Curiosidades

Conheça David Icke e suas teorias da conspiração

David Icke é o teórico da conspiração mais visionário que existe, e suas teorias, como a invasão reptliana, são populares em todo o mundo.

O mais visionário teórico da conspiração, o inglês David Icke tornou-se muito popular ao propor, durante a década de 1990, uma ousada síntese do vasto catálogo de conhecimentos e aquisições científicas, antropológicas, históricas e sociológicas revolucionantes do final do milênio.

Nascido em Leicester em 1952, David Vaughan Icke, é um escritor e orador. Ele se dedicou, desde 1990, a pesquisar sobre “quem e o que está realmente controlando o mundo”. Anteriormente, foi um jogador de futebol profissional, repórter, apresentador de programa de esportes, e porta-voz do Partido Verde da Inglaterra e do País de Gales.

Já publicou 20 livros que explicam suas idéias, pensamentos e visões. Icke desenvolveu uma visão mundial tanto política quanto moral, que combina espiritualidade com uma denúncia apaixonada daquilo que ele percebe como tendências totalitárias e orwellianas no mundo moderno.

Veja as principais teorias de Icke a seguir!

Continua após a publicidade

Teorias da conspiração de David Icke

1. Teoria reptiliana

Em quatro livros publicados ao longo de sete anos – The Robots’ Rebellion (1994), And the Truth Shall Set You Free (1995), The Biggest Secret (1999) e Children of the Matrix (2001) ) – Icke estabeleceu uma visão de mundo moral e política que combinava o espiritualismo da Nova Era com uma denúncia das tendências totalitárias do mundo moderno.

No centro de suas teorias está a ideia de que o mundo está se tornando um estado fascista global, que um grupo secreto de humanóides reptilianos chamado Irmandade Babilônica controla a humanidade e que muitas figuras proeminentes são reptilianas, incluindo George W. Bush, a rainha Elizabeth II, Kris Kristofferson e Boxcar Willie.

2. Farsa do aquecimento global

David Icke também diz que a mudança climática – que ele chama de “a farsa do aquecimento global” – é uma conspiração engendrada pelas próprias pessoas que querem que o mundo continue usando combustíveis fósseis, a fim de justificar “a transformação da sociedade global”.

3. Robôs controladores de mentes

De acordo com Icke, nossos próprios processos de pensamento são controlados por uma rede internacional de maçons, jesuítas e banqueiros secretos, que empregam mensagens subliminares transmitidas pela TV e pela internet para criar robôs ‘controlados pela mente’ de todos nós.

Continua após a publicidade

Em The Robots Rebellion (1994), Icke fez uso acrítico daquela clássica falsificação anti-semita czarista Os Protocolos dos Sábios de Sião (1903). Nela, Icke afirma que o mundo está sujeito à manipulação e controle por uma ‘cabala’ secreta de anciãos judeus que se reúnem anualmente.

Na segunda edição de Robots Rebellion, este material foi cuidadosamente editado, mas a alegação geral de Icke de uma grande conspiração em ação em todo o mundo permaneceu.

4. ‘Destruição controlada’ das torres gêmeas

Outro livro de David Icke explora muito a perspectiva altamente duvidosa do passado. Icke afirma que a ‘versão oficial’ do 11 de setembro não resiste ao escrutínio, e que as Torres Gêmeas foram destruídas, não por terroristas, mas por ‘demolição controlada’.

Em outras palavras, foi um ‘trabalho interno’. Além disso, os eventos de 11 de setembro foram projetados pelas ‘elites’ sem rosto que realmente controlam os governos do mundo nos bastidores.

Continua após a publicidade

5. Teorias sobre o coronavírus

Mais recentemente, o ex-jogador de futebol e radialista esportivo compartilhou várias teorias falsas sobre o vírus em suas plataformas de mídia social. Aliás, uma alegação falsa diz que o COVID-19 estava vinculado à rede móvel 5G e comentários antissemitas sobre o envolvimento de um grupo judeu. Com efeito, o Twiter baniu David Icke por causa de suas alegações.

Um porta-voz do Twitter disse: “A conta mencionada foi suspensa permanentemente por violar as regras do Twitter em relação à desinformação do COVID”. Icke também já foi expulso do Facebook e do YouTube por informações controversas não comprovadas sobre a pandemia de coronavírus.

Fontes: Wikipédia, Tribuna Nacional, Aventuras na História, Blog da Clara, O arquivo, Revista Galileu

Leia também:

Continua após a publicidade

Teorias da conspiração: o que leva as pessoas a acreditarem?

Teorias da conspiração que parecem absurdas, mas são reais

5 mais insanas teorias da conspiração sobre Marte

EUA: 5 teorias da conspiração verdadeiras que chocaram o mundo

Continua após a publicidade

15 teorias da conspiração sobre o mundo da música

13 teorias da conspiração chocantes sobre desenhos animados

Próxima página »

Escolhidas para você