Curiosidades

Diferença entre sentimento e emoção: quais são e como controlar

Apesar de serem usadas como sinônimos, há diferença entre sentimento e emoção. Ou seja, são palavras com significados distintos.

Apesar de serem usadas como sinônimos há diferença entre sentimento e emoção. Ou seja, são palavras com significados distintos. No entanto, estão relacionados, já que uma emoção gera um sentimento. Que pode dar início a novas emoções. Portanto, o ciclo psicológico fica em constante desenvolvimento.

Ademais, as emoções se referem às reações instintivas ou a uma resposta neural como o choro ou riso, por exemplo. Já os sentimentos, refletem o que a pessoa sente diante uma emoção. Dessa forma, é mais duradouro. Além disso, muitas vezes é mais fácil de esconder.

Em suma, a emoção está ligada ao corpo e ao exterior. Enquanto que o sentimento está ligado ao interior e a mente. E para controlar os diferentes sentimentos, há sistemas cerebrais diferentes. Por fim, para saber gerenciar suas emoções e sentimentos é importante saber identificar essas diferenças. Dessa forma, é possível alcançar o equilíbrio emocional.

Diferença entre sentimento e emoção: o que é emoção

Globo

Para saber a diferença entre sentimento e emoção, você precisa entender como cada um funciona. Em suma, a emoção é uma reação química relacionada a um estímulo externo, causando experiências subjetivas e alterações neurobiológicas.

Ademais, a emoção ativa o sistema endócrino (hormônios), o sistema nervoso autônomo e o sistema musculoesquelético.

Dessa forma, a emoção faz com que o cérebro libere hormônios que vão alterar o estado emocional da pessoa. Com isso, podem ocorrer algumas reações físicas como palpitações, choro, suor e até mesmo dores inexplicáveis.

Continua após a publicidade

Entretanto, diferente dos sentimentos, as emoções são reações automáticas. Portanto, não pode ser controlada por vontade própria. Portanto, perante um acontecimento, cada pessoa terá uma emoção distinta. Além disso, a emoção está ligada à comunicação, pois, são perceptíveis as outras pessoas sendo possível identificar sua origem.

Enfim, as emoções podem variar entre uma escala de valência ou motivação. São elas:

  • Valência positiva: quando a emoção gera comportamento de aproximação. Como paixão, por exemplo.
  • Valência negativa: quando a emoção gera comportamento de afastamento. Como acontece ao nos afastarmos de algo por medo, por exemplo.

Além disso, as emoções podem ser:

  • Primárias: emoções mais perceptíveis;
  • Secundárias: emoções que nem sempre são perceptíveis;
  • De fundo: emoções que não são perceptíveis as pessoas.

Os tempos da emoção

Psicólogo e Terapia

Outra diferença entre sentimento e emoção é que a emoção é percebida em três tempos. Enfim, desde o recebimento da carga emocional até o seu efeito físico, a emoção é interpretada pelo organismo nos seguintes tempos:

  1. Sentir- você sente algumas das 5 emoções básicas: raiva, medo, alegria, tristeza ou afeto.
  2. Expressar verbal – você racionaliza, decodifica, expressa a emoção verbalmente.
  3. Atuar Corporal – você expressa às emoções através de reações físicas, positiva ou negativamente.

Diferença entre sentimento e emoção: o que é sentimento

Diferença entre sentimento e emoção: quais são e como controlar
Globo

Continuando com as diferenças entre sentimento e emoção, sentimento é o resultado de uma experiência emocional. Dessa forma, as reações geradas pelas emoções de forma consciente atuam como gatilhos para a criação de sentimentos. Ou seja, o sentimento é a tomada de consciência da emoção. No entanto, o sentimento é algo mais profundo, que pode ser disfarçado pelo indivíduo.

Diferente das emoções, os sentimentos podem ser controlados. Além disso, o sentimento pode ser passageiro ou durar a vida toda. Dessa forma, sentimentos negativos podem causar doenças como a depressão.

Continua após a publicidade

Por fim, enquanto a origem da emoção é facilmente identificada, o mesmo não acontece com o sentimento. Que pode passar despercebido a outras pessoas. Sendo assim, o sentimento é visto como uma disposição mental perante a algo ou alguém, como exemplo dos principais sentimentos, temos:

  • Amor
  • Felicidade
  • Ódio
  • Inveja
  • Compaixão
  • Decepção
  • Curiosidade
  • Gratidão
  • Justiça
  • Medo, entre tantos outros.

Diferença entre sentimento e emoção: vantagens de cada um

Pinterest

Relembrando as diferenças entre sentimento e emoção, as emoções são reações do cérebro diante acontecimentos externos. Que podem ser físicas também. Porém, são passageiras. Enquanto que os sentimentos são duradouros.

Em suma, a emoção é responsável por fazer o cérebro liberar hormônios que vão fazer a pessoa reagir às situações de perigo. O que a psicologia chama de comportamento de luta ou fuga. Além disso, as emoções não podem ser controladas, mas é possível entendê-las e estar mais consciente sobre elas.

E assim, tentar controlar o que está sentindo, mesmo sabendo que não tem como não ter medo, raiva, tristeza, etc. Afinal, para ter o controle emocional é preciso de treino, aprender a sentir as emoções. Porém, com menos intensidade.

Por fim, diferente das emoções, os sentimentos facilitam o aprendizado. Ou seja, os sentimentos permitem que você imagine o futuro e faça previsões.

Diferença entre sentimentos e emoções: as emoções básicas

Diferença entre sentimento e emoção: quais são e como controlar
Globo

Uma diferença entre sentimento e emoção é que as emoções possuem 5 modos básicos. E é a partir das 5 emoções básicas que outras emoções são produzidas. Que, por fim, produzem os sentimentos. São elas:

Continua após a publicidade
  1. Raiva: um estado momentâneo de nervosismo intenso que uma pessoa sente com relação a algo ou alguém. Ademais, a raiva pode estimular a agressividade física ou verbal. Além disso, essa emoção nasce de um bloqueio ou obstáculo insuperável. Enfim, a raiva acelera o cérebro causando o desequilíbrio.
  2. Medo: é um impulso que nos ensina o respeito ao limite. No entanto, quando se torna patológico, é preciso aprender a controlá-lo. Ademais, o medo nasce da sensação de perigo, fazendo com que a pessoa reaja fugindo ou lutando.
  3. Tristeza: surge da percepção da perda, sendo que quanto maior, maior será a tristeza. Ademais, a tristeza faz com que o corpo gaste muita energia. Por isso, é necessário ter um tempo para se recuperar. No entanto, é importante avaliar o grau da tristeza. Pois, longos períodos de tristeza levam à depressão e a outras doenças.
  4. Alegria: impulso fortalecedor da energia geral. Além disso, é uma emoção contagiante. Ademais, é considerada com um estado de satisfação extrema, de contentamento ou prazer.
  5. Afeto: surge da conexão profunda com pessoas, compartilhamento, contato e proximidade. Além disso, o afeto estimula todas as outras emoções. Pois, pessoas afetuosas se mantém conectadas e, quanto maior o afeto, mais conectada ela fica.

Como controlar os sentimentos e as emoções

Diferença entre sentimento e emoção: quais são e como controlar
Psicólogo e Terapia

Já sabemos a diferença entre sentimento e emoção. Agora, como controlá-los? Em suma, a estratégia é alterar a interpretação das emoções de forma consciente. Ou seja, através da programação mental positiva, que faz parte da inteligência Emocional.

Ademais, a Inteligência Emocional permite que você escolha como vai reagir diante situações de conflitos. Enfim, a desenvolver a inteligência emocional, a capacidade de perceber e nomear corretamente os sentimentos também é desenvolvido. Com isso, você se torna capaz de adequar suas reações emocionais, de forma a alcançar o equilíbrio.

Então, se você gostou dessa matéria, também vai gostar dessa: Inteligência emocional: o que é e como desenvolver a sua.

Fontes: CVV; Diferença; Psicologia; Protagonize Cursos;

Imagens: Youtube; Globo; Psicólogo e Terapia; Pinterest;

Bibliografia: Emoções e Sentimentos, por António R. Damásio e Josephe E. LeDoux, no livro: Kandel, E., Schwartz, J., Jessell, T., Siegelbaum, S., & Hudspeth, A. J. (2014). Princípios de neurociências-5. AMGH Editora.

Continua após a publicidade
Próxima página »

Escolhidas para você