

Em primeiro lugar, as cores de diamante dizem respeito às tonalidades naturais e inerentes às pedras preciosas. Nesse sentido, parte de um fenômeno natural de interação do mineral com outras substâncias no solo. Porém, estima-se que quando menos cor ele tiver, mais raro ele será.

Portanto, a indústria e o mercado possuem um padrão de classificação de cor, sempre avaliando as cores de diamante ao lado de pedras mestras. Em outras palavras, mantêm-se pedras de referência e com uma iluminação específica durante a análise determina-se uma classificação. Ademais, a classificação parte das letras D (incolor) a Z (amarelo-claro).

Em resumo, a maioria dos diamante incolores na natureza tem uma tonalidade amarelo claro. Contudo, passa pro tratamentos que criam o aspecto polido e o corte mais popular. Comumente, a cor é a segunda característica mais importante na classificação das pedras, porque a tonalidade afeta diretamente a aparência da pedra.

Sendo assim, quando as cores de diamante não estão boas estima-se que a própria pedra preciosa seja de má qualidade. Além disso, outros aspectos como aparência leitosa, fluorescência forte ou excessiva tem impacto direto na aparência e valor da gema. Por fim, a cor de maior qualidade é a que se aproxima mais de um diamante incolor ou branco.

No entanto, se você encontrar um diamante, é fundamental levar para um especialista analisar a peça e avaliar sua qualidade. Por outro lado, pode-se fazer testes simples, como bajefar na pedra. Basicamente, a pedra preciosa real dissipa o vapor instantaneamente enquanto as falsificações tornam-se embaçadas.

Cores de diamante, quais são?

1) Diamante amarelo

Cores de diamante, quais são? Origem, características e preços
Fonte: Hipercultura

No geral são os mais comuns e formam-se quando traços de nitrogênio estão presentes na cadeia que forma o diamante. Sendo assim, estima-se que uma concentração de 0,10%de nitrogênio é suficiente para transformar um diamante incolor em um amarelo. Ademais, pode-se observar a variação entre um marrom amarelado e um amarelo vibrante.

Continua após a publicidade

No entanto, os mais brilhantes e mais vibrantes tendem a ter maior valor e procura. Portanto, os diamantes amarelos com tons de castanho tendem a ser mais acessíveis que outros exemplares de cores de diamante.

2) Laranja

Cores de diamante, quais são? Origem, características e preços
Fonte: Hipercultura

Também recebem essa tonalidade por causa do nitrogênio. Apesar disso, para obter essas cores de diamante precisa-se que os átomos estejam alinhados de forma precisa e incomum. Portanto, é uma cor rara que aumenta o preço da pedra no mercado.

Curiosamente, em 2013 vendeu-se o maior diamante laranja do mundo por 35,5 milhões de dólares. Basicamente, o exemplar continha 14,82 quilates e era quase três vezes maior do que qualquer outro similar.

3) Diamante azul

Cores de diamante, quais são? Origem, características e preços
Fonte: Hipercultura

Em resumo, o diamante azul surge a partir de traços do elemento boro na composição da pedra. Desse modo, dependendo da concentração, pode haver uma variação entre azul claro ou azul escuro. Ademais, pode-se encontrar exemplares com uma variedade de tons verde-azulado.

Curiosamente, um dos diamantes mais valiosos do mundo é o Hope, uma pedra azul cujo valor estimado é de cerca de 200 milhões de dólares. Porém, pertence ao Instituto Smithsonian, e está nos Estados Unidos.

4) Diamante vermelho ou na cor rosa

Fotografia de uma gema vermelha
Fonte: Hipercultura

Por fim, os diamantes vermelhos são os mais raros do mundo. Sobretudo, encontram-se em minas específicas da África, Austrália e também do Brasil. Curiosamente, as cores de diamante nesse caso não surgem por impureza ou interferência química. Ou seja, formam-se naturalmente nessas tonalidades.

Continua após a publicidade

Apesar disso, somente 20 ou 30 unidades tiveram descobertas registradas no mundo. Desse modo, o maior é o Moussaieff Vermelho, com registro em Minas Gerais em 2001. Contudo, apresentava um pouco mais de 5 quilates, com uma venda que custou cerca de 10 milhões de dólares.

E aí, aprendeu sobre as cores de diamante? Então leia sobre Sangue doce, o que é? Qual a explicação da Ciência.

Próxima página »

Escolhidas para você