Filtros do Instagram podem ajudar no diagnóstico de depressão

Você costuma usar os filtros do Instagram antes de compartilhar suas fotos na rede social? E você já prestou atenção se eles são mais felizes, mais sóbrios, coloridos ou preto e branco? Se a resposta é “não”, é bom você começar a se ater a este tipo de detalhes.

Isso porque, segundo pesquisadores das Universidades de Harvard e de Vermont, nos Estados Unidos, os filtros do Instagram pode ajudar no diagnóstico de depressão dos usuários. Interessante, não?

Segundo o estudo, que ainda está em fase de revisão para ser publicado em uma revista científica americana, existe uma relação direta entre a coloração dos filtros do Instagram usados nas fotos com o humor das pessoas. Ou você vai dizer que nunca postou uma foto com filtro melancólico em um dia de tristeza ou decepção?

1

Filtros do Instagram x Humor

Para chegar a esta conclusão, os pesquisadores analisaram os perfis de 166 voluntários do estudo. Antes de terem suas fotos investigadas, eles responderam perguntas sobre suas saúdes mentais. A partir de então, os pesquisadores viram mais de 44 mil fotos.

3

O que eles encontraram? Uma espécie de padrão depressivo, digamos assim. Segundo eles, pessoas mais felizes usam filtros do Instagram mais coloridos e alegres. Por outro lado, pessoas depressivas tendem a usar filtros mais escuros, como “inkwell”, que deixa as imagens preto e branco.

6

Interessante, não? E, agora, que tal tentar responder nossa pergunta do começo: quais os filtros do Instagram que você mais utiliza?

E, falando em depressão, muito cuidado com o que você come! Não entendeu? Confira esta outra matéria: 10 alimentos que causam depressão e você não sabe.

Fonte: Revista Galileu